• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.25.2019.tde-24012019-160008
Documento
Autor
Nome completo
Camila Moreira Machado
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2018
Orientador
Banca examinadora
Bonfante, Estevam Augusto (Presidente)
Cunha, Carolina Ortigosa
Lopes, José Fernando Scarelli
Pegoraro, Luiz Fernando
Título em português
Avaliação de próteses metalocerâmicas unitárias implantossuportadas carregadas imediatamente na região posterior: estudo prospectivo de 6 meses
Palavras-chave em português
Cerâmica
Implantes dentários
Prótese dentária
Resumo em português
O objetivo deste estudo clínico prospectivo foi avaliar próteses metalocerâmicas unitárias implantossuportadas imediatamente carregadas na região posterior, instaladas com contato oclusal em máxima intercuspidação. Dezenove pacientes com perdas unitárias posteriores foram selecionados para receber implantes unitários imediatamente carregados com coroas metalocerâmicas. Todos os implantes foram inseridos com torque de inserção mínimo de 32 N.cm. e as coroas foram instaladas 4 dias após a instalação dos implantes. Os parâmetros avaliados foram: (1) sobrevida dos implantes, (2) tecido mole peri-implantar (índice de placa modificado - IPM, profundidade de sondagem - PS, índice de sangramento periimplantar - ISP e nível de inserção relativo - NIR) (3) prótese (Critério USPHS modificado), (4) avaliação radiográfica (perda óssea peri-implantar - POP) e (5) correlação do torque de inserção com perda óssea peri-implantar. Os períodos de avaliação foram: 9 dias (T1), 30 dias (T2) e 6 meses após a instalação do implante (T3). Concordância inter-examinadores (CIC) foi calculada para todos os parâmetros avaliados. A taxa de sucesso dos implantes foi de 100%; a taxa de sucesso da prótese foi de 89,5%, sendo observadas 2 complicações relacionadas com afrouxamento dos parafusos protéticos. As médias do IPM, PS, ISP NIR foram respectivamente: 0,21 ± 0,63, 1,71 ± 0,45, 0,53 ± 0,77, 10,56 ± 1,19, 1,54 ± 0,35 no tempo T2 e 0, 0, 1,36 ± 0,37, 10,55 ± 0,97 no tempo T3. Na comparação dos tempos, somente PS e ISP diminuíram significantemente de T2 para T3 (p = 0,006 e p = 0,015, respectivamente). As médias do nível ósseo peri-implantar nos tempos T1 e T3 foram de 1,54 ± 0,35 e 0,47 ± 0,76, respectivamente, com diferenças estatisticamente significantes encontradas entre os dois períodos de avaliação. CIC foi considerado excelente para todos os parâmetros avaliados ( 0,75). Dentro das limitações do estudo, os resultados sugerem que a carga imediata de implantes unitários posteriores restaurados com coroas metalocerâmicas com contato oclusal em máxima intercuspidação é uma opção viável de tratamento. Entretanto, pesquisas futuras devem ser conduzidas para a validação de tal protocolo a médio/longo prazos.
Título em inglês
Evaluation of immediately loaded implant-supported metal ceramic crowns in the posterior region: prospective 6 months follow-up study
Palavras-chave em inglês
Ceramics
Dental implants
Dental prosthesis
Resumo em inglês
The purpose of this prospective clinical study was to evaluate implant-supported metal ceramic crowns immediately loaded in the posterior region, installed with occlusal contact at maximum intercuspation. Nineteen patients with posterior singleunit edentulous spaces were selected to receive implants immediately loaded with metal ceramic crowns. All implants were inserted with minimum insertion torque of 32 N.cm. and crowns were installed 4 days after implantation. The parameters evaluated were: (1) survival of the implants; (2) peri-implant soft tissue (modified plaque index - MPI and probing depth PD, peri-implant bleeding index PBI and relative insertion level RIL; (3) prostheses (modified USPHS criteria); (4) radiographic evaluation (peri-implant bone loss PBL) and (5) insertion torque correlation with peri-implant bone loss. The evaluation periods were: 9 days (T1), 30 days (T2) and 6 months after implant placement (T3). Inter-examiner agreement (IEA) was calculated for all parameters. The success rate of implants was 100%; the success rate of the prostheses was 89.5%, with 2 complications related to loosening of the prosthetic screws. The means of the MPI, PD, PBI, RIL were, respectively: 0.21 ± 0.63, 1.71 ± 0.45, 0.53 ± 0.77, 10.56 ± 1.19, 1.54 ± 0, 35 at T2 and 0, 0, 1.36 ± 0.37, 10.55 ± 0.97 at T3. In the comparison of evaluation time points, only PD and PBI decreased significantly from T2 to T3 (p = 0.006 and p = 0.015, respectively). Peri-implant bone level means at T1 and T3 times were: 1.54 ± 0.35 e 0.47 ± 0.76, respectively, with statistically significant differences between the two evaluation time points. IEA was considered excellent for all evaluated parameters ( 0,75). Within the limitations of the study, the results suggest that the immediate loading of posterior single implants restored with metal ceramic crowns with occlusal contact in maximal intercuspation is a viable treatment option. However, future research should be conducted to validate this protocol in the medium/long term.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Liberação
2021-01-23
Data de Publicação
2019-01-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.