• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.27.2015.tde-26052015-122043
Documento
Autor
Nome completo
Solange Maria dos Santos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Noronha, Daisy Pires (Presidente)
Cuenca, Angela Maria Belloni
Mugnaini, Rogério
Poblacion, Dinah Apparecida de Mello Aguiar
Tuesta, Esteban Fernandez
Título em português
O desempenho das universidades brasileiras nos rankings internacionais: áreas de destaque da produção científica brasileira
Palavras-chave em português
Estudos métricos da informação
Indicadores bibliométricos
Instituições de Ensino Superior
produção científica
rankings de universidades
Resumo em português
Em menos de dez anos, os rankings universitários mundiais tornaram-se muito potentes, têm alcançado importância crescente, influenciando políticas, processos avaliativos, decisões de investimento e reestruturação institucional. No cerne da comparação global por eles realizada está o desempenho em pesquisa. Com isso, o objetivo do presente estudo foi analisar a influência da produção científica brasileira e suas áreas de destaque no desempenho das universidades brasileiras nos principais rankings internacionais. Como procedimentos metodológicos, além de pesquisa bibliográfica, foram empregados dados quantitativos relacionados à produção científica brasileira, abrangendo o período 2003-2012, coletados a partir das bases Web of Science (WoS), Essential Science Indicators (ESI) e Journals Citation Report (JCR). Os dados coletados foram analisados com base em múltiplos indicadores bibliométricos e cientométricos de produtividade, visibilidade e impacto e colaboração internacional. A análise do desempenho das universidades brasileiras nos rankings universitários foi realizada em cinco rankings internacionais e um nacional: Academic Ranking of World Universities (ARWU); Times Higher Education (THE), QS World University Rankings (QS); National Taiwan University Ranking (NTU); Leiden Ranking (LR) e Ranking Universitário Folha (RUF). Os resultados da análise revelaram que a contribuição brasileira para a produção científica mundial registrou crescimento de 100,34% no período analisado, ultrapassando o crescimento mundial, que foi de 40,50%. Com base nos indicadores utilizados, foram identificadas quatro áreas de destaque da produção brasileira: Medicina Clínica; Física; Geociências e Ciências Espaciais. Esta pesquisa revelou que o desempenho das universidades brasileiras nos rankings por áreas é melhor do que o alcançado pelas universidades no ranking geral. Conclui-se, também, que uma maior participação brasileira na produção mundial afeta positivamente a inclusão das universidades nos rankings, mas o mesmo efeito positivo não se verifica no alcance de melhores posições das universidades brasileiras nos rankings globais.
Título em inglês
Brazilian universities' performance in international rankings: prominent areas of Brazilian scientific production
Palavras-chave em inglês
Bibliometrics indicators
Higher Education Institutions
Metric studies of information
scientific production
universities rankings
Resumo em inglês
In less than ten years the world university rankings have become very potent. They have achieved increasing importance, influencing policies, evaluative processes, investment decisions and institutional reorganization. The research performance is at the heart of global comparison by university rankings. Thus, the aim of this study was to analyze the influence of the scientific production and its excellence areas on Brazilian universities' performance in international rankings. As methodological procedures, besides the literature review, quantitative data of the Brazilian scientific production were used, covering the period 2003-2012, collected from databases Web of Science (WoS), Essential Science Indicators (ESI) e Journals Citation Report (JCR). The recovered data were analyzed based on multiple bibliometric and scientometric indicators of productivity, visibility, impact and international collaboration. The Brazilian universities performance in university rankings was conducted in five internationals rankings and one national ranking: Academic Ranking of World Universities (ARWU); Times Higher Education (THE), QS World University Rankings (QS); National Taiwan University Ranking (NTU); Leiden Ranking (LR) and Ranking Universitário Folha (RUF). The results showed that the Brazilian contribution to the global scientific production grew by 100.34% in the period, overtaking the global growth, which was 40.50%. Based on the indicators were identified four excellence areas of the Brazilian production: Clinical Medicine; physics; Geosciences and Space Sciences. This research revealed that the performance of Brazilian universities in the rankings by areas is better than that achieved in the global ranking. This research also revealed that the performance of Brazilian universities in the rankings by areas is better than that achieved in the global rankings. It was concluded that greater Brazilian participation in world scientific production positively affects the inclusion of universities in the rankings, but the same positive effect does not arise in achieving better positions in the global rankings.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-05-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.