• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.22.2002.tde-16092003-090056
Documento
Autor
Nome completo
Maria Nazareth Vianna Roseiro
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2002
Orientador
Banca examinadora
Takayanagui, Angela Maria Magosso (Presidente)
Franco, Antonio Ribeiro
Santos, Claudia Benedita dos
Título em português
Morbidade por problemas respiratórios em Ribeirão Preto-SP, de 1995 a 2001, segundo indicadores ambientais, sociais e econômicos.
Palavras-chave em português
indicadores ambientais
morbidade
Poluição Atmosférica
problemas respiratórios
Resumo em português
Os problemas respiratórios representaram a segunda causa de morbidade na distribuição de doenças no país, no ano 2000 (MS, 2002), tendo como uma das principais causas a poluição atmosférica, dentre outros fatores. Os efeitos na saúde devido à poluição do ar têm sido tema intensamente estudado nos últimos anos, mostrando que a exposição a poluentes atmosféricos vem causando um aumento na morbi-mortalidade e nas internações hospitalares devido a problemas respiratórios (Brunekreef & Holgate, 2002). Em Ribeirão Preto, cidade do estado de São Paulo, considerada o maior pólo sucro-alcooleiro do mundo, a prática da queima da palha da cana-de-açúcar vem causando grande discussão pelo incômodo aos moradores e pelos danos à saúde. A colheita da cana-de-açúcar ocorre no inverno, entre os meses de maio e novembro. Esta pesquisa teve o objetivo de descrever o quadro de morbidade ligado às internações hospitalares por problemas respiratórios nesse município, no período de 1995 a 2001, baseando-se em indicadores ambientais, econômicos e sociais. A metodologia fundamenta-se na pesquisa epidemiológica não-experimental, descritivo-exploratória, caracterizando-se em um estudo retrospectivo. As variáveis independentes consideradas foram o Índice de Poluição Atmosférica em Ribeirão Preto, medido pela CETESB, os indicadores econômicos como PIB e renda per capita, fornecidos pela Prefeitura Municipal e Associação Comercial e Industrial de Ribeirão Preto e os indicadores sociais, IDH, IDH-M e ICV do município. As internações hospitalares na rede pública do município por problemas respiratórios constituíram a variável dependente. Os sujeitos da pesquisa foram formados por toda a população residente no município de Ribeirão Preto no período do estudo, independente de sexo, cor, profissão, faixa etária e nível sócio-cultural, internada nos hospitais da rede pública em decorrência de distúrbios respiratórios. Dentre os resultados destaca-se que o grupo que mais necessitou de hospitalização na rede pública foi o constituído por crianças de até 4 anos, principalmente menores de um ano de idade, seguido por idosos acima de 50 anos, em especial do grupo feminino, embora os homens tenham utilizado mais a rede pública hospitalar para a internação hospitalar do que as mulheres. Os poluentes atmosféricos medidos no município, nesses anos estudados, foram o SO2 e a Fumaça, sendo que as concentrações de SO2 apresentaram-se abaixo dos limites preconizados para padrão primário pela OMS, USEPA e CETESB e as taxas de concentração de Fumaça, com exceção das referentes ao ano 2000, encontraram-se acima dos valores aceitos pelos mesmos órgãos no que refere a padrão secundário. Os indicadores econômicos e sociais demonstraram um alto nível de desenvolvimento, em escala crescente nos anos selecionados. Os dados mostraram que há uma estreita relação entre o nível de desenvolvimento econômico e social em Ribeirão Preto-SP, no período de 1995 e 2001 e o quadro epidemiológico retratado pelas internações hospitalares por problemas respiratórios.
Título em inglês
Morbidity by respiratory problems in Ribeirão Preto-SP, from 1995 to 2001, according to environmental, social and economics indicators.
Palavras-chave em inglês
Atmospheric pollution
breathing problems
environmental indicators
morbidity
Resumo em inglês
The breathing problems represented the second reason of morbidity in the sickness distribution in the country, in 2000, having as principal cause the atmospheric pollution, among another factors. The effects of air pollution on health has been broadly studied the last years, showing an increment in the morbidity and mortality associated with breathing problems. In Ribeirao Preto, city of Sao Paulo State, considered the most important productor center of sugar cane, the burning practice is been discussing because of the troubles the generate to the population and the health damage. Sugar cane colletion is done in winter, from may to november. This research aim the describe the morbidity associated with the hospital admissions for respiratory causes in this city from 1995 to 2001, based on environmental, economics and social indicators. It was done an epidemiological research, non experimental, descriptive and explorative, characterized by a retrospective study. As independent parameters were used the Atmospheric Pollution Indicator (CETESB), economic indicators such as PIB and income per capita (from the Ribeirao Preto City Office and the Comercial and Industrial Association of Ribeirao Preto) and the social indicators were the HDI, HDI-M and VCI from the Ribeirao Preto City Office. As dependend parameter was sellected the hospital admissions for respiratory causes. Any person hospitalized in the municipal system with respiratory problems, living in Ribeirao Preto, was included in this research, were not considered sex, color, profession, age or social and cultural level. Among the results it can be observed that the group that needed hospital admissions more frequently was constituded by childrens up to 4 years old, especially during the first year of life. This group was followed by adults over 50 years old, especially the female, altough men had used also the municipal system for treatment. The atmospheric contaminants analyzed in Ribeirao Preto, were SO2 and smog. The levels of SO2 were bellow the primary standard level established by OMS, USEPA and CETESB. The smog levels, excepting the data from 2000, were over the established as secondary standards levels. The economic asn social indicators are showing a high level of development in Ribeirao Preto-SP, been incremented from 1995 to 2001. Data showed that exist an important relation between the economic and social indicators, in that time, and the breathing problems hospitalization rates.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
tese.pdf (438.32 Kbytes)
Data de Publicação
2003-09-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.