• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Rafael José Damasceno
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2017
Orientador
Banca examinadora
Caldana, Magali de Lourdes (Presidente)
Lamonica, Dionisia Aparecida Cusin
Lauris, José Roberto Pereira
Mandra, Patricia Pupin
Vieira, Leila Maria
Título em português
Perfil epidemiológico da polifarmacoterapia e morbidades em idosos de uma cidade do interior paulista
Palavras-chave em português
Doenças crônicas não transmissíveis
Envelhecimento
Polifarmácia
Resumo em português
O processo de envelhecimento traz consigo diversas modificação no âmbito pessoal e biológico do indivíduo. Expandindo-se essas transformações, para o âmbito populacional, na questão da saúde, delimita-se um crescente prevalências das denominadas doenças crônicas não transmissíveis. Nesta lógica, um maior número de moléstias crônicas, leva os indivíduos a ingerirem uma maior quantidade de fármacos, sejam eles prescritos por via clínica ou mesmo pela própria automedicação. Em vista disso, o presente trabalho objetivou realizar um levantamento epidemiológico para se traçar o perfil de saúde dos idosos de uma cidade do interior paulista, enfocando-se a presença de doenças crônicas não transmissíveis, medicamentos utilizados, a presença de polifarmácia e a qualidade de vida. A amostra foi composta por 241 idosos residentes da cidade de Duartina, SP. Primeiramente realizou-se um questionário geral para se determinar a presença de doenças e caracterização geral da amostra. Após, os idosos passaram pelo questionário de qualidade de vida e por um questionário sobre os medicamentos utilizados. A partir dos dados deste último, através do site drugs.com determinou-se a presença e os níveis de polifarmácia. Nos resultados, pode-se observar uma considerável prevalência de diabetes, dislipidemias e hipertensão, sendo as idosas as mais afetadas. Quanto ao uso dos fármacos, 22,7% utilizam, ao menos, cinco medicamentos distintos ao dia. Na análise da polifarmácia, 30% não apresentaram interações, 68% apresentaram nível moderado e 2% elevado. Através da correlação de Pearson, identificou-se que com o aumento do número de medicamentos utilizados, houve aumento do nível da intensidade da polifarmácia (p < 0,0001 e r = 0,81). Quanto à qualidade de vida, todos as áreas apresentaram índices relativamente altos, sendo o domínio físico com a melhor média e o ambiental com pior. Na análise por questão, os piores índices ficaram com dor, dependência de medicamentos e sentimentos negativos. Com a Correlação de Spearman, determinou-se que o aumento dos índices de polifarmácia diminuem a qualidade vida (p = 0,03 e r = -0,57). Deste modo, conclui-se que, nos idosos, há uma elevada prevalência de hipertensão, diabetes e das dislipidemias, bem como um considerável uso de diferentes medicamentos diariamente. Anexo a estes dados, a qualidade de vida apresentou índices adequados, sendo afetada negativamente pelo aumento do uso diários de medicamentos.
Título em inglês
Epidemiological profile of the health conditions of the elderly in a city in the interior of São Paulo
Palavras-chave em inglês
Aging
Chronic noncommunicable diseases
Polypharmacy
Resumo em inglês
The process of aging brings with it several modifications in the personal and biological scope of the individual. Expanding these transformations, for the population, in the health issue, delimits a growing prevalence of so-called chronic non-communicable diseases. In this logic, a greater number of chronic diseases, leads individuals to ingest a greater amount of drugs, whether they are prescribed clinically or even by self-medication. In view of this, the present study aimed to carry out an epidemiological survey to trace the health profile of the elderly in a city in the interior of the state of São Paulo, focusing on the presence of chronic noncommunicable diseases, medications used, the presence of polypharmacy and the quality of life. The sample consisted of 241 elderly residents of the city of Duartina, SP. Firstly, a general questionnaire was carried out to determine the presence of diseases and the general characterization of the sample. Afterwards, the elderly passed the quality of life questionnaire and a questionnaire about the medications used. From the data of the latter, through the website drugs.com was determined the presence and levels of polypharmacy. In the results, a considerable prevalence of diabetes, dyslipidemia and hypertension can be observed, with the elderly being the most affected. As for drug use, 22.7% use at least five different drugs a day. In the analysis of polypharmacy, 30% did not present interactions, 68% presented moderate level and 2% elevated. Through the Pearson correlation, it was identified that with the increase in the number of medications used, there was an increase in the level of polypharmacy intensity (p <0.0001 and r = 0.81). As for the quality of life, all the areas presented relatively high indexes, being the physical domain with the best average and the environmental one with worse. In the analysis by question, the worst indexes were pain, drug dependence and negative feelings. With Spearman's correlation, it was determined that the increase in polypharmacy indexes decreased the quality of life (p = 0.03 and r = -0.57). Thus, it is concluded that in the elderly, there is a high prevalence of hypertension, diabetes and dyslipidemias, as well as a considerable use of different drugs daily. Annexed to these data, the quality of life presented adequate indexes, being negatively affected by the increase in the daily use of medicines.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-02-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.