• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.23.2018.tde-04042018-112542
Documento
Autor
Nome completo
Alexandre Hugo Llanos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Romito, Giuseppe Alexandre (Presidente)
Carvalho, Cássio Volponi
Romano, Marcelo Munhóes
Saraiva, Luciana
Título em português
Comparação das alterações dimensionais do rebordo alveolar pós-exodontia entre a técnica de preservação alveolar com a utilização de substituto ósseo xenógeno e a cicatrização espontânea: ensaio clínico aleatório
Palavras-chave em português
Enxerto ósseo
Perda de osso alveolar
Regeneração óssea
Substitutos ósseos
Tomografia computadorizada de feixe cônico
Resumo em português
A cicatrização de um alvéolo após a extração dental é uma resposta reparadora. Após a exodontia, a cicatrização espontânea irá levar à perda do volume e do formato do rebordo original. A preservação alveolar envolve qualquer procedimento que limite os efeitos da reabsorção pós-extração. O objetivo deste estudo foi avaliar o uso de um substituto ósseo xenogênico na preservação alveolar pós-extração dental comparado com a cicatrização espontânea em dentes anteriores da maxila com defeitos ósseos da parede vestibular maiores do que 50%. Foram tratados 13 pacientes com necessidade de exodontia de dente anterior da maxila com perda >50% da parede vestibular. Todas as exodontias foram realizadas sem retalho. Os pacientes foram alocados aleatoriamente em grupo teste: preservação alveolar com substituto ósseo (7 participantes) e grupo controle: cicatrização espontânea (6 participantes). O desfecho primário foi a alteração dimensional do rebordo alveolar calculada entre as imagens tomográficas de início (pós-exodontia) e depois de 4 meses da intervenção, na espessura 1mm abaixo da porção coronal da crista (HW-1). Os desfechos secundários foram as medidas vestibular e palatina, e os segmentos transversais HW-3 e HW-5. A medida HW-1 reduziu 51,21 % no grupo teste e 82,80% no grupo controle, com uma diferença intergrupos estatisticamente significante de 31,59%. Para as medidas transversais, houve redução estatisticamente significante tanto para HW-3 quanto para HW-5 entre os dois grupos. Em alvéolos com perda da parede vestibular maior que 50%, a utilização do substituto ósseo promoveu uma menor perda horizontal na ordem de 30%.
Título em inglês
Comparison of dimensional alterations of the post-extraction socket between the alveolar preservation technique with the use of xenogenic bone substitute and spontaneous healing: randomized clinical trial
Palavras-chave em inglês
Alveolar bone loss
Bone regeneration
Bone substitute
Cone-beam CT
Heterografts
Resumo em inglês
The healing process of post-extraction sockets is bone resorption. After tooth extraction, spontaneous healing will lead to loss of volume and shape of the original ridge. Alveolar ridge preservation involves any procedure that limits the effects of post-extraction resorption. The objective of this study was to evaluate the use of the xenogenic bone substitute in the post-extraction alveolar preservation compared to spontaneous healing in anterior maxilla teeth with vestibular wall defects greater than 50%. Thirteen patients with anterior maxillary tooth extraction with a > 50% buccal wall loss were treated. All the surgeries were made flapless. Patients were randomly assigned to a test group: alveolar preservation with bone substitute (7 participants); and control group: spontaneous healing (6 participants). The primary outcome was the dimensional alteration of the alveolar ridge calculated between the tomographic images at the beginning (post-extraction) and after 4 months of the intervention, at the thickness 1mm below the coronal portion of the crest (HW-1). Secondary outcomes were measures buccal and palatine, and HW-3 and HW-5 cross-sections. The HW-1 measure reduced 51.21% in the test group and 82.80% in the control group, with a statistically significant intergroup difference of 31.59%. For the other horizontal measurements, there was a statistically significant reduction for both HW-3 and HW-5 between the two groups. In sockets with buccal wall loss greater than 50%, the use of the bone substitute provided a 30% lower horizontal loss.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-04-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.