• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.25.2012.tde-05112012-150009
Documento
Autor
Nome completo
Marcos Daniel Septimio Lanza
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2012
Orientador
Banca examinadora
Pegoraro, Luiz Fernando (Presidente)
Atta, Maria Teresa
Goes, Mario Fernando de
Poletto, Luiz Thadeu de Abreu
Rubo, Jose Henrique
Título em português
Avaliação da influência do tipo de cerâmica e protocolo de ativação no grau de conversão de cimentos resinosos por meio da espectroscopia Raman
Palavras-chave em português
Cerâmica
Cimento resinoso
Grau de conversão
Polimerização dual
Resumo em português
É crescente a aplicação dos cimentos à base de resina em próteses em cerâmica por exibirem propriedades estéticas e biomecânicas superiores aos cimentos convencionais. O presente estudo teve por objetivo avaliar o grau de conversão (GC) de quatro cimentos resinosos, sendo um com modo de polimerização físico (ChoiceTM 2/Bisco Inc), 2 com modo de polimerização dual (DuolinkTM/ Bisco Inc; VariolinkII®/Ivoclar-Vivadent) e um cimento com modo de polimerização químico (C&BTM/Bisco Inc), empregados na cimentação de coroas confeccionadas em cerâmica. Foram utilizados 42 pré-molares humanos que foram preparados para receber coroas totais confeccionadas com 2 sistemas cerâmicos: cerâmica de dissilicato de lítio (IPS e.MaxPress/Ivoclar-Vivadent®) e cerâmica de óxido de Zircônia estabilizada por Itrio (IPS e.maxZirCAD/Ivoclar-Vivadent®) para confecção dos copings, tendo uma cerâmica a base de fluorapatita como cobertura (IPS e.maxZirPresss/Ivoclar-Vivadent). Para a cimentação os dentes/coroas/cimento foram subdivididos aleatoriamente e, a foto ativação dos cimentos dual e físico, foi realizada com dois protocolos: foto-ativação nas faces vestibular, oclusal e lingual, com o tempo de exposição de 20s sequencialmente e foto-ativação somente por oclusal pelo tempo de 60s. O cimento químico foi mantido sem aturdimento por 15 minutos. Após a cimentação, os espécimes foram armazenados em água deionizada em estufa com temperatura de ±36oC e seccionados transversalmente após 7 dias em 3 regiões: cervical, no centro da coroa e 2mm aquém da face oclusal. O grau de conversão foi determinado pela técnica da espectroscopia Micro-Raman ao longo da linha de cimento nas face vestibular, mesial, lingual e distal. Os resultados foram submetidos a uma análise estatística ANOVA os quais mostraram que o GC dos cimentos com ativação em três faces sequencialmente depende da interação entre o tipo da cerâmica e da marca comercial do cimento; o GC sob a cerâmica de dissilicato de lítio é maior do que sob as cerâmicas de zircônia; em relação as faces e terços, o GC mostrou ser material dependente. Conclui-se que, o protocolo de ativação e a composição da cerâmica tem influência no GC dos cimentos analisados.
Título em inglês
Evaluation of the ceramic type and curing protocol on the degree conversion of resin cements used to lute full ceramic crowns by Raman spectroscopy
Palavras-chave em inglês
Ceramics
Degree conversion
Dual-cure
Resin cement
Resumo em inglês
There is a growing application of resin-based cements in ceramic prostheses for displaying aesthetic and biomechanical properties superior to conventional cements. The present study aimed to evaluate the degree conversion (DC) of four resin cements, one with physical curing mode (ChoiceTM 2/Bisco Inc), two dualcuring mode (DuolinkTM / Bisco Inc; VariolinkII® / Ivoclar-Vivadent) and one chemical curing mode (C&BTM / Bisco Inc) employed in the cementation of crowns made of ceramic. We used 42 human premolars were prepared to receive full crowns made with two ceramic systems: lithium disilicate ceramic (IPS eMaxPress/Ivoclar- Vivadent®) and Yttrium oxide stabilized zirconia (IPS e.maxZirCAD / Ivoclar - Vivadent®) for the fabrication of copings, with a ceramic veneer as fluorapatite based (IPS e.maxZirPresss / Ivoclar-Vivadent). For cementation, teeth/crowns/cement were randomly divided, and the photo activation of dual cements and physical, was performed with two protocols: photo-activation in the buccal, occlusal and lingual, with an exposure time of 20s in each face and photo-activation only by occlusal for 60s. The cement chemical was maintained for 15 minutes without stunning. After cementation, specimens were stored in deionized water in an oven at a temperature of 37°C and sectioned after 7 days in three regions : cervical, in the center of the crown and 2 mm below the occlusal surface. The degree of conversion was determined along the cement line in the buccal, mesial, lingual and distal by micro- Raman spectroscopy. The results were submitted to statistic analysis by ANOVA which showed that the DC of cements with activation in three sequentially faces depends on the relationship by ceramic composition and cement trademark; the DC under lithium dissilicate ceramic is greater than in the zirconia; regarding the faces and thirds, DC proved to be material dependent. In conclusion, curing protocol and ceramic composition has a influence on DC of the cements analyzed.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-11-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.