• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Marcos José Custódio Neto da Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Martins, Marília Trierveiler (Presidente)
Corrêa, Luciana
Nagata, Gabriela Sanchez
Siqueira, Filipe Modolo
Título em português
Análise da expressão de marcadores de células-tronco tumorais em queilite actínica e carcinoma epidermoide de lábio
Palavras-chave em português
Carcinoma epidermoide de lábio (CEL)
Célula-tronco tumoral
Fotocarcinogênese
Queilite actínica (QA)
Resumo em português
A hipótese das células-tronco tumorais vem ganhando destaque como um dos principais modelos para explicar a formação de neoplasias malignas. CD44, ALDH1 e p75NTR são alguns dos marcadores usados com êxito para separar a subpopulação de células-tronco tumorais, mas sua expressão imuno-histoquímica nunca foi estudada em lesões de lábio causadas pela radiação ultravioleta (UV). O objetivo deste estudo foi avaliar a expressão de CD44, ALDH1 e p75NTR em lábio normal (LN), queilite actínica (QA) e carcinoma epidermoide de lábio (CEL), além de estudar a expressão de p53 e correlacioná-la com a expressão dos marcadores de células-tronco tumorais. Para isso, foram selecionados blocos de material parafinado provenientes do serviço de patologia oral, resultando em 4 casos de LN, 43 casos de QA, subdivididos de acordo com o grau de displasia, e 20 casos de CEL. Os casos foram submetidos à reação imuno-histoquímica. Todos os casos foram positivos para CD44, com expressão membranosa e padrão de marcação praticamente invariável entre os grupos de QA e CEL (p=0,09). Os casos de LN foram negativos para o ALDH1; 51,1% e 55,5 % dos casos de QA e CEL, respectivamente, forma positivas para o ALDH1. A marcação era citoplasmática, geralmente em poucas células. Não houve diferença na expressão de ALDH1 entre os graus de displasia epitelial (p=0,37) e quando CEL era comparado à QA (p=0,9). Todos os casos de LN foram positivos para p75NTR; 95,3% e 80% dos casos de QA e CEL foram positivos para p75NTR. A expressão era membranosa/citoplasmática em LN e QA, em camada basal e parabasal, e citoplasmática em CEL, na região periféricas das ilhas. Houve diferença na expressão de p75NTR entre os grupos de displasia epitelial (p<0,001), mas não entre QA e CEL (p=0,4). Todos os casos de LN e QA foram positivos para p53; 80% dos casos de CEL foram positivos. A expressão foi nuclear apenas, mas não houve diferença na expressão de p53 entre os graus de displasia epitelial (p=0,33) e entre QA e CEL (0,24). Não houve correlação significativa entre CD44, ALDH1 e p75NTR, quando avaliados entre si, e não houve correlação entre p53 e os marcadores de células-tronco tumorais. Os marcadores de células-tronco tumorais estão presentes em lesões potencialmente malignas e malignas de lábio, porém suas expressões não variaram entre QA e CEL. A expressão de p75NTR variou entre os graus de displasia epitelial.
Título em inglês
Expression analysis of stem cell markers in actinic cheilitis and lip squamous cell carcinoma
Palavras-chave em inglês
Actinic cheilitis (AC)
Cancer stem cell
Lip squamous cell carcinoma (LSCC)
Photocarcinogenesis
Resumo em inglês
Cancer stem cell hypothesis is becoming one of the main models to explain the generation of malignant neoplasms. CD44, ALDH1 and p75NTR are some of the markers successfully used to sort the subpopulation of cancer stem cells. However, their immunohistochemical expression were not studied in lip lesions caused by ultraviolet radiation (UV) so far. The aim of this study was to evaluate CD44, ALDH1 and p75NTR expression in normal lip (NL), actinic cheilitis (AC) and lip squamous cell carcinoma (LSSC). We also evaluated p53 expression and its correlation with the expression of the stem cell markers. In order to do that, paraffin-embbeded cases were selected from the oral pathology service, giving a total of 4 cases of NL, 43 cases of AC and 20 cases of LSCC. Immunohistochemical staining was performed in all the sample. All cases were positive for CD44, showing a membranous staining and a pattern of expression almost invariable between the groups AC and LSSC (p=0,09). All cases of NL were negative for ALDH1; 51,1% of AC and 55,5% of LSCC were positive. It was observed cytoplasmic staining, usually in a few cells. The ALDH1 expression showed no difference between the grades of epithelial dysplasia (p=0,37) and between AC and LSCC (p=0,9). All cases of NL were positive for p75NTR; 95,3% of AC and 80% of LSCC were positive for p75NTR. We observed membranous/cytoplasmic staining in NL and AC in the basal and parabasal layer and cytoplasmic staining in LSCC in the peripheral layers of the tumor islands. P75NTR showed difference in the expression among the grades of epithelial dysplasia (p<0,001) but showed no difference between the groups AC and LSCC (p=0,4). All cases of NL and AC were positive for p53; 80% of LSCC were positive for p53. The protein showed nuclear expression with no difference among the grades of epithelial dysplasia (p=0,33) and between AC and LSCC (0,24). There was no significant correlation among CD44, ALDH1 and p75NTR was observed and no significant correlation between p53 expression and the stem cell markers. The stem cell markers are present in potentially malignant and malignant lesions of the lip, but their expression show no variation between AC and LSCC. The expression of p75NTR varied between the grades of epithelial dysplasia.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-12-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.