• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.25.2018.tde-01102018-211605
Documento
Autor
Nome completo
Thaís Freire
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2018
Orientador
Banca examinadora
Crenitte, Patricia Abreu Pinheiro (Presidente)
Capellini, Vera Lúcia Messias Fialho
Costa, Aline Roberta Aceituno da
Mattar, Tais de Lima Ferreira
Título em português
Ações da fonoaudiologia na escola: programa de estimulação da consciência fonológica em escolares do 1° ano do ensino fundamental
Palavras-chave em português
Aprendizagem
Fonoaudiologia
Leitura
Saúde na escola
Transtornos de aprendizagem
Resumo em português
O sistema educacional brasileiro tem enfrentado grandes problemas, entre eles a dificuldade para se consolidar a alfabetização. Estudos apontam que as causas estão relacionadas principalmente à insuficiente estimulação das habilidades consideradas essenciais à aquisição da leitura e escrita. Embora dependa de um amplo conjunto de aptidões, a consciência fonológica é relatada como uma das mais relevantes a esse processo. Porém, há desconhecimento da maioria dos professores brasileiros sobre o tema e consequentemente poucos investimentos são realizados no ambiente escolar. Ainda que realizados, direcionam-se quase exclusivamente a atividades silábicas, menosprezando o fato de que em um sistema alfabético de escrita as letras representam fonemas e não sílabas. Sendo assim, o objetivo do estudo foi verificar a aplicabilidade de um programa de estimulação da consciência fonológica, abrangendo habilidades fonêmicas, para escolares no primeiro ano do ensino fundamental. Trata-se de estudo clínico, do tipo caso controle, não randomizado (quase-experimental), duplo cego. Participaram do estudo 69 escolares do primeiro ano do ensino fundamental de uma escola pública municipal, distribuídos entre Grupo Experimental (GE= 48) e Grupo Controle (GC= 21). O programa fundamentou-se no modelo de Resposta à Intervenção (RTI) em 1ª camada visando a estimulação diária das habilidades silábicas e fonêmicas de síntese, segmentação, e identificação, além da associação fonema-grafema. As atividades foram realizadas por 12 semanas, com duração de até 25 minutos, conduzidas pelos próprios professores, supervisionadas por um fonoaudiólogo. Os escolares foram avaliados, antes e após à intervenção, por meio de testes padronizados que averiguaram as habilidades de consciência fonológica, nível de leitura e hipótese de escrita. Os resultados demonstraram que o programa promoveu avanços estatisticamente significantes (p<0,05) nas habilidades de consciência fonológica do GE, repercutindo na aquisição da leitura e escrita em nível alfabético. Aproximadamente 80% dos escolares do GE alcançaram o nível alfabético de leitura e escrita, enquanto que apenas 30% dos participantes do GC apresentaram essa evolução. As análises estatísticas de correlação demonstraram que as habilidades fonêmicas estão fortemente associadas aos progressos em leitura e escrita. A taxa de não responsividade encontrada no estudo foi de aproximadamente 14% (n=7), ou seja, esses escolares não obtiveram melhor desempenho após as intervenções. Desses, 5 foram encaminhados para instituições especializadas que confirmaram diagnósticos dos transtornos de aprendizagem. Pode-se inferir que, por intermédio da metodologia empregada no estudo, foi possível identificar corretamente a maioria das crianças com sinais de riscos para os transtornos de aprendizagem e direcioná-las precocemente para os tratamentos necessários. Considerando os efeitos positivos no processo de alfabetização, conclui-se que o programa de consciência fonológica nos moldes da camada 1 da RTI é aplicável ao contexto escolar e sua implementação é uma necessidade do sistema educacional. O tamanho da amostra é uma limitação do estudo e interfere na generalização dos resultados. Sugere-se ampliação do número de participantes em futuras pesquisas.
Título em inglês
Speech-language pathology actions at school: phonological awareness program in the first grade
Palavras-chave em inglês
Learning
Learning disorders
Reading
School health
Speech, language and hearing sciences
Resumo em inglês
Academic failure is one of the most distressing problems of the Brazilian educational system, especially in the literacy process. The reading and writing development requires a set of skills, but phonological awareness has been reported as one of the most relevant. However, Brazilian teachers don´t have enough knowledge about the subject and consequently there are few investments on school environment. The aim of the study was to verify the applicability of a phonological awareness program for students in the first grade. It is a control-type study, non-randomized, double-blind. Sixty-nine students from a public school participated, distributed between Experimental Group (GE=48) and Control Group (GC=21). The program was based on Response to Intervention (RTI - Tier 1), aiming the daily stimulation of syllabic and phonemic skills (synthesis, segmentation, identification and phoneme-grapheme association). The activities were carried out for 12 weeks, lasting up to 25 minutes, conducted by the teachers, supervised by a speech therapist. The students were evaluated before and after the intervention, using standardized tests that investigated phonological awareness skills, reading and writing level. The results demonstrated that the program promoted statistically significant advances (p <0.05) in the EG phonological awareness skills. Approximately 80% of the EG students reached the alphabetical reading and writing level, while only 30% of the GC participants had this performance. Statistical analysis of correlation has demonstrated that phonemic skills are strongly associated with reading and writing progress. The nonresponsiveness rate was approximately 14% (n=7). Five of the EG students were referred specialized institutions and had the diagnosis of learning disorders. The phonological awareness program following RTI Tier 1 is applicable to the school environment because it promoted advances in reading and writing skills. However, the sample size could be considered a limitation of this study, Replication of the study is recommended with larger samples.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
ThaisFreire_Rev.pdf (2.40 Mbytes)
Data de Publicação
2018-10-05
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.