• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.25.2005.tde-12092007-173319
Documento
Autor
Nome completo
Cristina Miguel Sicca
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2005
Orientador
Banca examinadora
Granjeiro, Jose Mauro (Presidente)
Ferreira Júnior, Osny
Salata, Luiz Antonio
Título em português
Análise tomográfica e histomorfométrica comparativa entre enxerto ósseo autógeno e enxerto ósseo xenogênico em cirurgia de levantamento de seio maxilar em coelhos
Palavras-chave em português
coelhos
enxerto ósseo
seio maxilar
Resumo em português
O objetivo deste trabalho foi avaliar a neoformacão óssea induzida por um xenoenxerto bovino composto comparativamente ao ósseo autógeno, em cirurgias de levantamento de seio maxilar em coelhos. Nesse estudo utilizouse o seio maxilar de 18 coelhos machos, sendo que no seio maxilar esquerdo foi colocado 200mg de osso autógeno córtico-medular triturado e no seio maxilar direito, o biomaterial, de origem bovina, composto por matriz orgânica cortical e inorgânica medular, 'pool' de BMPs e colágeno (Gen- Tech®). Realizou-se análise tomográfica por tomógrafo computadorizado (TC) para avaliar a densidade óptica comparativamente entre os grupos e períodos experimentais, a histológica descritiva para verificar a resposta tecidual frente aos materiais implantados e a histomorfométrica para obter os dados de densidade de volume de tecido ósseo neoformado, tecido conjuntivo e/ou granulação, material residual e tecido mielóide. Os resultados obtidos pela TC demonstraram densidade óptica cerca de 2 vezes maior no grupo teste. Na análise histológica observou-se infiltrado inflamatório apenas no período de 2 semanas do grupo teste e exclusivamente ao redor do componente orgânico do biomaterial. Quanto a neoformação óssea, não houve diferença estatisticamente significativa entre os dois grupos experimentais ou ao longo dos períodos, no entanto a área de tecido mielóide foi cerca de 2 vezes maior no grupo controle. Considerando-se os limites do modelo experimental e da técnica empregada podemos concluir que o biomaterial Gen-Tech® é potencialmente indicado como substituto ósseo em cirurgias de levantamento de seio maxilar, uma vez que promove uma neoformação óssea similar à do osso autógeno.
Palavras-chave em inglês
bone transplantation
maxillary sinus
rabbits
Resumo em inglês
The purpose of this study was to evaluate new bone formation induced by a bovine xenograft compared to autogenous bone in maxillary sinus augmentation in rabbits. The maxillary sinus of 18 male rabbits were used, whereas the left sinus was filled with 200mg of a mixture of cortical and medullar autogenous bone and the right sinus was filled with a mix of organic and inorganic bovine matrix, plus 'pool' of BMPs and collagen (Gen-Tech®). Computer tomography (CT) analysis was realized to evaluate and compare the optical density among the groups and experimental periods; descriptive histologic analysis was used to verify the tissue response to the materials implanted. In addition, histomorphometric analysis was realized to evaluate volume density of the newly formed bone, connective tissue and/or granulation tissue, residual material and myeloid tissue. The results obtained in the CT demonstrated an optical density approximately 2 times greater in the test groups. Histological analysis revealed an inflammatory infiltrate at 2 weeks in the test group and exclusively around the organic portion of the material. Regarding new bone formation, no statistical differences were observed among the two experimental groups or throughout the experimental periods. However the area of myeloid tissue was 2 times greater in the control group. Considering the limits of the experimental model and technique used in this study, it is possible to conclude that Gen-Tech® is a biomaterial with potential applications as a bone substitute in maxillary sinus augmentation once it is able to promote the formation of new bone similarly to autogenous bone.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
CristinaSicca.pdf (1.05 Mbytes)
Data de Publicação
2007-09-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.