• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.25.2000.tde-18032005-165449
Documento
Autor
Nome completo
Letícia Borges Jacques
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2000
Orientador
Banca examinadora
Rubo, Jose Henrique (Presidente)
Araujo, Carlos dos Reis Pereira de
Araujo, Paulo Amarante de
Título em português
Análise do estresse gerado em componentes de prótese fixa implanto-suportada através do uso de extensômetros
Palavras-chave em português
implante dentário osseointegrado
prótese dentária
prótese parcial fixa
Resumo em português
O êxito clínico dos implantes osseointegrados é amplamente determi nado, pela maneira como o estresse mecânico é transferido do implante, ao tecido ósseo circundante, sem gerar forças de grande magnitude, o que poderia colocar em risco a longevidade do próprio implante e da restauração protética. Inúmeros aprimoramentos técnicos, assim como desenhos e ligas metálicas alternativas para a confecção de infra-estruturas, têm sido propostos para melhorar os procedimentos protéticos. O objetivo deste trabalho foi verificar a distribuição de estresse em componentes de prótese fixa implanto-suportada, através do uso de extensômetros, em função de duas ligas metálicas. Corpos de prova simulando infra-estruturas para uma situação de prótese total fixa mandibular, foram confeccionados em liga de cobalto -cromo e paládio-prata e posicionados sobre um modelo-mestre. Uma carga estática vertical de 100N foi aplicada na extremidade livre, a uma distância de 10, 15 e 20mm para distal do centro do intermediário terminal. Os resultados demonstraram que em grandes extensões de cantilever, a liga de cobalto-cromo apresentou um padrão de distribuição de forças semelhante à liga de paládio-prata com cantilever curto. Independente do local de aplicação da força e da liga utilizada na confecção das infra-estruturas, o intermediário mais próximo do ponto de aplicação da carga foi o que registrou a maior deformação específica. O emprego de uma liga de cobalto-cromo na confecção de infra-estruturas para prótese sobre implantes pode permitir braços de cantilever mais extensos.
Resumo em inglês
The clinical success of osseointegrated implants are largely influenced by the manner mechanical stresses are transfered from implant to surrounding bone, without generating forces of a magnitude that would jeopardize the longevity of implant and prosthesis. A variety of technical improvements, as well as alternative framework designs and alloys have been reported to improve prosthetic procedures. The aim of this study was to analyse stress distribution on components of a fixed implant-supported prostheses, fabricated with two metal alloys. The samples simulated a typical mandibular fixed complete -arch framework and were fabricated on cobalt-chromium alloy and palladium-silver alloy and positioned on a master-cast. A vertical estatic load of 100N was applied on the cantilever arm at a distance of 10, 15 and 20mm from the center of distal abutment. Strain gauges were positioned on the mesial and distal aspects of each abutment to capture deformation.The results demonstrated that for large cantilever extensions, the cobalt-chromium alloy presented a pattern of force distribution similar to that observed with palladium-silver alloy with short cantilever. Irrespective of the point of load application and the metal alloy used in the framework construction, the abutment closer to the point of load application registered the highest especific deformation. Using a cobalt-chromium alloy may allow longer cantilever arms.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2005-04-04
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.