• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Laura Andrian Leal
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2017
Orientador
Banca examinadora
Camelo, Sílvia Helena Henriques (Presidente)
Andrade, Luciane Sá de
Bernardes, Andrea
Mininel, Vivian Aline
Título em português
Competências profissionais e organizacionais para enfermeiros hospitalares
Palavras-chave em português
Competência profissional
Educação superior
Enfermeiros
Hospitais
Resumo em português
A temática competência profissional vem sendo abordada nos últimos anos na área da saúde e tem sido motivo de preocupação de gestores de serviços, bem como de centros formadores na capacitação de seus profissionais. Assim, a presente pesquisa teve o objetivo de analisar as competências organizacionais e profissionais para o enfermeiro hospitalar. Trata-se de um estudo do tipo exploratório, documental, retrospectivo, utilizando-se a abordagem qualitativa dos dados. O cenário do estudo foi uma Instituição de Ensino Superior (IES) e uma Instituição hospitalar de ensino pública nível IV, de um município do interior paulista. A população foi constituída por 40 egressos dos Cursos de Bacharelado e Bacharelado e Licenciatura em Enfermagem da IES selecionada. Como critério de inclusão dos participantes da pesquisa, foram os egressos dos últimos dois anos dos referidos cursos, sendo a amostra definida por saturação dos dados. A pesquisa contou com três fontes de evidência: os documentos legais da instituição hospitalar, os programas relativos às disciplinas voltadas a gerência em enfermagem, e as entrevistas com os egressos de enfermagem desta mesma instituição. Foi utilizado análise de conteúdo indutiva, optando-se pela análise temática. Os dados foram coletados de setembro a dezembro de 2016. O trabalho foi desenvolvido em cumprimento a Resolução 466/2012. Os resultados evidenciaram uma população em sua maioria do sexo feminino, na faixa etária de 22 a 50 anos com procedência de diversas cidades e até outros estados. A graduação contribuiu em proporções significativas para o desenvolvimento de competências profissionais na área hospitalar, da qual foi denomidado de competências clínicas, entre elas, a Postura Profissional, os Cuidados com paciente e técnicas assistenciais, o Conhecimento teórico-prático e raciocínio clínico e a Sistematização da Assistência de Enfermagem. Dentre estas competências grande parte dos egressos referiu contato na graduação e aprimoramento com o processo de trabalho. Os egressos também identificaram competências gerenciais, das quais foram aprendidas na graduação e implementadas na sua inserção no trabalho, dentre elas: Liderança e Tomada de Decisão; Comunicação, Gerenciamento, Relacionamento Interpessoal e trabalho em equipe. Diante de todas as competências elencadas, os resultados apontaram alguns desafios que podem impedir a construção de competências no processo de trabalho, entre elas a relação difícil com equipe, regime autoritário de trabalho, entre outras. Em suma, o ambiente de trabalho das instituições hospitalares coloca o enfermeiro diante do desafio de exercer funções e atividades complexas visando assistência de enfermagem holística e qualificada ao paciente. E para que isso seja possível é necessário o aprimoramento de competências específicas por estes profissionais, tendo em vista o cenário de complexidade
Título em inglês
Professional and organizational competences for hospital nurses
Palavras-chave em inglês
Education higher
Hospitals
Nurses
Professional competence
Resumo em inglês
The theme of professional competence has been addressed in recent years in the area of health and has been a reason for concern of service managers, as well as training centers in the training of their professionals. Thus, the present research had the objective of analyzing the organizational and professional competences for hospital nurses. This is an exploratory, documentary, retrospective study, using the qualitative data approach. The scenario of the study was a Higher Education Institution (HEI) and a hospital institution of public education level IV, of a city in the interior of São Paulo. The population was constituted by 40 graduates of the Bachelor's and Bachelor's Courses and the Nursing Degree of the selected IES. As inclusion criterion of the participants of the research, were the graduates of the last two years of said courses, being the sample defined by saturation of the data. The research had three sources of evidence: the legal documents of the hospital, the programs related to nursing management disciplines, and the interviews with nursing graduates of this institution. Inductive content analysis was used, opting for thematic analysis. Data were collected from September to December 2016. The work was developed in compliance with Resolution 466/2012. The results showed a predominantly female population, in the age group of 22 to 50 years old, coming from different cities and to other states. Graduation contributed in significant proportions for the development of professional competences in the hospital area, from which it was denominated clinical competences, among them, Professional Posture, Patient Care and assistance techniques, Theoretical-practical knowledge and clinical reasoning and Systematization Of nursing care. Among these competences, a large part of the graduates referred contact in the undergraduate and improvement with the work process. The graduates also identified managerial competencies, which were learned at graduation and implemented in the work process, among them: Leadership and Decision Making; Communication, Management, Interpersonal Relationships and teamwork. Faced with all the competencies listed, our results pointed out some challenges that may impede the construction of competencies in the work process, among them the difficult relationship with the team, authoritarian work regime, among others. The work environment of the hospital institutions places the nurses in the face of the challenge of performing complex functions and activities aiming at holistic and qualified nursing care to the patient. And for this to be possible, it is necessary to improve specific competencies by these professionals, given the complexity scenario
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
LAURAANDRIANLEAL.pdf (1.92 Mbytes)
Data de Publicação
2017-09-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.