• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.23.2018.tde-04042018-101358
Documento
Autor
Nome completo
Bianca Serpa da Fonseca Del Negro de Moura
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Wanderley, Marcia Turolla (Presidente)
Fraga, Mariana Minatel Braga
Moura, Anna Carolina Volpi Mello de
Tedesco, Tamara Kerber
Título em português
Critérios para o diagnóstico da necrose pulpar em dentes decíduos: revisão sistemática
Palavras-chave em português
Dentes Decíduos
Necrose da Polpa Dentária
Revisão Sistemática
Resumo em português
A necrose pulpar pode ser comumente observada no paciente odontopediátrico que sofreu trauma dentário ou que apresenta profundas lesões de cárie dentária. Sabese que existe uma falta de consonância a cerca de quais sinais são utilizados para o diagnóstico da necrose pulpar em dentes decíduos, o que acarreta em uma literatura carente de estudos que integrem todas as informações a cerca desta patologia. Assim, o objetivo desta revisão sistemática foi realizar um levantamento para compilar e discutir os critérios descritos na literatura para realizar o diagnóstico de necrose pulpar em dentes decíduos. Esta revisão foi realizada seguindo as orientações do "PRISMA Statement". A busca para acessar os artigos existentes foi realizada até outubro de 2017 e a base de dados bibliográficos escolhida foi o PubMed. As palavras chaves utilizadas combinaram termos relacionados a crianças, dentição decídua e necrose pulpar. Dois examinadores, de maneira independente, analisaram os critérios de inclusão e de exclusão, sem restrição de idioma, e em casos de divergência um terceiro examinador, considerado expert no assunto, foi consultado para decisão final. Dessa maneira, foram encontrados 1823 artigos, dos quais 401 foram incluídos para leitura na íntegra, restando 59 (14,7%) que compreenderam os estudos de interesse para esta revisão sistemática. A concordância entre os examinadores foi calculada através do teste de Cohen's Kappa, resultando em K = 1,0 para a etapa de inclusão e K = 0,97 para a etapa de exclusão. Considerando o objetivo dos estudos encontrados, 49,1% eram estudos de tratamento, no qual a necrose pulpar era abordada como critério de inclusão dos participantes no estudo, seguido de 18,6% trabalhos de levantamento, sendo todos a respeito de trauma dentário. Foi observado que em apenas 13,5% dos artigos a necrose pulpar foi abordada como o desfecho do estudo. Em 95% dos estudos a definição do conceito sobre a necrose pulpar foi fornecida pelos próprios autores. No restante, quando a referência era citada, esta também apresentava a definição de necrose pulpar através dos próprios autores. A respeito da causa da necrose pulpar, foi encontrado que a maioria dos dentes decíduos a apresenta devido a lesões de cárie dental, sendo os molares decíduos os mais afetados. Observou-se que em relação aos critérios utilizados para realizar o diagnóstico da necrose pulpar, 44% dos estudos utilizam os critérios clínicos e radiográficos de maneira conjunta. Foi permitido calcular a ocorrência dos sinais clínicos utilizados em 27,1% dos estudos, dos sinais observados nos exames complementares em 50,8%, e da necrose pulpar em 15,2%. Além disso, permitiu-se identificar sinais e sintomas que foram relacionados com a presença da necrose pulpar em 23,7% dos estudos. Assim, é possível concluir que existe uma combinação de sinais clínicos e radiográficos para realizar o diagnóstico de necrose pulpar em dentes decíduos, destacando-se a presença da fístula em 57,6% dos estudos, e a presença de lesão periapical e/ou lesão de furca em 71,2%. Concluiu-se também que 76,2% dos estudos não utilizam testes pulpares.
Título em inglês
Criteria for the diagnosis of pulpal necrosis in primary teeth: systematic review
Palavras-chave em inglês
Dental Pulp Necrosis
Systematic Review
Teeth Primary
Resumo em inglês
Pulpal necrosis may be commonly observed in children that suffered dental trauma or severe caries lesions. It is known that there is a lack of agreement regarding which signs should be used to diagnose pulpal necrosis in primary teeth, leading to a literature in needy of studies that integrate all the information about this disease. Therefore, the aim of this systematic review was to perform a data collection to compile and discuss the criteria described in the literature to perform the diagnose of pulpal necrosis in primary teeth. This systematic review was conducted following the "PRISMA Statement". To access the literature a search was conducted through PubMed in order to identify papers published until October 2017. The search strategy combined words related to children, deciduous teeth and pulpal necrosis. Two reviewers, independently, identified the inclusion and exclusion criteria, with no language restriction, and in cases of disagreement a third examiner, considered an expert in the subject, was consulted for the final decision. Therefore, 1823 articles were identified, from them 401 were included for complete scanning, remaining 59 (14.7%) studies that fulfilled the eligibility criteria for this systematic review. The interexaminer agreement was measured through Cohen's Kappa Statistic, resulting in K = 1.0 for the inclusion criteria and K= 0.97 for the exclusion criteria. Regarding the aim of the studies that were found, 49.1% were treatment studies, where pulpal necrosis was accessed as inclusion criterion for the participants of the study, followed by 18.6% studies of investigation, all about dental trauma. It was observed that only in 13.5% of the papers pulpal necrosis was approached as the outcome of the study. In 95% of the studies, the definition about the concept of pulpal necrosis was given by the authors themselves. In the remaining studies, when the reference was quoted, it also reported the definition by the authors themselves. Considering the cause of pulpal necrosis, it was found that most of the deciduous teeth were affected by caries lesions and the primary molars were the most affected. It was also observed that related to the criteria for the diagnosis of pulpal necrosis, 44% studies apply clinical and radiographic criteria combined. It was possible to calculate the occurrence of the used clinical signs in 27.1% of the studies, of the signs observed in auxiliary exams in 50,8% and of the pulpal necrosis in 15.2%. Besides, it was possible to identify signs and symptoms that were related to the presence of pulpal necrosis in 23.7% of the studies. Hence, it is possible to conclude that there is a combination of clinical and radiographic signs to perform the diagnosis of pulpal necrosis in primary teeth, highlighting the presence of sinus tract in 57.6% of the studies and the presence of periapical/ interradicular lesion in 71.2%. It was also concluded that in 76.2% of the studies do not use pulp sensibility tests.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-04-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.