• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Teresa Márcia Nascimento de Morais
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2003
Orientador
Banca examinadora
Adde, Carlos Alberto (Presidente)
Dib, Luciano Lauria
Perez, Flávio Eduardo Guillin
Título em português
"Câncer de boca: avaliação do conhecimento dos cirurgiões dentistas quanto aos fatores de risco e procedimentos de diagnóstico"
Palavras-chave em português
Diagnostico bucal
Neoplasias bucais
Resumo em português
RESUMO O objetivo deste estudo foi avaliar o conhecimento de cirurgiões dentistas inscritos em cursos de estética quanto aos fatores predisponentes e de diagnóstico do câncer bucal, a partir de um questionário previamente testado. O desenvolvimento de materiais e técnicas odontológicas e o anseio cada vez maior do ser humano em busca da beleza têm levado um número crescente de pacientes aos consultórios odontológicos. Julgamos este momento oportuno para informar a população e diagnosticar precocemente o câncer de boca. Com relação às características gerais dos 465 participantes, houve predominância de uma população jovem, com idade inferior a 39 anos, maior participação feminina e quase 1/3 formados de 10 a 20 anos. As características clínicas da ocorrência desta neoplasia não estão claras para os entrevistados, uma vez que somente metade indicou o carcinoma espinocelular como o tipo mais comum, e aproximadamente metade tem conhecimento das características do linfonodo em metástase cervical. Cerca de 20% desconhece a região da boca e a faixa etária de maior ocorrência deste tumor, e também o seu aspecto inicial. Entretanto, 75,7% reconhecem a leucoplasia como a condição mais comumente associada ao câncer bucal. Com relação aos fatores de risco, o consumo de tabaco, história familiar e consumo de álcool estão claros para quase todos os participantes, mas, em se tratando das demais condições apresentadas como fatores de risco, as dúvidas e contradições estão evidentes. Na prática clínica relacionada ao câncer de boca, observa-se que 14,2% não realizam exames para identificar lesões bucais, sendo que, destes, 80,3% não sabem como fazê-lo. Apenas 5,8% realizam procedimentos de diagnóstico, com a grande maioria considerando regular ou insuficiente seu conhecimento na área. Somente 16,6% têm confiança para realizar o diagnóstico. Mais da metade está há mais de 5 anos sem realizar um curso de atualização em câncer de boca, apesar de terem interesse em faze-lo no futuro. Concluindo, os cirurgiões dentistas ainda não apresentam conhecimento e treinamentos ideais para difundir os meios de prevenção e detecção precoce do câncer de boca.
Título em inglês
"Oral cancer: assessment of the dentist´s knowledge as for risk factors and diagnosis procedures"
Palavras-chave em inglês
Diagnostic procedures
Oral cancer
Resumo em inglês
ABSTRACT The purpose of this paper is assessing the knowledge of dentists who are registered at aesthetics courses as for predisposing and diagnosis factors of oral cancer, through a previously tested questionnaire. The development of odontological materials and techniques allied to a longing of a human being who is more and more in search of beauty, has taken an increasing number of patients to odontoligical consultation rooms. We consider this an opportune moment to inform the population and to do the early diagnosis of oral cancer. On what concerns the general characteristics of the 465 participants, there was a predominance of a young population, whose age was under 39 years, more female participation and almost 1/3 who had been graduated for 10 to 20 years. The clinical characteristics of this neoplasia occurrence are not clear for the persons interviewed, since only half of them have indicated the spinocellular carcinoma as the most common one and approximately half of them are aware of the lymph node characteristics in cervical metastasis. Around 20%, ignores the region of the mouth and the age group where this tumor occurs more frequently, and also its initial aspect. Notwithstanding, 75,7% recognizes the leucoplasia as the condition more frequently associated with oral cancer. On what concerns risk factors, the use of tobacco, family history and alcohol intake are clear for almost all the participants, but on what refers to the other conditions presented as risk factors, the doubts and contradictions are evident. On the clinical practice related to oral cancer, it is observed that 14,2% don’t do examinations for identifying buccal lesions, and among these ones, 80,3% don’t know how to do it. Only 5,8% does diagnosis procedures, and the great majority considers their knowledge in the area, regular or insufficient. Only 16,6% has enough confidence to do the diagnosis. In spite of being interested in doing courses in the future, more than half of them have not taken any upgrading course on oral cancer for more than 5 years. Concluding, the dentists still don’t present ideal knowledge and training to diffuse the means for prevention and early detection of mouth cancer.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
TeseToda.pdf (1.28 Mbytes)
Data de Publicação
2004-07-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.