• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Gabriela Oliveira Berti
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Bonecker, Marcelo Jose Strazzeri (Presidente)
Alvarez, Jenny Haydeé Abanto
Carvalho, Thiago Saads
Oliveira, Luciana Butini
Pannuti, Claudio Mendes
Título em português
Incidência de cárie dentária em diferentes intervalos de retorno para consulta odontológica de pré-escolares com risco baixo de cárie dentária: ensaio clínico randomizado
Palavras-chave em português
Ansiedade odontológica
Incidência de cárie
Intervalo de retorno
Pré-escolares
QVRSB
Resumo em português
Objetivos: Avaliar a efetividade entre diferentes intervalos de retorno na incidência de cárie em pré-escolares que apresentaram risco baixo de cárie dentária, e também, avaliar o nível de ansiedade e qualidade de vida relacionada à saúde bucal (QVRSB) das crianças de acordo com cada intervalo empregado. Métodos: A amostra foi composta por 224 crianças de escolas públicas, com idade entre 3 a 5 anos, de ambos os sexos, com baixo risco de cárie. As crianças foram alocadas aleatoriamente em dois grupos de estudo, de acordo com dois intervalos de retorno, sendo: Grupo 1 (G1) - exame clínico bucal + escovação dental profissional + orientação de higiene bucal e dieta no intervalo de retorno de 12 meses e Grupo 2 (G2) - exame clínico bucal + escovação dental profissional + orientação de higiene bucal e dieta no retorno de 18 meses. O exame clínico bucal foi realizado por um examinador previamente calibrado e cego aos grupos de estudo e aos desfechos secundários. O exame clínico bucal incluiu o índice de sangramento gengival de Löe, índice de biofilme dentário de Greene e Vermillion simplificado, detecção de lesões de cárie e da sua atividade de acordo com o ICDAS (International Caries Detection and Asessment System). O nível de ansiedade e a QVRSB foram avaliados pela Escala de Imagem Facial e pelo B-ECOHIS, respectivamente, por um dentista externo. O dentista externo também realizou as orientações sobre higiene bucal e dieta, e a avaliação das condições socioeconômicas. Os testes qui-quadrado e o de Mann-Whitney foram utilizados para avaliar a diferença na proporção de crianças e na média de dentes com novas lesões de cárie entre G1 e G2, respectivamente. Análises de Regressão de Poisson com variância robusta foram realizadas para avaliar o desfecho primário de incidência de cárie dentária considerando dois pontos de corte durante os retornos: 1) incidência de lesões de cárie não cavitadas ativas; 2) incidência de lesões cavitadas em dentina. Resultados: Foi observado uma diferença estatisticamente significativa unicamente para a incidência de lesões iniciais de cárie ativas entre os grupos (p=0,012). Na consulta de retorno crianças que pertenciam ao G2 tiveram maior risco de desenvolver lesões iniciais ativas em comparação ao G1 (RR= 2,37; p=0,047) e também aquelas com um maior índice de placa bacteriana (RR=3,14; p<0,001). Crianças que moram em família não nuclear (RR=2,56; p=0,007), com mais de um irmão (RR=2,53; p=0,037), e que utilizavam dentifrício sem flúor ou em baixa concentração no baseline (RR=3,91; p=0,012), tiveram maior risco de desenvolver lesões de cárie iniciais ativas. Crianças com maior número de dentes com lesões iniciais ativas nos retornos tiveram maior risco de desenvolver lesões de cárie cavitadas em dentina (RR=1,62; p=0,001). Conclusões: O intervalo de retorno de 12 meses é mais efetivo na incidência de cárie não cavitada ativa em pré-escolares de baixo risco de cárie, sendo que estas lesões são um fator preditivo para a progressão de lesões de cárie cavitadas em dentina. Porém não há diferenças na escolha do intervalo de retorno para lesões cavitadas em dentina, níveis de ansiedade e QVRSB.
Título em inglês
Incidence of dental caries in different recall intervals for dental check-up of preschool children with low risk of dental caries: Randomized Clinical Trial
Palavras-chave em inglês
Dental anxiety
Incidence of caries
OHRQoL
Preschool children
Recall interval
Resumo em inglês
Objectives: To assess the effectiveness between different recall intervals on dental caries incidence in preschool children with low risk of caries, as well as, the level of anxiety and oral health-related quality of life (OHRQoL) of children according to each interval applied. Methods: The sample consisted of 224 children from public schools, aged between 3 to 5 years, of both genders, with low risk of caries. The children were randomly allocated into two study groups according to two recall intervals being: Group 1 (G1) - oral clinical examination + professional dental brushing + orientation for oral health and diet on the recall of 12 months and, Group 2 (G2) - oral clinical examination + professional dental brushing + orientation for oral health and diet on the recall of 18 months. A previously calibrated and blinded examiner for study groups and secondary outcomes performed the oral clinical examinations. The examinations consisted of the Löe gingival bleeding index, Greene and Vermillion simplified dental biofilm index, detection of caries lesions and their activity according to the International Caries Detection and Assessment System (ICDAS). An external dentist assessed the anxiety levels and OHRQoL scores by the Facial Imaging Scale and B-ECOHIS, respectively. The external dentist also performed dental hygiene and diet orientations, and the assessment of socioeconomic conditions. The chi-square and Mann-Whitney tests were used to assess the difference in the proportion of children and mean of teeth with new caries lesions between G1 and G2, respectively. Poisson Regression analyses with robust variance were performed to evaluate dental caries incidence considering two cutoff points during the returns: 1) incidence of active non-cavitated caries lesions; 2) incidence of cavitated lesions in dentin. Results: A statistically significant difference was observed only for the incidence of initial active caries lesions between the groups (p=0.012). In the recall interval children who remain in the G2 group and who had a higher plaque index, had a higher risk of developing active lesions (RR=2.37; p=0.047 and RR=3.14; p<0.001, respectively) compared to the G1 group. Children living in non-nuclear families (RR=2.56; p=0.007), with more than one sibling (RR=2.53; p=0.037), and who used fluoride-free or with low concentration in the baseline (RR=3.91; p=0.012) had a higher risk of developing active initial caries lesions. Children with higher number of initial active lesions in the recalls had a higher risk of developing caries lesions cavitated in dentin (RR=1.62; p=0.001). Conclusions: The 12-months recall interval is more effective on the incidence of active non-cavitated caries in preschoolers with low risk caries, which is a predictive factor for the progression of cavitated carious lesions in dentin. There are no differences in the choice of the recall interval for cavitated lesions in dentin, anxiety levels and OHRQoL.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-12-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.