• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.22.2006.tde-28082006-204455
Documento
Autor
Nome completo
Guilherme Rodrigues Barbosa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2006
Orientador
Banca examinadora
Palha, Pedro Fredemir (Presidente)
Carvalho, Yara Maria de
Zanetti, Maria Lucia
Título em português
"Atividade física e doença arterial coronariana: revisando a literatura"
Palavras-chave em português
atividade física
doença arterial coronariana
fatores de risco
prevenção primária
Resumo em português
Trata-se de um estudo de revisão integrativa da literatura nacional e internacional, no período de 2000 a 2005, que teve como objetivo evidenciar a contribuição da atividade física na prevenção primária da doença arterial coronariana (DAC). Os artigos foram capturados nas bases de dados PubMed (incluindo MEDLINE) e LILACS, utilizando-se descritores relacionados à intervenção, ao enfoque, à morbidade e aos fatores de risco. Vinte e dois artigos atenderam aos critérios de inclusão deste trabalho e constituíram a amostra. Para a organização dos dados, foi utilizado um instrumento que registrou as informações essenciais dos artigos: título; fonte (dados da revista); número da busca e do resumo; autor(es); país; ano; local do estudo; objetivos; sujeitos e período da pesquisa; método e o que foi analisado; tipo de intervenção e responsável pela mesma; resultados efetivos; conclusões do autor; limitações citadas pelo autor e comentários sobre o estudo. Os resultados foram apresentados em categorias de acordo com o desenho metodológico do artigo, com os objetivos, com a forma de descrição e mensuração da atividade física e com o conteúdo das publicações. Foram notadas semelhanças nestes aspectos entre os artigos de mesmo desenho metodológico. Doze artigos foram categorizados como estudos prospectivos, sete como de corte transversal e três foram os estudos retrospectivos. A maioria dos estudos utilizou questionários do tipo recordatório para avaliar o nível de atividade física realizada no trabalho e no lazer, fazendo correlação entre o nível e o tipo de atividade. Os benefícios das atividades aeróbicas foram os mais descritos, ainda que o exercício resistido tenha sido abordado em dois artigos. Apesar de alguns estudos terem enfocado apenas a mensuração do nível de atividade física, a maioria dos artigos apresentou correlação entre a prática de atividade física e a redução do risco coronariano, contribuindo para prevenir a DAC. Não houve consenso, ainda que a maioria dos estudos tenha abordado o assunto, quanto ao nível e ao tipo de atividade física que promove o melhor efeito preventivo. Consideramos que poderia ter sido utilizado um descritor mais específico do que “atividade física” para buscar os artigos, visando-se a atingir os objetivos propostos. Este estudo evidencia a contribuição benéfica da atividade física na prevenção primária da DAC, atuando nos seus fatores de risco. Além disso, há necessidade de considerar a atividade física como uma prática corporal orientada pelas necessidades individuais e implementada de acordo com as realidades locais, podendo ser uma ferramenta-chave ao lidar com o indivíduo portador de DAC.
Título em inglês
Physical activities’ and coronary heart disease: revising the literature.
Palavras-chave em inglês
coronary heart disease
physical activity
primary prevention
risk factors
Resumo em inglês
This study consists of an integrative review of the national and international literature made between 2000 and 2005 which main purpose is to testify the physical activities’ contributions for the primary prevention of coronary heart disease (CHD) and their risk factors. The articles are based on the PubMed data (including MEDLINE) and LILACS and they make use of descriptors related to the intervention, focus, morbidity and other factors of risk. Twenty two articles attended to the criteria adopted in this research constituting the specific sample presented. To the data organisation it was used an instrument which registered the articles’ essential information such as title, source (the magazine’s data), number of searches and summary, author(s), country, year, study place, goals, subjects and research period, method and what has been analysed, sort of intervention and its responsible, effective results, author’s conclusion, limitations quoted by the author as well as comments about the study. The results have been compiled into categories according to the methodological drawing of the article, its purposes, descriptive manners, the physical activities’ measurement and the publications’ content. It has also been noticed some similarities towards these aspects and methodological drawings of other articles. Twelve articles has been categorised as prospective studies, seven as transversal cut and three as retrospective studies. In great part of them some questionnaires of the recording type have been used in order to evaluate the physical activities’ level involved at work and leisure time establishing, this way, a correlation between the level and the sort of exercise done. It is important to say that the benefits of aerobic activities were the most described, even though resisted exercises were also mentioned in two of the articles. Despite the fact that some studies have focused only on the measurement of the physical activity, the majority of them has established a correlation between the practice of such activities and the decrease of coronary risks, therefore contributing considerably for the CHD prevention. There has not been a consensus, though almost all studies mentioned this matter, about the level and sort of physical exercises that promote the best preventive effects. Moreover, we have taken into account the fact that a more specific descriptor could have been used instead of only “physical activity” with the intention of achieving the proposed objectives. Above all, this research shows the beneficial contributions of physical activities in the primary prevention of CHD as well as its possible risks. Not only that, but there is a necessity of considering physical activity as a corporal practice based on the individual demands and directed to a specific reality, aiming to be a useful way of dealing with an individual with CHD.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2006-08-30
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.