• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.27.2018.tde-17092018-175001
Documento
Autor
Nome completo
Maura Padula de Sousa Amaral
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Ferrari, Maria Aparecida (Presidente)
Bueno, Wilson da Costa
Costa, Davi Rogério de Moura
Freitas, Leninne Guimarães
Giuliani, Antonio Carlos
Nobre, Heloiza Helena Matos e
Título em português
Interfaces entre Comunicação, Cultura e Comprometimento no fortalecimento do Capital Social em Cooperativas: estudo múltiplo de casos
Palavras-chave em português
Capital Social
Comprometimento
Comunicação
Cooperativismo
Cultura
Resumo em português
O modelo de gestão cooperativista tem sido estudado em diversos campos do conhecimento, tais como a Economia, a Administração, as Ciências Sociais, entre outros. Nesta pesquisa, trazemos as cooperativas para ser o objeto de estudo por meio da Comunicação, Cultura Organizacional, Comprometimento e Capital Social. Especificamente no campo comunicacional, são poucos os estudos que se debruçaram sobre o conhecimento de como se dão os relacionamentos dos associados com a sua cooperativa. Este estudo teve como objetivo analisar a relação cooperativa-cooperado a partir do campo da comunicação, da cultura e do grau de comprometimento dos associados em relação ao empreendimento cooperativo, tomando-se como base de análise a Teoria Geral de Excelência em Relações Públicas, de Grunig (1992; 2009), as dimensões de Hofstede (2001) e a Escala de Bases do Comprometimento Organizacional (EBACO), desenvolvida e testada pela primeira vez por Medeiros (2005). Adotou-se como metodologia o estudo de casos múltiplos (Yin, 2015), desenvolvido em quatro cooperativas de dois dos ramos mais representativos do cooperativismo no Brasil, que são o agropecuário e o crédito. Os resultados ratificam a influência dos traços culturais de distância de poder e individualismo (Hofstede, 2001; 2010) e das práticas comunicacionais no grau de comprometimento dos cooperados com suas respectivas cooperativas. Constatou-se também que, nas sociedades com os índices de distância de poder e de individualismo mais altos, a participação dos cooperados nos seus empreendimentos cooperativos é inversamente proporcional. As cooperativas que investem em práticas de comunicação excelente (Grunig, 1992) apresentam níveis mais altos de comprometimento e de participação. Por fim, o alto grau de comprometimento dos associados cria um ambiente propício para fortalecimento do capital social em cooperativas.
Título em inglês
Interfaces amongst Communication, Culture and Commitment in the strengthening of Social Capital in co-ops: a multiple case study
Palavras-chave em inglês
Commitment
Communication
Cooperativism
Culture
Social Capital
Resumo em inglês
The cooperative model of management has been studied in various fields of knowledge, such as Economics, Business, Social Sciences, and others. In this study, we refer to co-ops as the object of study through Communication, Organizational Culture, Commitment and Social Capital. Especially in the communication field there are few studies that lean over the knowledge of how the relationships between associates and their co-ops take place. The aim of this study is to analyse the co-op and cooperate relationship from the field of communication, culture and the associates' degree of commitment in relation to the cooperative enterprise, having as a base Grunig's General Theory of Excellence in Public Relations' analysis (1992; 2009), Hofstede's dimensions (2001) and the Organizational Commitment's Base Scale (EBACO) as developed and tested for the first time by Medeiros (2005). The methodology adopted is the study of multiple cases (Yin, 2015), developed in four co-ops from two branches that represent best cooperativism in Brasil, namely the farming and the banking credit branches. The results ratify the influence of cultural traces of distance of power and individualism (Hofstede, 2001; 2010) and of the communication practice in the cooperates' degree of commitment with their respective co-ops. It is also observed that in societies with higher indexes of distance of power and individualism the cooperates' participation in their cooperative enterprises is inversely proportional. Co-ops which invest in excellent communication practice (Grunig, 1992) display higher levels of commitment and participation. Finally, a high level of commitment from associates create a proper environment for the strengthening of social capital in co-ops.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-09-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.