• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.23.2016.tde-19012016-160345
Documento
Autor
Nome completo
Luis Eduardo Charles Pagotto
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Ortega, Karem Lopez (Presidente)
Coracin, Fábio Luiz
Pinto Júnior, Décio dos Santos
Título em português
Estudo clinicopatológico retrospectivo dos casos de tumores odontogênicos diagnosticados no Serviço de Patologia Cirúrgica da FOUSP no período de 1957 a 2012
Palavras-chave em português
Ameloblastoma
Epidemiologia
Neoplasias bucais
Odontoma
Resumo em português
Os tumores odontogênicos formam um grupo complexo de lesões, de comportamento clínico variado e encontrado exclusivamente na região bucomaxilofacial. Originam-se a partir das células que normalmente teriam a função de formar o dente, processo esse denominado odontogênese, que tem seu início entre a sexta e a sétima semanas de vida intrauterina. O objetivo deste trabalho foi realizar um estudo clinicopatológico de tumores odontogênicos diagnosticados no Serviço de Patologia Cirúrgica da Faculdade de Oodontologia da Universidade de São Paulo de 1957 a 2012. Foram compilados das fichas de requisição de exames e/ou prontuários dados referentes ao sexo, idade no momento do diagnóstico, cor da pele (branca, negra, ou outras), sintomatologia, tamanho da lesão, duração, localização anatômica, aspectos radiográficos, diagnóstico clínico e histopatológico. Os casos diagnosticados como tumores odontogênicos foram revisados, por um examinador previamente calibrado, com o objetivo de reclassificação das lesões conforme proposição atual da Organização Mundial da Saúde em 2005. Todos os dados obtidos foram inseridos e tabulados no Microsoft Office Excel 2013 e analisados no software BioEstat 5.0. Medidas de frequência central e de dispersão foram obtidas e os resultados apresentados em forma de tabelas e gráficos. Na análise estatística, foi empregado o teste Z de duas proporções com nível de significância de 5%. No período compreendido de 01 de janeiro de 1957 a 31 de dezembro de 2012, foram diagnosticados 2.114 casos de tumores odontogênicos. Do total de casos diagnosticados, 75 casos foram retirados da análise, pois representavam a mesma lesão em diferentes momentos. Portanto, 2.039 casos de tumores odontogênicos foram incluídos e, após revisão dos casos e reclassificação diagnóstica dos tumores odontogênicos, os 2.039 casos foram agrupados em 16 tipos histológicos diferentes, entre os quais 2.029 (99,51%) eram benignos e 10 (0,49%) malignos. De uma maneira geral, os tumores odontogênicos afetam pacientes na segunda e terceira décadas de vida, sem predileção por sexo, apresentam-se menores do que 1cm de diâmetro e são diagnosticados, em média, 2 anos após seu surgimento. A maioria das lesões acometem a região posterior da mandíbula, com exceção do odontoma e tumor odontogênico adenomatóide, e apresentam aspecto radiográfico radiolúcido inespecífico, o que dificulta um diagnóstico preciso sem a avaliação anatomopatológica.
Título em inglês
Retrospective clinicopathological study of cases of odontogenic tumors diagnosed in the FOUSP Surgical Pathology Service in 1957 and 2012
Palavras-chave em inglês
Ameloblastoma
Epidemiology
Mouth neoplasms
Odontoma
Resumo em inglês
Odontogenic tumors are a complex group of lesions, varied clinical behavior and found exclusively in the oral and maxillofacial region. Originate from cells that would normally have the function of forming the tooth, a process called odontogenesis, which begins between the sixth and seventh weeks of intrauterine life. The aim of this study was a clinicopathological study of odontogenic tumors diagnosed in Surgical Pathology Service of Oodontologia of the University of São Paulo from 1957 to 2012 were compiled from surveys of request forms and / or records data on gender, age at diagnosis, skin color (white, black, or other), symptoms, lesion size, duration, anatomic location, radiographic findings, clinical and histopathological diagnosis. The cases diagnosed as odontogenic tumors were reviewed by a calibrated examiner, in order to reclassify injuries as current proposition of the World Health Organization in 2005. All data were entered and tabulated in Microsoft Office Excel 2013 and analyzed in software BioEstat 5.0. Central frequency and dispersion measurements were obtained and the results presented in tables and graphs. In the statistical analysis, we used the Z test for similar proportions with 5% significance level. In the period of January 1, 1957 to December 31, 2012 were diagnosed 2,114 cases of odontogenic tumors. Of all diagnosed cases, 75 cases were removed from the analysis because they represented the same injury at different times. Therefore, 2,039 odontogenic tumors were included and, after review of the cases and diagnostic reclassification of odontogenic tumors, 2,039 cases were grouped into 16 different histological types, including 2 029 (99.51%) were benign and 10 (0, 49%) malignant. In general, the odontogenic tumors affect patients in the second and third decades of life, with no gender preference, are presented less than 1cm in diameter and are diagnosed on average two years after its inception. Most injuries involve the posterior mandible, except for the odontoma and adenomatoid odontogenic tumor, and feature radiolucent radiological findings nonspecific, which hinders accurate diagnosis without pathological assessment.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-02-12
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.