• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.22.2001.tde-12032002-102415
Documento
Autor
Nome completo
Maria Antonieta Spinoso Prado
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2001
Orientador
Banca examinadora
Mamede, Marli Villela (Presidente)
Almeida, Ana Maria de
Hayashida, Miyeko
Título em português
Aderência à atividade física em mulheres submetidas à cirurgia por câncer de mama.
Palavras-chave em português
atividade física
câncer de mama
reabilitação
Resumo em português
A importância do exercício físico pós mastectomia está na prevenção da limitação articular, linfedema, alterações posturais, fibrose muscular ou aderência tecidual da área cirúrgica. Objetivo: verificar em um grupo de mulheres mastectomizadas, a adesão à atividade física buscando identificar as barreiras e incentivos a esta prática. Respaldou-se no Modelo de Crenças em Saúde que busca explicar o comportamento humano quanto ao processo saúde/doença, de acordo com as variáveis: susceptibilidade, seriedade, benefícios, barreiras percebidas. Amostra: 30 mulheres atendidas num serviço especializado em reabilitação de mastectomizadas. Procedimento: 1ª fase: aplicado um questionário contendo questões relacionadas ao conhecimento e percepções sobre a prática da atividade física bem como dos benefícios e barreiras à sua realização. Na 2ª fase solicitou-se o registro diário, durante 4 semanas consecutivas, do tipo de atividade física realizada e suas justificativas quando não realizada. Conclusões: 100% das mulheres percebem a prática como boa para saúde e como importante barreira a falta de força de vontade (96,7%). A adesão à atividade física foi de 96,7% sendo que 84,5% realizou 3 vezes ou mais por semana. A não realização se deveu a falta de condições emocionais, atividades sociais, falta de tempo, efeitos colaterais da quimioterapia e radioterapia, queixas físicas. Os incentivos à realização foram: melhora do corpo e mente; conhecimento sobre a sua importância; presença de um profissional e suporte dos familiares. A atividade física no período estudado ocupou uma região central no espaço de vida das mulheres.
Título em inglês
Adherence to physical activity in women submitted to breast cancer surgery.
Palavras-chave em inglês
breast cancer
physical therapy
rehabilitation
Resumo em inglês
The importance of post-mastectomy physical therapy lies in the prevention of articular limitation, lymphedema, postural alterations, muscle fibrosis or tissue adherence to the surgical area. Objective: to assess adherence to physical therapy in a group of mastectomized women aiming at identifying the barriers and motivation to such practice. The study was based on the Health Beliefs Model, which attempts to explain human behavior concerning the health/disease process according to the variables: susceptibility, seriousness, benefits and perceived barriers. Sample: 30 women assisted in a specialized rehabilitation service for mastectomized women. Procedure: 1st phase: a questionnaire was applied with questions concerning knowledge and perceptions with regard to the practice of physical activity as well as its benefits and barriers. The 2nd phase required the daily recording of the type of physical activity or of the explanation for not doing it, which was conducted for 4 consecutive weeks. Conclusions: 100% of the women perceived physical activity as a good practice for their health and referred to the lack of willpower as an obstacle (96.7%). Adherence to physical activity was of 96.7%, and 84.5% of the subjects performed it 3 or more times a week. Failing to do it was due to the lack of emotional conditions, social activities, lack of time, side-effects of chemotherapy and radiotherapy, and physical problems. The motivation to performing physical exercises were: improvement in physical and mental conditions; awareness of its importance; the presence of a professional and family support. In the studied period, physical activity occupied a major part of the women's lives.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2002-06-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.