• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.22.2014.tde-03022015-110942
Documento
Autor
Nome completo
Nunila Ferreira de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2014
Orientador
Banca examinadora
Mishima, Silvana Martins (Presidente)
Bava, Maria do Carmo Gullaci Guimarães Caccia
Matumoto, Silvia
Munari, Denize Bouttelet
Santos, Débora de Souza
Título em português
Participação do usuário com diabetes mellitus tipo 2 na produção de cuidado na rede de atenção básica
Palavras-chave em português
Atenção Primária à Saúde
Condições Crônicas
Enfermagem
Estratégia Saúde da Família
Participação do paciente
Resumo em português
A prevalência do Diabetes mellitus tipo 2 (DM2) está em ascensão por todo mundo; no Brasil é considerado um problema de saúde pública. O tratamento visa controle glicêmico e depende prioritariamente de mudanças de hábitos de vida - tratamento não medicamentoso (TNM), podendo associar terapêutica medicamentosa (TM), e requer acompanhamento contínuo de saúde. Esse acompanhamento deve ser realizado prioritariamente nos serviços de Atenção Básica, com suporte de outros pontos da rede de atenção à saúde quando necessário. O presente trabalho tem objetivo de analisar a participação das pessoas com DM2 no processo de cuidado frente acompanhamento em uma Unidade Básica de Saúde (UBS), localizada no município de Ribeirão Preto, SP. Pesquisa quantiqualitativa, norteada pelo referencial teórico do processo de trabalho em saúde, com coleta de dados realizada em duas etapas: a primeira com obtenção de dados a partir das fichas de cadastro do HIPERDIA da UBS Amendoeira em Flor e segunda, realizada junto a pessoas cadastradas no HIPERDIA e com consulta médica agendada, sendo convidadas 64 pessoas, e após a utilização de critérios de exclusão e o consentimento destas, permaneceram 25 pessoas junto com as quais foi realizada coleta de dados por meio de observação não participante de atendimento na UBS e entrevista semiestruturada no domicílio. Para a realização da pesquisa, foram seguidos preceitos éticos. Os dados quantitativos foram submetidos a análise estatística descritiva simples e os dados qualitativos passaram por análise de conteúdo na vertente temática. Os resultados foram apresentados a partir de três temas: 1) Contexto de vida das pessoas com diabetes; 2) Representação do DM2 na vida das pessoas e os cuidados produzidos; 3) Mediação com a rede de atenção à saúde: articulações para a produção de cuidado frente ao DM2. Os entrevistados, pessoas com DM2 cadastradas na UBS Amendoeira em Flor, são em sua maioria mulheres, idosas, com escolaridade até nível fundamental, apresentando comorbidades além do DM2, principalmente relacionadas a complicações cardiovasculares; moram com familiares; e seu contexto de vida, também é marcado pelas condições de cuidado mediante as demandas do trabalho. Constatamos que as características pessoais influenciam nos cuidados dispensados ao DM2 e podem subsidiar a produção deste cuidado. A relação mediada com a condição de adoecimento agrega concepções de saúde-doença-cuidado e influenciam o enfrentamento desta condição, bem como a adesão ao tratamento. Verificamos que essas pessoas utilizam a rede de atenção à saúde, sendo a UBS, a referência para a maioria delas, buscam também serviços ambulatoriais e de urgência e emergência, além disso, articulam recursos privados e utilização de serviços que se caracterizam como informais para a rede de saúde, como forma de qualificar o acompanhamento em saúde. A participação se configura em práticas individualizadas com vistas a qualificar o próprio cuidado, estando ausente a concepção e prática da participação social. Ao longo de todo o trabalho analisa-se que a produção de cuidados ainda é pautada pelo modelo biomédico e com ênfase no TNM. A participação do usuário no processo de cuidado se efetiva alheia à relação com o profissional de saúde e se configura nas escolhas feitas para efetivação do cuidado
Título em inglês
Participation of the patient with type 2 diabetes mellitus in the primary health care
Palavras-chave em inglês
Chronic Conditions
Family Health Strategy
Nursing
Patient Participation
Primary Health Care
Resumo em inglês
The prevalence of Type 2 Diabetes mellitus (DM2) is on the rise around the world; in Brazil is considered a public health problem. Treatment focuses on glycemic control and depends primarily of lifestyle changes - not drug therapy (NDT) and may involve drug therapy (DT), and requires continuous monitoring of health. Such monitoring should be performed priority in the Primary Care services, with support of other parts of the health care network when needed. This study aimed to analyze the participation of people with DM2 in front monitoring care process in a Basic Health Unit (BHU), located in Ribeirão Preto, Brazil. Quanti-qualitative research, guided by the theoretical framework of the health work process, with data collection carried out in two stages: the first with obtaining data from HIPERDIA registration forms of UBS Amendoeira em Flor and second, conducted with people registered in HIPERDIA and scheduled medical appointments, were invited 64 people, and after the use of exclusion criteria and their consent, 25 people remained with which data collection was carried out through not participant observation in the attendance in the UBS and semistructured interview at their home. For the research, ethical guidelines were followed. Quantitative data were submitted to simple descriptive statistics and quali tative data passed by content analysis in the thematic side. The results were presented from three themes: 1) Context of life of people with diabetes; 2) DM2 representation in people's lives and produced care; 3) Mediation with the health care network: joints for the production of care face the DM2. The interviewees, people wi th DM2 registered at UBS Amendoreira em Flor, are mostly women, elderly, with schoolari ty up to elementary level, presenting comorbidities beyond DM2, mainly related to cardiovascular complications; live with family; and their life context, it is also marked by the care condi tions with demands of work. We find that the personal characteristics influence the care provided to DM2 and may subsidize the production of this care. Mediated relation to the illness condition adds health-illness care concepts and influence face this condition, as the treatment adherence. We found that these people use the health care network, with the UBS, as reference to most of them, also seek ambulatory and, also, articulate private resources and use of services that are characterized as informal for health network, in order to qualify monitoring in health. Participation is configured in individual practices in order to quali fy the proper care and without a concept and practice of social participation. Throughout the work is concerned that the production of care is still guided by the biomedical model and with emphasis on NDT. User participation in the care process is effective alien to the relationship with the health care professional and is configured in the choices made to provide care
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-02-05
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.