• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.25.2012.tde-01112012-220218
Documento
Autor
Nome completo
Thaís Corina Said de Angelo
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2012
Orientador
Banca examinadora
Moret, Adriane Lima Mortari (Presidente)
Bevilacqua, Maria Cecilia
Silva, Leandra Tabanez do Nascimento
Título em português
Qualidade de vida em adultos usuários de implante coclear
Palavras-chave em português
Adulto
Deficiência Auditiva
Implante Coclear
Qualidade de Vida
Resumo em português
A qualidade de vida é apontada como um dos aspectos avaliados como resultados em implante coclear. Os objetivos deste estudo foram avaliar a qualidade de vida de adultos usuários de implante coclear, estudar os resultados de qualidade de vida de adultos usuários de implante coclear comparados aos resultados de adultos com audição normal e estudar a influência das variáveis: nível socioeconômico, escolaridade, idade na avaliação, tempo de privação sensorial auditiva, tempo de uso do dispositivo e desempenho nos testes de percepção auditiva da fala na qualidade de vida dos adultos usuários de implante coclear. O total de 70 adultos usuários de implante coclear da Seção de Implante Coclear do Centro de Pesquisas Audiológicas (CPA) do Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais da Universidade de São Paulo campus Bauru (HRAC/USP) formou o grupo experimental e 50 adultos com audição normal fizeram parte do grupo controle. A qualidade de vida foi avaliada com o questionário genérico desenvolvido pela Organização Mundial de Saúde (OMS) denominado WHOQOL-bref. Foram realizadas avaliação e classificação socioeconômica e levantamento da escolaridade dos sujeitos de ambos os grupos. Os resultados apontaram que os adultos usuários de implante coclear apresentaram escores muito próximos à pontuação máxima que representa qualidade de vida satisfatória para todos os domínios do questionário WHOQOL-bref. A comparação dos resultados de qualidade de vida do grupo experimental com o grupo controle apontou resultados semelhantes entre os grupos, e a análise estatística mostrou não haver diferença estatisticamente significante entre os grupos, exceto para o domínio 4 (Meio Ambiente). As variáveis idade na avaliação, tempo de privação sensorial auditiva, tempo de uso do implante coclear e desempenho em percepção auditiva da fala não influenciaram os resultados de qualidade de vida de adultos usuários de implante coclear. A presença de problemas de saúde associados à deficiência auditiva, considerados graves e com necessidade de tratamento, influenciou a qualidade de vida dos sujeitos de ambos os grupos, para os domínios 1 (Físico), 5 (Autoavaliação da Qualidade de Vida) e na Pontuação Geral. A variável nível socioeconômico influenciou o resultado de qualidade de vida de adultos usuários de implante coclear para o domínio 4 (Meio Ambiente) e a variável escolaridade influenciou o resultado de qualidade de vida para o domínio 4 (Meio Ambiente) e para a Pontuação Geral. Ressalta-se que a preocupação em avaliar a qualidade de vida é vista como um dos cuidados das equipes interdisciplinares em implante coclear, no sentido de prover a intervenção não apenas com conhecimento especializado que abarca a deficiência auditiva e o implante coclear, mas também pautada por parâmetros físicos, sociais, emocionais, ambientais, dentre outros, estabelecidos nas medidas de qualidade de vida e que também caracterizam a intervenção como um cuidado humanizado.
Título em inglês
Quality of life in adults with cochlear implants
Palavras-chave em inglês
Adult
Cochlear Implant
Hearing Loss
Quality of Life
Resumo em inglês
Quality of life is pointed as one of the aspects evaluated as results in cochlear implant. The purpose of this study was to evaluate the quality of life of adults with cochlear implants, study the quality of life results of adults with cochlear implants in comparison with normal hearing adults and study the influence of the variables: socioeconomic status, educational status, age in the evaluation, time of auditory sensory deprivation, period of use of the device and the performance on speech perception tests on the quality of life of the adults with cochlear implants. The total of 70 adults with cochlear implants of the Cochlear Implant Department of the Audiology Research Center of the Hospital of Craniofacial Anomalies Rehabilitation of the University of São Paulo (CPA-HRAC/USP) formed the experimental group and 50 normal hearing adults formed the control group. The quality of life was evaluated with the generic questionnaire developed by the World Health Organization (WHO) named WHOQOL-bref. The socioeconomic evaluation and classification and the survey of educational status of the participants was performed. The results point that the adults with cochlear implants present scores very close to the maximum punctuation, representing satisfactory quality of life for all the domains of the WHOQOL-bref questionnaire. The comparison of the quality of life results of the experimental group and the control group pointed similar results between the groups, and the statistical analysis showed no significant differences between the groups, except for the domain 4 (Environment). The variables age in the evaluation, time of auditory sensory deprivation, period of use of the device and the performance on speech perception tests did not influence the quality of life results of adults with cochlear implants. The presence of health problems associated with hearing loss, considered serious and with need for treatment, influenced on quality of life of subjects of both groups, for the domains 1 (Physical), 5 (Self-rated Quality of Life) and for the Overall Score. The variable socioeconomic status influenced the quality of life results of adults with cochlear implants for the domain 4 (Environment) and the variable educational status influenced the quality of life results for the domain 4 (Environment) and for the Overall Score. It is noteworthy that the preoccupation with evaluating quality of life is considered one of the concerns of interdisciplinary teams in cochlear implants, in the sense of providing intervention not only with specialized knowledge which covers hearing loss and cochlear implants, but also marked by physical, social, emotional, environmental, and other parameters, established in the measures of quality of life and that also characterized the intervention as a humanized care.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-11-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.