• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.25.2000.tde-18032005-143914
Documento
Autor
Nome completo
João Evandro da Silva Miranda
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2000
Orientador
Banca examinadora
Conti, Paulo Cesar Rodrigues (Presidente)
Araujo, Carlos dos Reis Pereira de
Camparis, Cinara Maria
Consolaro, Alberto
Oliveira, Wagner de
Título em português
Avaliação longitudinal da efetividade das placas oclusais reposicionadoras no controle de patologias da ATM: comparação com placas oclusais estabilizadoras e um grupo controle
Palavras-chave em português
patologias da articulação temporomandibular
placas oclusais
prótese dentária
reabilitação oral
Resumo em português
O objetivo desse estudo foi avaliar a efetividade das placas oclusais reposicionadoras no controle de patologias intra-articulares da ATM, quando comparadas a um tratamento convencional (placa estabilizadora) e um grupo sem tratamento (controle). A amostra contou de 52 pacientes portadores de sinais e sintomas de desordens intra-articulares da ATM, divididos, aleatoriamente em três grupos, de acordo com o procedimento empregado: grupo I (n=20), utilizou placa estabilizadora, grupo II (n=18) utilizou placa reposicionadora e grupo III (n=14), sem nenhum tratamento. Toda a amostra foi acompanhada durante um ano, sendo avaliada através de questionários anamnésicos, palpação muscular e da ATM, movimentação mandibular e detecção de sons articulares. Uma avaliação da condição oclusal também foi realizada nos diferentes períodos de exame. Os resultados demonstraram uma maior efetividade das placas reposicionadoras na redução inicial da dor relatada pelo paciente, assim como uma diminuição na sensibilidade a palpação na ATM. Todos os grupos mostraram-se semelhantes após seis meses de controle em relação aos sintomas, assim como em relação aos ruídos articulares. Os índices de palpação muscular mostraram-se melhor para todos os grupos, sendo que a oclusão também não se alterou significantemente. Baseado no acima exposto, conclui-se que a terapia de uso parcial das placas reposicionadoras constitui-se num meio efetivo de controle das patologias intra-articulares da ATM.
Resumo em inglês
The aim of this study was to evaluate the effectiveness of repositioning occlusal splints partial use in the management of TMJ intra-articular disorders. A comparison group (using stabilization splints) a control group (with no treatment) were also part of this study. The sample was constituted by 52 patients with complaints of TMJ noises and pain, randomly divided into three groups: I - stabilization splints (n=20), II - repositioning splints (n=18) and III (no treatment). The whole sample was evaluated by means of TMJ and muscle palpation, mandibular range of motion, occlusal contacts and pain Visual Analogue Scale (VAS) for one year. Repeated measurements ANOVA, two way ANOVA, Kruskal-Wallis and Mc Nemar's tests accounted for the statistical analysis. Results have shown a significant improvement (p<0,01 in pain report (VAS) and palpation index for group II. No significant occlusal changes were present in any group. Indeed , muscle palpation values also decreased regardless the group studied (p<0.05). Similar results for pain and join noises reduction were observed after the sixth month of follow-up for the entire sample (including the control group). Based on that, it was concluded that the partial use of repositioning splints are important tools in the management of TMJ pathologies.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
JoaoMiranda.pdf (995.43 Kbytes)
Data de Publicação
2005-04-04
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.