• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.22.2007.tde-07012008-115139
Documento
Autor
Nome completo
Ana Carolina Rodarti Pitangui
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2007
Orientador
Banca examinadora
Nakano, Ana Marcia Spano (Presidente)
Ferreira, Cristine Homsi Jorge
Gomes, Flávia Azevedo
Título em português
Avaliação do efeito da estimulação elétrica nervosa transcutânea (TENS) no alívio da dor pós-episiotomia em primíparas submetidas ao parto normal
Palavras-chave em português
Dor
Episiotomia
Estimulação Elétrica Transcutânea do Nervo
Fisioterapia
Puerpério
Resumo em português
O trauma perineal em mulheres submetidas ao parto normal, seja espontâneo ou cirúrgico, pode causar considerável desconforto à mulher no período pós-parto. A dor perineal no puerpério tem sido reportada como sendo uma das causas mais comuns de morbidade materna. Investigar medidas não farmacológicas capazes de amenizar a dor perineal é um assunto ainda abordado na literatura de modo escasso. A TENS é um recurso fisioterapêutico que tem como principal finalidade o alívio da dor. O objetivo deste estudo foi avaliar a eficácia da TENS como recurso de alívio de dor aplicada as puérperas que apresentem episiotomia e caracterizar a queixa dolorosa. Realizou-se um ensaio clínico, randomizado e controlado. Participaram voluntariamente do estudo 40 puérperas primíparas que foram submetidas ao parto normal com episiotomia. Todas preenchiam aos critérios de inclusão e receberam assistência em uma maternidade conveniada ao Sistema Único de Saúde na cidade de Ribeirão Preto - SP. Os grupos foram formados pelo método de blocos, onde 20 puérperas fizeram parte do grupo experimental que receberam a TENS no pós-parto e os procedimentos de rotina da maternidade e 20 do grupo controle que foram submetidas somente aos procedimentos de rotina da instituição. A pesquisa foi realizada em três etapas. Na primeira, para ambos os grupos, foi aplicado o formulário de dados sobre o perfil sócio demográfico e obstétrico das puérperas e sobre o neonato, questões a respeito da dor na episiotomia e escala de categoria numérica (NRS), para o repouso, e para as atividades; os descritores de dor e o item PPI (Present pain intensity) da versão brasileira do questionário McGill (Br-MPQ). Finalizando esta etapa, foi aplicada no grupo experimental durante 60 minutos a TENS fixada no modo convencional, com freqüência de 100Hz e duração de pulso 75µs. Quatro eletrodos de silicone-carbono foram posicionados próximos a episiotomia, na região da coxa e glúteo da puérpera. A segunda etapa foi iniciada após se passarem 60 minutos da primeira etapa e utilizaramse os mesmos instrumentos de avaliação da fase anterior. No grupo experimental aplicou-se o instrumento de verificação da opinião da puérpera em relação ao uso da TENS. A terceira etapa ocorreu após se passarem 60 minutos da segunda etapa. Nesta, foram utilizados como instrumentos em ambos os grupos a NRS e o item PPI do Br-MPQ. Verificou-se pelo teste de Mann-Witney que houve alívio de dor nas puérperas do grupo experimental quando comparadas com o grupo controle, havendo uma diferença estatística significativa (p<0,001) que persistiu durante todo o período do estudo. Em relação à caracterização da dor, ao comparar-se a primeira e a segunda avaliação, identificou-se que no grupo experimental houve em todas as categorias, variação no percentual de descritores, porém, não foi verificado este padrão para o grupo controle, onde se percebeu pequenas alterações na freqüência de alguns descritores sem, contudo mudar o perfil dos descritores selecionados a cada uma das avaliações. Pode-se afirmar com este estudo, que a TENS foi eficaz no alívio da dor das puérperas submetidas à episiotomia, e que foram encontradas diferenças na caracterização da queixa dolorosa.
Título em inglês
Evaluation of the effect of the transcutaneous electric nerve stimulation (TENS) in the relief of post-episiotomy pain in primiparous submitted to the spontaneous vaginal delivery.
Palavras-chave em inglês
Episiotomy
Pain
Physical Therapy
Postpartum Period
Transcutaneous Electric Nerve Stimulation
Resumo em inglês
The perineal trauma in women submitted to a natural delivery, either spontaneous or surgical, can cause considerable discomfort to woman on the postpartum period. Perineal pain in the puerperium has been reported as being one of the most common causes of maternal morbidity. Investigate non-pharmacological measures capable to brighten up perineal pain still is a boarded subject in the literature in scarce way. The TENS it is a physical therapy resource that has as main purpose the pain relief. The objective of this study was to evaluate the effectiveness of TENS as a pain relief resource applied in puerperal women that present episiotomy, and to characterize the painful complaint. It was conducted a randomized controlled trial where it was included 40 primiparous volunteered women that had been submitted to a spontaneous vaginal delivery with episiotomy. All of them fullfilled the inclusion criteria and received assistance in a maternity conver by Unified National Health System in the city of Ribeirão Preto - SP/ Brazil. The groups had been formed by the method of blocks, where 20 puerperal women had been part of the experimental group that they had received TENS in the postpartum and the routine procedures of maternity and 20 of the control group that had been submitted only to the routine procedures of the institution. The research was made in three stages. In the first one, for both groups, were applied the data form's about the puerperal women's sociodemographic and obstetric profile and about neonate, questions regarding pain in the episiotomy and numeric rating scale (NRS), for the rest, and the activities; the describers of pain and the PPI (Present pain intensity) item of the Brazilian version of the McGill pain questionnaire (Br-MPQ). Finishing this stage, it was applied in the experimental group during 60 minutes the TENS fixed it in the conventional way, with frequency of 100Hz and duration of pulse 75µs. Four silica-carbon electrodes had been located next to the episiotomy, in the thigh and gluteus region of puerperal women. The second stage was initiated after to pass 60 minutes of the first stage and had used the same instruments of evaluation of the previous phases. In the experimental group it was applied the instrument of verification of the opinion of puerperal women in relation of the use of TENS. The third stage occurred after to pass 60 minutes of the second stage. In this, both groups had been used the instruments NRS and PPI item of the Br-MPQ. It was verified for the Mann- Witney test that women of the experimental group had relief of pain when compared with the controlled group, having a significant statistics difference (p<0,001) that persisted during all the study period. In relation to the characterization of pain, when comparing the first and the second evaluation, it was identified that the experimental group had variation in the percentage of the words of all the categories, however, it was not verified this standard for the controlled group, where it was perceived small alterations in the frequency of some words without, however to change the profile of the selected describers to each one of the evaluations. It can be affirmed with this study, that TENS was efficient in the relief of the pain of puerperal women submitted to episiotomy, and that differences in the characterization of the painful complaint had been found.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-01-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.