• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.22.2007.tde-19122007-145505
Documento
Autor
Nome completo
Denis da Silva Moreira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2007
Orientador
Banca examinadora
Lima, Regina Aparecida Garcia de (Presidente)
Almeida, Ana Maria de
Santos, Lana Ermelinda da Silva dos
Tone, Luiz Gonzaga
Zago, Marcia Maria Fontao
Título em português
Experiências de pais no cuidado ao filho com câncer: um olhar na perspectiva de gênero
Palavras-chave em português
câncer
criança
enfermagem pediátrica
gênero
pais
Resumo em português
Crianças e adolescentes com câncer podem alterar a dinâmica e a estrutura familiar, exigindo adaptações, tanto por parte da criança e do adolescente, quanto dos seus familiares. Observamos que papéis historicamente determinados às mães, como por exemplo, o cuidado dos filhos, está sendo absorvido também pelos pais e este movimento de participação mais efetiva dos pais tem sido denominado de "nova paternidade". Considerando o âmbito do cuidado, o presente estudo objetiva compreender como os pais cuidam de seus filhos com câncer, a partir da perspectiva de gênero. Trata-se de uma investigação com abordagem metodológica qualitativa, sustentado pelo método etnográfico e o referencial de gênero. Os participantes do estudo foram nove pais e nove mães de crianças ou adolescentes com mais de seis meses de tratamento de câncer em um hospital escola do interior do Estado de São Paulo. Os dados foram coletados por meio de entrevista, complementada com observação e consulta em prontuários. A análise foi realizada segundo os pressupostos da abordagem geral indutiva. Ao procedermos a análise, identificamos códigos que possibilitaram a construção de três categorias: a experiência do itinerário diagnóstico e terapêutico; a construção de uma nova paternidade e estratégias de enfrentamento. O estudo possibilitou apreender que a experiência de cuidado do filho repercutiu de forma marcante no cotidiano e na vida pessoal dos pais e mães. A compreensão da natureza de cronicidade do câncer infantil promoveu uma reorganização dos papéis sociais e a implementação de estratégias de enfrentamento a fim de responder às demandas advindas da terapêutica. Conviver com o filho com câncer não se restringe apenas aos momentos de crise, os quais, muitas vezes, ocasionam uma hospitalização, mas os depoimentos mostraram uma trajetória árdua, anterior ao diagnostico, na busca de solução do problema de saúde apresentado pelo filho.
Título em inglês
Parent´s experiences on caring the child with cancer under the gender experience.
Palavras-chave em inglês
cancer
child
gender
parents
pediatric nursing
Resumo em inglês
When cancer affects children or adolescents the family's routine is forced to make adaptations. Historically caring is something determined to mothers, althogth it this kind of caring has been developed also by fathers, the fact that we call as "new paternity". These studies aimed at understanding fathers who care their children with cancer by consider the gender theory. It's a qualitative study that used ethnographic methods and gender referral. The participants were nine fathers and nine mothers of children in cancer treatment for more than six months in an inner hospital of Sao Paulo State. Data were collected by interview, observation and consultation of medical records. The analysis followed the hypothesis of inductive approach. Three codes identified during the observation gives data to make three categories: the experience with the diagnostic and treatment flow; making a new paternity and strategies of dealing with the problem. The study helps us to understand how much the experience of caring the child with cancer affects the family's routine and individual lives of parents. When child cancer is understood in its whole complexity it promotes a new distribution of gender roles and develops new ways of answering the children expectative. Dealing with the child with cancer involves not only the crisis moments, hospitalization, but also a hard routine since diagnostic till the search of solution to the child problem.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Denisdasilvamoreira.pdf (565.43 Kbytes)
Data de Publicação
2008-01-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.