• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.25.2003.tde-16082005-093342
Documento
Autor
Nome completo
Gildo Coelho Santos Júnior
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2003
Orientador
Banca examinadora
Rubo, Jose Henrique (Presidente)
Araújo, Roberto Paulo Correia de
Ferreira, Paulo Martins
Francisconi, Paulo Afonso Silveira
Mowafy, Omar El
Título em português
Resistência à tração diametral de uma resina composta associada a pinos intra-radiculares pré-fabricados.
Palavras-chave em português
pinos dentários
resinas compostas (resistência)
resistências a tração
Resumo em português
Este estudo teve a finalidade de verificar influência de diferentes tipos de pinos intra-radiculares sobre a resistência à fratura de um material restaurador coronário, utilizando o teste de tração diametral. Foram confeccionados 70 corpos de prova divididos em 7 grupos: G1. Compósito (Tetric Ceram – Ivoclar/Vivadent) (Grupo Controle); G2. Compósito e pino VectrisPost (Ivoclar/Vivadent); G3. Compósito e pino Fiber-Post (Jeneric/Pentron); G4. Compósito e pino Æstheti-Plus (Bisco); G5. Compósito e pino Light-Post (Bisco); G6. Compósito e pino Dentorama (Svenska) e G7. Compósito e pino ParaPost (Còltene/Whaledent). Todos os grupos foram submetidos ao ensaio de tração diametral em uma máquina de ensaios Instron, modelo 8501, até a fratura. A média dos grupos em MPa foi: G 1- 49,64 (3,36); G 2- 29,77 (3,36); G 3- 31,9 (2,39); G 4- 28,92 (2,20); G 5- 34,26 (3,37); G 6-33,45 (2,46) e G 7- 27,90 (2,40). A análise estatística dos dados nos permitiu concluir que: os pinos utilizados não reforçaram a resina composta; os pinos Light-Post, Dentorama e Fiber-Post apresentaram os melhores valores de adesividade ao material de reconstrução coronária e que o pino metálico ParaPost apresentou o menor valor de adesão à resina de reconstrução coronal.
Título em inglês
Diametral tensile strength of a resin composite core bonded to prefabricated posts.
Resumo em inglês
The purpose of this study was to determine the influence of different types of posts on the fracture strength of a resin composite core material using the diametral tensile strength test. Seven groups of specimens were prepared each with 10 cylindrical specimens made of one composite material (Tetric Ceram, IvoclarVivadent) as follows: Group 1- Control group of composite only specimens; Group 2-Composite and VectrisPost (IvoclarVivadent); Group 3- Composite and Fiber-Post (Jeneric/Pentron); Group 4- Composite and Æstheti-Plus post (Bisco); Group 5- Composite and Light-Post (Bisco); Group 6- Composite and Dentorama post (Svenska) and group 7- Composite and ParaPost (Coltene/Whaledent). Following storage specimens were subjected to compressive loading in an Instron testing machine (model 8501) until failure occurred. Means and standard deviations of diametral tensile strengths in MPa were: Group 1- 49,64 (3,36); Group 2- 29,77 (3,36); Group 3- 31,9 (2,39); Group 4- 28,92 (2,20); Group 5- 34,26 (3,37); Group 6- 33,45 (2,46) and Group 7- 27,90 (2,40). Statistical analysis revealed significant differences in mean diametral tensile strengths among the groups. It is concluded that the use of posts did not reinforce the composite resin cores. Among the post/core groups Light-Post, Dentorama post and Fiber-Post resulted in the highest values of tensile strength while ParaPost resulted in the lowest value of tensile strength.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2005-08-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.