• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.22.2011.tde-19012012-103800
Documento
Autor
Nome completo
Andressa Karina Amaral Plá Pelegrin
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2011
Orientador
Banca examinadora
Sousa, Fatima Aparecida Emm Faleiros (Presidente)
Hortense, Priscilla
Rodrigues, Rosalina Aparecida Partezani
Título em português
Avaliação e mensuração da dor no envelhecimento: instituições de longa permanência
Palavras-chave em português
Avaliação de dor
Envelhecimento
Escala de categorias
Escala de depressão geriátrica
Instituições de longa permanência para idosos
Psicofísica
Resumo em português
O envelhecimento é um fenômeno novo e uma tendência mundial. Com ele, há um aumento de doenças e de queixas de dor. Este estudo permitiu que os profissionais de saúde tivessem uma melhor percepção na avaliação da dor no envelhecimento. O objetivo geral foi avaliar os diferentes tipos de dor crônica no envelhecimento. Os objetivos específicos foram mensurar a dor percebida, avaliar os descritores de dor crônica de maior atribuição, identificar diferentes temáticas de dor crônica percebida e avaliar sinais e sintomas de depressão. Foi realizada identificação sócio-demográfica, com perguntas relacionadas ao sexo, à idade, à escolaridade, à religião, ao estado civil, às atividades desenvolvidas na instituição, à situação econômica, ao tempo de institucionalização, ao recebimento de visitas e às doenças diagnosticadas e, posteriormente, foram feitos quatro Experimentos (amostras dependentes). Experimento 1 - Mensurar a dor percebida - a intensidade da dor crônica foi avaliada pelo método psicofísico de estimação de categorias e se percebiam dor no momento da entrevista, para identificar o local, o tempo e o horário. Experimento 2 - Avaliar os descritores de dor crônica de maior atribuição - a intensidade da dor foi avaliada por dois métodos psicofísicos independentes: estimação de categorias e estimação de postos. Experimento 3 - Identificar diferentes temáticas de dor crônica percebida - utilizou-se uma entrevista semiestruturada com sete perguntas relacionadas à dor crônica. Experimento 4 - Avaliar sinais e sintomas de depressão - utilizou-se a Escala de Depressão Geriátrica de 15 pontos. Participaram 46 idosos residentes em duas Instituições de Longa Permanência em Ribeirão Preto, São Paulo; dentre estes, 25 eram de instituição filantrópica e 21 de instituição particular. Os resultados foram a média de idade de 78,26±8,33 anos, 26 do sexo feminino, 23 viúvos, 28 católicos, 23 cursaram o ensino fundamental incompleto, 46 aposentados e 37 recebem até 1 salário mínimo, 16 tem hipertensão arterial, 37 residem nas instituições referidas no tempo de 0 a 5 anos, 34 declararam não realizar atividade nas instituições pesquisadas e 24 recebem visitas de familiares. No Experimento 1, 14 idosos atribuíram o valor 10 para a intensidade da dor percebida na última semana, sendo a média aritmética de 7,02±2,74 pontos; 28 relataram sentir dor no momento da entrevista e 32 não haver horário específico, sendo as regiões mais afetadas os membros inferiores e a região dorsal. No Experimento 2, no método de estimação de categorias, o descritor de dor de maior atribuição foi "dolorosa" e o de menor foi "desastrosa". No método de estimação de postos, o descritor de dor de maior atribuição foi "desastrosa" e o de menor atribuição foi "dolorosa". No Experimento 3, foram identificadas unidades temáticas como "percepção quanto ao tempo", "dimensão da dor", "estratégias de enfrentamento", "causas relacionadas à dor", "percepção da situação atual" e "outras percepções". No Experimento 4, observou-se que 33 idosos responderam à Escala de Depressão Geriátrica (EDG) - 15 pontos - e obtiveram um escore de 5 ou mais pontos podendo sugerir episódio de depressão, ao passo que 13 obtiveram um escore abaixo de 5 pontos, não sugerindo episódio de depressão.
Título em inglês
Assessment and measurement of pain in aging: long-term institutions
Palavras-chave em inglês
Aging
Assessment of pain
Geriatric depression scale
Long-term institutions for elderly
Psychophysics
Scale categories
Resumo em inglês
Aging is a new phenomenon and a global trend. With it, there is an increase of diseases and complaints of pain. This study has allowed health professionals have a better assessment of pain perception in aging. The overall objective was to evaluate the different types of chronic pain in aging. The specific objectives were to measure the perceived pain, to evaluate the descriptors of chronic pain with higher scores, identify different issues of chronic pain perceived and assess for signs and symptoms of depression. Identification was carried out socio-demographic, with questions related to sex, age, education, religion, marital status, the activities of the institution, the economic situation at the time of institutionalization, to receive visits and disease diagnosed and later, four experiments were conducted (dependent samples). Experiment 1 - Measuring the perceived pain - chronic pain intensity was assessed by the psychophysical method of category estimation and perceived pain during the interview, to identify the location, time and time. Experiment 2 - Assess the descriptors of chronic pain with higher scores - the intensity of pain was evaluated by two independent psychophysical methods: estimation and estimation of categories of posts. Task 3 - Identify the different themes of chronic pain perceived - we used a semi-structured interviews with seven questions related to chronic pain. Experiment 4 - Assess signs and symptoms of depression - used the Geriatric Depression Scale of 15 points. Attended by 46 elderly residents of two long-term institutions in Ribeirao Preto, São Paulo, among these, 25 were from philanthropic institutions and 21 private. The results were the mean age of 78.26 ± 8.33 years, 26 females, 23 were widowed, 28 Catholics, 23 attended the elementary school, 46 retirees and 37 to receive a minimum wage, 16 have high blood pressure, 37 reside in the institutions mentioned in the time from 0 to 5 years, 34 said they did not carry out activities in the institutions surveyed and 24 receive family visits. In Experiment 1, 14 elderly people attributed the value 10 for the intensity of perceived pain last week, and the arithmetic mean of 7.02 ± 2.74 points, 28 reported pain at the time of interview and 32 there is no specific time, and regions most affected lower limbs and the dorsal region. In Experiment 2, the method of category estimation, the greatest pain descriptor assignment was "painful" and the least was "disastrous." In the method of estimation of posts, the more pain descriptor assignment was "disastrous" and the assignment was less "painful". In Experiment 3, thematic units were identified as: "the perception of time," "dimension of pain," "coping strategies", "pain-related causes," "perception of the current situation" and "other perceptions." In Experiment 4, it was observed that 33 seniors responded to the Geriatric Depression Scale (GDS) -15 points - and obtained a score of 5 or more points may suggest a depressive episode, while 13 had a score below 5 points, not suggesting a depressive episode.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-02-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.