• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.25.2003.tde-19032005-094950
Documento
Autor
Nome completo
Sung Hyun Kim
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2003
Orientador
Banca examinadora
Greghi, Sebastiao Luiz Aguiar (Presidente)
Bosco, Alvaro Francisco
Passanezi, Euloir
Pinzan, Arnaldo
Tramontina, Vinícius Augusto
Título em português
Estudo morfológico da superfície radicular e do periodonto de dentes submetidos aos procedimentos de extrusão ortodôntica rápida e extrusão cirúrgica em cães
Palavras-chave em português
cães
morfologia dentária
movimentação dentária
raiz dentária
Resumo em português
A invasão das distâncias biológicas do periodonto marginal por fraturas dentárias, cáries, preparos protéticos subgengivais e trepanações, desencadeiam sérias conseqüências sobre o periodonto. Usualmente para a recuperação da condição biológica em dentes com o comprometimento destas distâncias, diferentes abordagens terapêuticas periodontais são utilizadas, tais como retalho posicionado apicalmente com osteotomia, extrusão ortodôntica e mais recentemente a extrusão cirúrgica. O princípio básico da extrusão cirúrgica é o mesmo da extrusão ortodôntica, movimentar a raiz para uma posição mais coronal, ou seja, deslocar a região cervical comprometida do dente para uma posição supragengival. Sendo assim, este tratamento seria indicado apenas em dentes com ápice completamente formado e com o remanescente intra-alveolar longo o suficiente para suportar uma coroa protética. A extrusão cirúrgica foi relatada como uma solução eficaz para fraturas subgengivais de dentes anteriores em jovens e em situações de destruição da coroa dentária por cárie, nas quais os dentes receberam diferente tipos de restauração43,44,45,46,47,48,79,80. Apesar da efetividade clínica e de algumas vantagens sobre a extrusão ortodôntica, a extrusão cirúrgica tem sido realizada baseando-se na reparação após reimplante dentário imediato. As considerações da reparação deste procedimento extrapolariam para a extrusão cirúrgica devido as semelhanças clínicas. Tanto a extrusão cirúrgica como a ortodôntica com movimento rápido não são descritos na literatura com considerações histológicas durante o processo de reparação. Por isso, este estudo tem o objetivo de avaliar comparativamente os dentes que foram submetidos aos procedimentos de extrusão ortodôntica rápida e extrusão cirúrgica, em períodos determinados. Para o estudo foram selecionados 18 cães machos adultos divididos em 6 grupos de 3 animais cada. Em cada animal foram aplicados dois procedimentos, a extrusão ortodôntica como lado controle e a extrusão cirúrgica como lado experimental. Para tanto foram escolhidos os dentes incisivos laterais superiores e antes do início da extrusão foram realizados tratamentos endodônticos nos dentes. No lado controle, a tração foi rápida usando uma força acima dos níveis considerados fisiológico. O movimento dentário foi promovido pela ativação do elástico em cadeia que ligou entre o pino intra-canal e a ancoragem transversal, ambos confeccionados com fio de aço 0,7 mm. A tração coronal foi de aproximadamente 3 mm e o tempo médio variou de 3 a 4 semanas. No lado experimental, a extrusão cirúrgica foi pela avulsão cuidadosa do dente e a reposição do mesmo no alvéolo numa posição aproximadamente 3 mm mais coronal. A raiz extruída foi estabilizada somente por sutura interproximal e um apoio incisal com um fio de aço ligado ao dente vizinho para prevenir esfoliação no período inicial. Os animais foram sacrificados de modo a obter amostras dos períodos de 7, 14, 45, 90, 120 e 180 dias pós-operatórios. As peças removidas em bloco, após a fixação em formol tamponado a 10 % e descalcificação, tiveram processamentos laboratoriais de rotina e cortes transversais nos terços coronal, médio e apical, e as lâminas obtidas foram coradas pela técnica de hematoxilina-eosina e avaliadas histologicamente. Os resultados mostraram a importância da manutenção do ligamento periodontal e superfície do cemento vital e íntegro para prevenir reabsorção radicular. A ruptura do ligamento periodontal promoveu a deflagração da atividade de reabsorção radicular que foi observada nos períodos iniciais de 7 e 14 dias do grupo experimental. As amostras dos períodos mais avançados mostraram a reparação extensa das reabsorções em todos os terços avaliados, principalmente a de reabsorção de superfície. É importante salientar que todas as cavidades de reabsorção foram reparadas sendo inicialmente não funcional, porém nas amostras finais mostraram ser funcionais. A ancilose não foi um achado regular como se relata nos estudos de reimplante dentário. No lado controle, em função da aplicação da força pesada com o objetivo de tração rápida observou-se também algumas alterações na superfície radicular. A atividade de reabsorção não foi vista, porém nos períodos mais avançados mostraram áreas de reparação da reabsorção de superfície, demonstrando assim, o efeito lesivo da tração rápida. Mesmo assim, com semelhança ao lado experimental, todas as reabsorções de superfície foram reparadas funcionalmente nos períodos avançados. É importante salientar que apesar das reabsorções radiculares associadas ao trauma mecânico cirúrgico e ortodôntico, a reparação das mesmas com restabelecimento funcional do ligamento periodontal foi alcançada, porém não se pode afirmar regeneração das estruturas. Frente aos resultados obtidos, há de se convir que os procedimentos de extrusão dentária, sejam cirúrgicos ou ortodônticos, levam à obtenção de um processo biológico satisfatório com aplicabilidade clínica sugerida.
Resumo em inglês
The invasion of biological width of the marginal periodontium by tooth fractures, caries, subgingival prosthetic preparations and root trepanations cause serious consequences on the periodontal structures. Usually, in teeth with compromised biological width, different therapeutic approaches are used, such as: apical positioned flap associated with osteotomy, orthodontic extrusion and more recently the surgical extrusion. The basic concepts of the surgical extrusion are the same as the orthodontic extrusion: to move the root to coronal position, or, in other words, replace the cervical portion of the root to a supragingival position. This treatmentwould be indicated only in teeth with complete formation of the root apex and witha sufficient root length to support a prosthetic crown.The surgical extrusion technique was related as an efficient solutionto subgingival fractures of anterior teeth in child and in situations of coronaldestruction caused by caries in teeth treated with different types ofrestoration43,44,45,46,47,48,79,80. Although the surgical extrusion technique has clinical effectiveness and some advantages above the orthodontic extrusion, it has been realized based only on the healing process described in the immediate tooth replantation. The healing considerations about this procedure would be used to the surgical extrusion technique because their similarities. Both surgical and rapid orthodontic extrusion have no histological considerations described in the literature. The aim of this work was to compare histologically teeth submitted to orthodontic or surgical extrusion in different periods of time. In this study, 18 male mongrel dogs were randomly selected and separated in 3 group of 6 animals each. In each animal, two procedures were taken: orthodontic extrusion (control side) and surgical extrusion (test side). Endodontic treatment were performed in the lateral incisors previously to the extrusion. In the control side, rapid orthodontic traction was performed using a force above the physiological levels. Tooth movement was done with rubber rings linked to an intra root post and a transversal bar (0.7 mm orthodontic wire) fixed in the adjacent teeth. Coronal traction was 3mm in length and the average time was 3 to 4 weeks. In the experimental side, surgical extrusion was performed with carefully luxation and avulsion of teeth in the same alveoli in a position 3mm coronally. The extracted root was stabilized with interproximal sutures of the flap and an incisal stop was done with orthodontic wire fixed to the adjacent tooth to prevent exfoliation in the initial period. Animals were sacrificed at 7, 14, 45,90, 120 and 180 days. The samples were removed and fixed in formalin 10%. Routine laboratorial embedding was performed and cross sections were taken in the coronal, median and apical thirds and stained with hematoxilin and eosin. Results showed the importance of maintenance of the vitality of the periodontal ligament and root cement to prevent root resorption. The rupture of periodontal ligament promoted resorption activity and inflammation, observed on the period of 7 and 14 days on the experimental group. The samples of the later periods showed extensive reparation of the resorbed areas in all thirds evaluated. It is important to say that all the cavities caused by resorption were repaired, being initially not functional, but at the final periods they were functional. The ankylosis was not a regular finding. In control teeth, because of the intense force applied, it was observed some root alterations. Resorption activity was not seen, but in the later periods of sacrifice, it was possible to observe areas of repair of superficial resorptions, showing a negative effect of the rapid orthodontic extrusion. Even though, in the same manner of the experimental side, all superficial areas of resorption healed functionally in the later periods. Instead of the presence of areas root resorption associated with mechanical trauma (surgical or from orthodontics), the repair of these areas with the establishment of a functional periodontal ligament was achieved, but we can not assume that there was regeneration of the structures. Within the limits of this study, it was possible to conclude that tooth extrusion, performed by surgical or orthodontic techniques leads to a physiological process of healing, being possible to apply in clinical situations.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
SungHyunKim.pdf (2.21 Mbytes)
Data de Publicação
2005-04-04
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.