• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.27.2015.tde-26052015-112544
Documento
Autor
Nome completo
Cláudio Pereira Bueno
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Prado, Gilberto dos Santos (Presidente)
Arantes, Priscila Almeida Cunha
Bastos, Marcus Vinicius Fainer
Mello, Christine Pires Nelson de
Tavares, Ana Maria da Silva Araujo
Título em português
Campos de invisibilidade
Palavras-chave em português
arquitetura
arte contemporânea
corpo
invisível
tecnologia
Resumo em português
Campos de invisibilidade é uma pesquisa teórico-prática que discorre sobre noções do invisível na arte contemporânea a partir, principalmente, de produções artísticas realizadas entre a segunda metade do século XX e os dias atuais. São tomadas como ponto de partida, as práticas conceituais desenvolvidas nos anos 1960 e 1970, no âmbito nacional e internacional, bem como suas influências anteriores. Tais práticas conduzem às reflexões sobre a desmaterialização do objeto artístico, a problematização da arte como apreensão estritamente visual e a inclusão do participador nas obras. Outros artistas e também arquitetos são analisados com o intuito de verificar o invisível nas relações entre corpo, arquitetura e tecnologia. Esses assuntos são discutidos em conjunto com uma série de projetos artísticos realizados pelo autor da tese, funcionando como chaves de abertura para os estudos. Já pela perspectiva teórica, são realizados diálogos com o filósofo M. Merleau-Ponty em O visível e o invisível (2012) e com a artista e filósofa Anne Cauquelin em Frequentar os incorporais (2008). Para tanto, esta tese é dividida em quatro capítulos: O invisível como campo, Sempre algo entre nós, Arquiteturas invisíveis e "Uma luz ilumina tudo/Mas deve haver mais". Por esse viés, o invisível é explorado como campo relacional, poético, crítico, sensível, político e social. Diante das referências estudadas, esses campos emergem como algo que modula as relações entre as pessoas e os espaços.
Título em inglês
Invisibility Fields
Palavras-chave em inglês
body, architecture
contemporary art
invisible
technology
Resumo em inglês
Invisibility Fields is a theoretical and practical study addressing notions of the invisible in contemporary art mainly based on artistic productions made between the second half of the 20th century and the present day. The conceptual practices developed in the 1960s and 1970s, at the national and international levels, as well as their earlier influences, are taken as a starting point. These practices lead to reflections on the dematerialization of the art object, the discussion of art as strictly visual apprehension, and the inclusion of the participant in the works. Other artists and architects are also analyzed with the aim of verifying the invisible in the relationships between body, architecture and technology. These issues are discussed in conjunction with a series of artistic projects carried out by the author of the thesis, serving as opening keys for the studies. As for the theoretical perspective, dialogues are held with philosopher Merleau-Ponty in The Visible and the Invisible (2012) and artist and philosopher Anne Cauquelin in Attending the Incorporeal (2008). This thesis is thus divided into four chapters: The Invisible as a Field, Always Something between Us, Invisible Architectures and "A Light Illuminates Everything/ But There Must Be More". From this angle, the invisible is explored as a relational, poetic, critical, sensitive, political and social field. Given the references studied, these fields emerge as something that modulates the relationship between people and spaces.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-05-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.