• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Tatiane Aparecida Martins Pedersoli
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2018
Orientador
Banca examinadora
Zanetti, Maria Lucia (Presidente)
Mendes, Karina Dal Sasso
Mente, Ênio David
Pessoa, João Luís Erbs
Roza, Bartira de Aguiar
Título em português
Programa de transplante de fígado: estrutura, processo e resultados
Palavras-chave em português
Avaliação em saúde; Indicadores de qualidade em assistência à saúde; Serviços de saúde; Transplante de fígado
Resumo em português
Esse estudo de caso teve como objetivo analisar a estrutura, o processo de trabalho e os resultados do Programa de Transplante de Fígado de um hospital universitário do interior paulista, em 2017. Foram analisados 325 prontuários de pacientes submetidos ao transplante de fígado no período de abril de 2001 a junho de 2016. Elegeu-se as variáveis sociodemográficas, clínicas, de tratamento, de estrutura, de processo e de resultados. Para a coleta de dados foram utilizados três formulários e um diário de campo. Para a análise dos dados quantitativos e qualitativos utilizou-se a abordagem de Avaliação em Saúde proposta por Donabedian (1980), a Resolução de Diretoria Colegiada º 50/2002 e a Portaria º 356/2014. Para o cálculo da sobrevida do paciente utilizou-se o método de Kaplan-Meyer e o Modelo de Regressão de Cox. Para o cálculo da sobrevida do enxerto utilizou-se o método de Kaplan-Meyer e o modelo de Regressão de Riscos Competitivos. Os resultados mostraram que a maioria dos pacientes era homens, adultos de meia idade, com comorbidades prévia, doença hepática moderada ou grave, complicações imediatas e tardias com baixa probabilidade de sobrevida. Quanto a estrutura o Programa atendeu em parte as recomendações para os componentes da estrutura organizacional-física (58,3%), organizacional de recursos humanos (55,6%), estrutural-física para funcionários e alunos (60,0%) e estrutural-física do ambulatório (50,0%). Em relação ao processo de atendimento identificou-se lacunas de documentos e ou diretrizes que norteiam a equipe de saúde no processo de trabalho. No que se refere aos indicadores de resultados, o número de transplantes sofreu alteração devido a fatores extrínsecos e intrínsecos. A maioria dos pacientes permaneceu em lista de espera por até 12 meses. Os pacientes encontravam-se em gravidade moderada a alta e probabilidade de mortalidade de 76%. O tempo de isquemia fria variou de 240 a 970 minutos, média de 499 (±112,0) minutos. A sobrevida do paciente após um, três e cinco anos de transplante foi de 66,4%, 60,4% e 56,5%, respectivamente, e a incidência acumulada para perda do enxerto foi da ordem de 10%. A maioria dos pacientes foi internada ao menos uma vez no primeiro ano após o transplante e os motivos principais foram relacionados a terapia de imunossupressão e as complicações cirúrgicas. Mais da metade (53,6%) dos pacientes estavam em seguimento ambulatorial no Programa e 43,7% evoluíram à óbito. O óbito foi relacionado, em sua maioria, ao choque séptico ou hipovolêmico. Conclui-se que os indicadores encontrados no presente estudo estão, em parte, de acordo com a legislação vigente sobre um Programa de Transplante de Fígado e que os indicadores de resultados precisam ser repensados para o fortalecimento e a consolidação do Programa no hospital estudado
Título em inglês
Liver transplantation programme: structure, process and outcomes
Palavras-chave em inglês
Health services; Healthcare evaluation mechanisms; Healthcare quality indicators; Liver transplantation
Resumo em inglês
The objective of this study was analyze structure, work process and outcomes of the Liver Transplantation Programme in a teaching hospital in Sao Paulo state's interior in 2017. It was analyzed 325 patients' records which were submitted to liver transplantation from April 2011 to June 2016. Sociodemographic, clinical, treatment, structure, process and outcomes were the variables chosen in this study. Three forms and a field diary were used how strategy to data collection. Qualitative and quantitative data have analyzed using Healthcare Evaluation approach purposed by Donabedian (1980), the Directors' Collegiate Resolution n. 50/2002 and Ministerial Order n. 356/2014. Kaplan-Meyer method and Cox Regression Model were used to estimate the patient survival rate. Kaplan-Meyer Method and Competing Risks Regression Model were used to calculate the graft survival. Study results showed that most patients were men, mid-aged adults, with previous comorbidities, moderate or severe liver disease, immediate and late complications with survival probability decreased. Regarding structure the Programme reached partially the recommendations of components physical-organizational structure (58.3%), organizational of human resources (55.6%), structural-physical to employers and students (60.0%) and structural-physical of clinic (50.0%). With respect to healthcare process was identified clinicals protocols absences as well as guidelines which should lead the healthcare providers in the working process. Regarding to outcomes indicators, the transplantation numbers suffered changes due intrinsic and extrinsic factors. Most patients remained in waiting list for until 12 months. The patients presented from moderate to high severity and the probability of mortality was 76% for them. The cold ischemic time range was from 240 to 970 minutes, with mean 499 (±112,0) minutes. The patient survival after one, three and five years after transplantation was 66.4%, 60.4%, 56.5%, respectively. The cumulative incidence to loss graft have been 10%. The most patients were hospitalized at least once in the first year after transplantation and the principal causes were related to immunosuppressive therapy and surgical complications. At the end of the study, more than half of patients (53.6%) were in clinical Programme follow-up and 43.7% had died. The most deaths were related with septic or hypovolemic shock. Therefore, is possible conclude that the indicators found in this investigation were, partially, according with Brazilian Current Law recommendations about Liver Transplantation Programs. The outcomes indicators should be rethought to promote strengthening and consolidation of Programme in the Hospital studied
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-08-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.