• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.23.2012.tde-11092012-131536
Documento
Autor
Nome completo
Gabriel Denser Campolongo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Luz, Joao Gualberto de Cerqueira (Presidente)
Bianchini, Esther Mandelbaum Gonçalves
Borelli Neto, Laurindo
Elias, Fernando Melhem
Homem, Maria da Graca Naclerio
Título em português
Avaliação eletromiográfica do músculo masseter nos pacientes portadores de fratura de face
Palavras-chave em português
Eletromiografia de superfície
Fratura de face
Músculo masseter
Resumo em português
Este estudo analisou por meio de um eletromiógrafo de superfície as atividades dos músculos masseteres, direito e esquerdo, de 30 pacientes com diagnóstico de fratura de ossos da face, com uma média de 1,33 fraturas por paciente, em quatro momentos, no pré-operatório e nos pós-operatórios equivalentes ao 7°, 30° e 60° dias posteriores à cirurgia. Considerou-se o valor de cada medida, a média entre três contrações máximas isométricas voluntárias de duração de cinco segundos cada uma. Os paciente foram agrupados de acordo com o diagnóstico da fratura, sendo com fratura da mandíbula 50%, fratura do zigomático 33%, fratura da maxila 10% e com fraturas associadas 6,7%. Os pacientes apresentaram menor atividade dos músculo masseter no período pré-operatório, quando comparado a valores considerados normais, em todos os grupos de fraturas, seguida de queda acentuada no pós operatório de 07 dias, sendo que todos os grupos apresentaram recuperação da atividade em 60 dias, porém abaixo do valor normal encontrado na literatura. Os valores médio observados foram em ordem decrescente: fratura de zigomático, fratura de mandíbula, fratura de maxila e fraturas associadas. As fraturas de mandíbulas unilaterais apresentaram maiores valores que as fraturas bilaterais na maioria dos tempos. Houve diferença altamente significante na comparação da evolução da atividade do músculo masseter direito e esquerdo para as fraturas de mandíbula e de zigomático, sendo que na comparação par a par houve diferença significante entre a maioria dos grupos.
Título em inglês
The electromyographic study of masseter muscle in patients with facial fracture
Palavras-chave em inglês
Electromyographic surface
Facial fracture
Masseter muscle
Resumo em inglês
This study analyzed using a surface electromyographic activity of the masseter muscles, right and left, of 30 patients with fractures of facial bones, with an average of 1.33 fractures per patient, four times, the pre-operative and postoperative equivalent to the 7th, 30th and 60th days after surgery. It was considered the value of each measurement, the average of three isometric maximum voluntary contractions for five seconds each. Patients were grouped according to the diagnosis of fracture, 50% of the mandible fracture, 33% of the zygomatic fracture, 10% of maxilla fracture and 6,7% with associated fractures. The patients showed lower activity of the masseter muscle in the preoperative period, when compared to normal values in all groups of fractures, followed by a sharp drop in the postoperative period of 07 days, and all groups showed a recovery of activity in 60 days, but below the normal value found in the literature. The average values were observed in decreasing order: zygomatic fracture, mandible fracture, maxilla fracture and associated fractures. The unilateral jaw fractures showed higher values than the bilateral fractures in most of the times. There was a highly significant difference in comparing the evolution of the activity of the masseter muscle right and left to the mandibular and zygomatic fractures, if compared pairwise significant difference between most groups.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-09-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.