• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.22.2008.tde-03092008-130606
Documento
Autor
Nome completo
Francielle Silva Ferreira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2008
Orientador
Banca examinadora
Santos, Claudia Benedita dos (Presidente)
Miranzi, Sybelle de Souza Castro
Pace, Ana Emilia
Título em português
Qualidade de vida relacionada à saúde dos indivíduos com diabetes mellitus atendidos por uma equipe de saúde da família do município de Uberaba, 2007
Palavras-chave em português
Diabetes mellitus
Promoção da saúde.
Qualidade de Vida Relacionada à Saúde
Resumo em português
Atualmente, observa-se um aumento na incidência e prevalência de condições crônicas, como o diabetes mellitus (DM). Estudos mostram seu impacto negativo na Qualidade de Vida (QV) dos indivíduos, visto que as alterações no estilo de vida, impostas pela condição, podem comprometer alguns aspectos relevantes da vida tais como convívio familiar, capacidade funcional, aspectos físicos e emocionais, vitalidade, entre outros. Conhecer o impacto do DM, sobre cada um destes aspectos, possibilita planejar e implementar ações de enfermagem voltadas às estratégias de prevenção, promoção e recuperação da saúde, resultando na melhoria da QV. Objetivos: Descrever o perfil dos indivíduos com diabetes mellitus atendidos por uma equipe da Estratégia Saúde da Família (ESF) do município de Uberaba, no período de março a junho de 2007, segundo variáveis sociodemográficas e clínicas, e avaliar a Qualidade de Vida Relacionada à Saúde (QVRS) destes indivíduos. Metodologia: Estudo transversal realizado com 68 indivíduos adultos, portadores de DM, tipo 1 e 2, de ambos os sexos em acompanhamento por uma equipe da ESF, no município de Uberaba-MG, no período de março a junho de 2007. Os dados foram coletados por meio de um instrumento contendo as variáveis sociodemográficas e clínicas e de outro para avaliação de QV, denominado Medical Outcomes Study 36 - Item Short Form Health Survey (SF - 36), durante as visitas domiciliares. Resultados: Dentre os 68 entrevistados, 48 (70,6%) são do sexo feminino com igual porcentagem para indivíduos casados, 50% não exerciam atividade profissional e 25% realizavam apenas atividades referentes ao lar. A idade apresentou média de 57,1 anos e desvio-padrão de 10,9 anos. Em relação à escolaridade, 16 (23,5%) relataram não ter estudo e 23 (33,8%), de 1 a 3 anos de estudo, 54 (79,4%) possuíam outro problema de saúde, sendo que, destes, 46 (43,8%) relataram hipertensão arterial e 22 (21,0%), problemas cardiovasculares. No que se refere à glicemia, 38 (55,9%) apresentaram glicemia alterada. Em relação à consistência interna do SF-36, medida pela estatística alfa de Cronbach, as dimensões que apresentaram maiores valores para α foram: Capacidade Funcional (α = 0,90), Aspectos Emocionais, Aspectos Físicos e Dor (α = 0,89) e Saúde Mental (α = 0,77). Em três dimensões esta foi inferior a 0,70: Estado Geral de Saúde (α = 0,66), Vitalidade (α = 0,62) e Aspectos Sociais (α = 0,42). Em relação à avaliação da QVRS dos indivíduos com DM, as dimensões que apresentaram maiores escores médios foram: Aspectos Sociais (63,8), Dor (53,0) e Estado Geral de Saúde (51,1). Já as que obtiveram menores escores médios foram: Saúde Mental (49,9), Vitalidade (48,6), Capacidade Funcional (48,2), Aspectos Emocionais (46,6) e Aspectos Físicos (38,6). Discussão: Os resultados obtidos neste estudo mostraram um impacto negativo do DM, na QVRS dos indivíduos que participaram das entrevistas, perceptível pelos escores médios obtidos em cada dimensão do SF-36. Ressalta-se a importância das ações de promoção da saúde voltadas a este grupo de indivíduos, de forma a capacitá-lo a escolhas saudáveis em seu cotidiano, com vistas à melhoria das condições de saúde. Além da necessidade de repensar as ações de saúde, direcionadas aos indivíduos com DM, há a necessidade do levantamento das reais necessidades de saúde de tal grupo.
Título em inglês
Health-related quality of life of individuals with Diabetes mellitus seen by a Family Health Team of Uberaba city, 2007.
Palavras-chave em inglês
Diabetes mellitus
Health Promotion.
Health-related quality of life
Resumo em inglês
Nowadays, it can be observed an increase of incidence and prevalence of chronic conditions, as diabetes mellitus (DM). Studies show its negative impact on the Quality of Life (QV) of individuals, whereas the alterations in lifestyle imposed by its condition can compromise some relevant aspects of life such as: family life, functional capacity, physical and emotional aspects, vitality, among others. Knowing the impact of diabetes melltius on each of these aspects makes it possible to plan and implement nursing actions towards the prevention strategies, promotion and recovery of health, leading to improved quality of life (QV). OBJECTIVES: To describe the profile of individuals with diabetes mellitus seen by a Strategy Family Health (ESF) of Uberaba city, from March to June of 2007, according to social-demographic and clinic variables and to evaluate the Quality of Life Related to Health (QVRS) related to these individuals. METHODOLOGY: Cross-sectional study done with 68 adult individuals, having DM, type 1 and 2, both sexes, followed up by a team of ESF in Uberaba city-MG, from March to June of 2007. The data were collected through an instrument containing the socialdemographic and clinic variables and through another one for QV evaluation, called Medical Outcomes Study 36 - Item Short Form Health Survey (SF-36), during home visits. RESULTS: Of the 68 interviewed, 48 (70.6%) are feminine sex with same percentage for married individuals, 50% did not have any professional activity and 25% only performed household chores. The age showed average of 57.1 years old and standard deviation of 10.9 years. Regarding education, 16 (23.5%) reported not having education and 23 (33.8%) of 1 to 3 years of education, 54 (79.4%) had another health problem, 46 of which (43.8%) reported hypertension and 22 (21.0%) cardiovascular problems. Regarding to glycemy, 38 (55.9%) showed altered glycemy. Regarding to SF-36 internal consistency, measured by Cronbach statistic, the measurements that showed higher values to α were: Functional Capacity (α=0.90), Emotional Aspects, Physical Aspects and Pain (α=0.89) and Mental Health (α=0.77). In three measurements, this was inferior to 0.70: General State of Health (α=0.66), Vitality (α=0.62) and Social Aspects (α=0.42). Regarding to QVRS evaluation of individuals with DM, the measurements that showed higher average scores were: Social Aspects (63.8), Pain (53.0) and General State of Health (51.1). On the other hand, those who showed lower average scores were: Mental Health (49.9), Vitality (48.6), Functional Capacity (48.2), Emotional Aspects (46.6) and Physical Aspects (38.6). DISCUSSION: The results obtained in this study showed a negative impact of DM on QVRS of patients who participated in the interviews, which can be seen through average scores obtained from each SF-36 measurement. It is highlighted the importance of health promotion actions towards this group of patients in order to enable them to make healthy choices in every day life, leading to improved health conditions. Besides the necessity of reconsidering the health actions towards individuals with DM, there is the necessity of setting up the real health necessities of such group.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-09-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.