• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.25.2015.tde-27102015-163539
Documento
Autor
Nome completo
Mariane Regina de Oliveira Pachelli
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2015
Orientador
Banca examinadora
Lamonica, Dionisia Aparecida Cusin (Presidente)
Giacheti, Célia Maria
Tabaquim, Maria de Lourdes Merighi
Título em português
Habilidades de desenvolvimento de crianças prematuras entre um e dois anos
Palavras-chave em português
Deficiências do desenvolvimento
Desenvolvimento da linguagem
Desenvolvimento infantil
Prematuro
Resumo em português
A prematuridade relacionada ao baixo peso em bebês é considerada um fator de risco biológico ao desenvolvimento infantil. Permeando este achado de que a prematuridade possa levar à alterações do desenvolvimento, condição esta significativa nas fases iniciais, quando o cérebro está imaturo tornando a criança vulnerável à eventos interferentes nos processos de aquisição de habilidades, este estudo foi delineado, com o objetivo de verificar e comparar o desempenho de crianças nascidas prematuras de baixo peso e muito baixo peso com crianças nascidas a termo e com desenvolvimento típico de idade entre um a dois anos quanto as habilidades de linguagem, motora grossa, motora fina adaptativa, pessoal-social e visual. Após o cumprimento dos aspectos éticos, foram avaliadas 20 crianças prematuras de baixo peso (GE-I), 19 crianças prematuras com muito baixo peso (GE-II), 20 crianças nascidas a termo (GC-I) e 19 crianças nascidas a termo (GC-II), com desenvolvimento típico, pareadas quanto ao gênero, nível socioeconômico e idade cronológica. A avaliação foi composta por entrevista inicial com os responsáveis, Inventário de Desenvolvimento de Habilidades Comunicativas MacArthur - Primeiras palavras e gestos, Observação do Comportamento Comunicativo, Teste de Screening de Desenvolvimento Denver II e Early Language Milestone (ELM). Os procedimentos de análise seguiram as normativas previstas nos manuais dos instrumentos. Para as avaliações foi adotada correção de idade para os prematuros, considerando que a idade cronológica dos participantes era inferior a 24 meses. A análise estatística constou da aplicação do Teste t de Student, Teste de Mann-Whitney, Teste Exato de Fisher e Teste t pareado conforme a qualidade das variáveis. Os resultados indicaram diferença estatisticamente significante nas comparações entre os grupos GE-I e GC-I, GE-II e GC- II (com correção e sem correção da idade para os prematuros) para as habilidades de linguagem, motora grossa, motora fina adaptativa e pessoal-social, o mesmo ocorreu na comparação entre GE-I e GE-II intra grupo com correção e sem correção da idade para os prematuros. Na comparação entre GE-I e GE-II, com a correção da idade e com a idade cronológica observou-se diferença estatisticamente significante somente para as habilidades comunicativas avaliadas no instrumento Observação do Comportamento Comunicativo (OCC), apesar dos escores obtidos pelo GE-II serem mais modestos, o que demonstra a heterogeneidade entre os grupos. Na habilidade visual não foi observada diferença estatística significante nas comparações realizadas. Os resultados deste estudo podem reafirmar que a prematuridade pode interferir nas habilidades de linguagem, motora grossa, motora fina-adaptativa e pessoal social.
Título em inglês
Palavras-chave em inglês
Child development
Developmental disabilities
Language development
Premature infant
Resumo em inglês
Prematurity is considered a biological risk factor for infant development. Permeating the hypothesis that prematurity can lead to developmental disorders, a significant condition in the early stages, when the brain is immature making the child vulnerable to events that interfere in the processes of skill acquisition; this study was designed with the objective of comparing the performance of children born prematurely of low weight and very low weight with children born at term and typical development ages between one and two years old in relation to language skills, gross motor, fine motor adaptive, personal-social and visual performance. After meeting the ethical aspects, 20 children with prematurity of low weight (EG-I), 19 children with prematurity of low very weight (EG-II), 20 term infants (CG-I) and 19 term infants (CG-II) with typical development were evaluated; paired regarding sex, socioeconomic level and chronological age. The evaluation consisted of an initial interview with the parents or legal guardians, Anamnesis Questionnaire, MacArthur Communicative Development Inventories - First words and gestures, Communicative Behavior Observation Test, Developmental Screening Test II Denver and Early Language Milestone (ELM). The analysis procedures followed the regulations from the manuals of the instruments. The evaluation was adopted correction of age for premature considering that the chronological age of participants was less than 24 months. Statistical analysis consisted of applying Test "t" of Student, The Mann-Whitney test, Exact Fisher test and the t paired test according to the quality of the variables. The results indicated a statistically significant difference in the comparison between the GE-I and GC-I and GE-II and GC-II (with correction and without correction of age for premature infants) to language skills, gross motor, fine motor adaptive and personal-social, so did the comparison between GE-I and GE-II in within-group comparison with correction and without correction of age for premature infants. Comparing GE-I and GE-II, with the correction of age and chronological age showed a statistically significant difference only for communication skills assessed in the instrument observing the communicative behavior (OCC), despite the scores obtained by the GE- II are more modest, which shows the heterogeneity between groups. In visual ability was no statistically significant difference in the comparisons. The results of this study can reaffirm that prematurity can interfere with language skills, gross motor, fine motor- adaptive and social staff.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-10-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.