• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.25.2015.tde-03062015-102939
Documento
Autor
Nome completo
Aldo Enrique del Carpio Perochena
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2015
Orientador
Banca examinadora
Bramante, Clovis Monteiro (Presidente)
Andrade, Flaviana Bombarda de
Bernardes, Ricardo Affonso
Bullen, Izabel Regina Fischer Rubira de
Gavini, Giulio
Título em português
Efeito das nanopartículas de quitosana e da variação da concentração, temperatura e pH do hipoclorito de sódio sobre biofilmes orais formados in situ
Palavras-chave em português
Biofilme
Dentina
Hipoclorito de sódio
Nanopartículas
Quitosana
Resumo em português
O objetivo deste estudo foi avaliar se a variação da temperatura e pH do hipoclorito de sódio (NaOCl), incrementa sua capacidade antibacteriana e de dissolução. Foi avaliado também, se as nanopartículas de Quitosana (CNPs) inibem o crescimento bacteriano e removem a lama dentinária. Foram utilizados 260 blocos de dentina bovina infetados intra-oralmente. As soluções experimentais foram NaOCl a 1% e 2.5%, a temperatura ambiente e 37oC e acidificado a pH 5 e 7. Os tempos de exposição foram 5 e 20 min. Os espécimes foram analisados pré (controle) e pósirrigação. Após esta análise, as amostras foram incubadas em BHI por 24 horas e analisadas novamente quanto a reativação bacteriana. Estes procedimentos foram realizados em duplicado para poder determinar a porcentagem de limpeza dentinária. Para analisar o efeito quelante das CNPs sobre a dentina infetada in situ, as amostras receberam uma irrigação final com CNPs em solução e analisadas imediatamente ou infetadas intra-oralmente para avaliar o efeito antibacteriano. O NaOCl apresentou poder antibacteriano e foi capaz de dissolver significativamente o biofilme sem importar sua temperatura. O NaOCl em pHs ácidos apresentaram alto poder antibacteriano, contudo seu poder de dissolução decresceu. As CNPs foram capazes de significativamente remover a lama dentinária e interferir com o crescimento bacteriano sobre dentina. Portanto, a temperatura do NaOCl não é relevante quando é testada sobre biofilmes multi-espécies. O poder antibacteriano do NaOCl foi inversamente proporcional a seu pH, enquanto que a sua capacidade de dissolução foi diretamente proporcional. As CNPs podem ser uma alternativa para o uso de EDTA devido a suas propriedades quelantes e de interferir com a adesão inicial das bactérias sobre dentina.
Título em inglês
Effect of chitosan nanoparticles and the temperature and pH variations of sodium hypochlorite on biofilms formed in situ
Palavras-chave em inglês
Biofilm
Chitosan
Dentin
Nanoparticles
Sodium hypochlorite
Resumo em inglês
The aim of this study was to evaluate if the variation of the sodium hypochlorite (NaOCl) temperature and pH increase its antibacterial and dissolution abilities. It was also evaluated if the chitosan nanoparticles (CNPs) inhibit the bacterial growth and remove smear layer. Two hundred-sixty bovine dentin blocks were infected intraorally. The experimental solutions were 1% and 2.5% NaOCl at room temperature and 37oC. the solution was acidified at pH 5 and 7. The exposure times were 5 and 20 min. The specimens were analyzed pre- (control) and postirrigation. After that, the samples were incubated in BHI and analyzed again to evaluate the bacterial recolonization. These procedures were performed in duplicate to access the percentage of dentinal cleaning. The samples were rinsed with a final irrigation of CNPs and analyzed immediately to determine the chelating effect, or infected intraorally to evaluate its antibacterial ability. NaOCl showed antibacterial power and was able to significantly dissolve the biofilm regardless its temperature. NaOCl at acid pHs showed great antibacterial properties, however its dissolution ability decreased. The CNPs were able to remove significantly the smear layer and interfere with the bacterial growth on dentin. Therefore, the NaOCl temperature is not relevant when the solution was tested on multi-specie biofilms. The antibacterial power of NaOCl was inversely proportional to its pH, while its dissolution capacity was directly proportional. CNPs could be an alternative instead of EDTA due to its chelating properties and ability to interfere with the earlier bacterial adhesion on dentin.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-06-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.