• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.22.2006.tde-09122006-003356
Documento
Autor
Nome completo
Eleine Aparecida Penha Martins Nonino
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2006
Orientador
Banca examinadora
Anselmi, Maria Luiza (Presidente)
Caliri, Maria Helena Larcher
Haas, Vanderlei José
Haddad, Maria do Carmo Fernandez Lourenço
Matsuda, Laura Misue
Título em português
Avaliação da qualidade dos procedimentos de enfermagem - banho e curativo - segundo o grau de dependência assistencial dos pacientes internados em um Hospital Universitário
Palavras-chave em português
avaliação da qualidade dos cuidados de saúde
banhos
curativos
enfermagem
procedimentos
Resumo em português
A qualidade dos serviços desenvolvidos por uma instituição de saúde depende muito da competência técnica e da habilidade de interação e comunicação de seus trabalhadores para com o usuário. As intervenções técnicas realizadas pela equipe de enfermagem requerem avaliações permanentes face aos riscos que comportam. Este estudo, observacional e seccional, analisou a qualidade e o tempo de execução dos procedimentos, banho e curativo, realizados pela equipe de enfermagem em pacientes internados na unidade médico-cirúrgica de um Hospital Universitário no estado do Paraná, tomando por referência o grau de dependência assistencial desta clientela. A população alvo foi constituída dos seguintes procedimentos: banho, em três tipologias (aspersão, aspersão com auxílio de cadeira de banho e banho no leito) e curativos executados em pacientes classificados segundo grau de dependência da assistência de enfermagem (I, II, III e IV). A amostragem para ambos os procedimentos foi por conveniência. Os dados foram coletados por meio de observação direta com a utilização de um instrumento tipo check list (lista de verificação). A qualidade dos procedimentos foi analisada com base no Índice de Positividade (IP) para cada item do instrumento e no escore de acertos, obtidos em cada procedimento; o tempo de execução foi avaliado em minutos. A qualidade da execução do procedimento foi considerada satisfatória quando a mediana do IP e do escore mediano de acertos fosse ? 70%. Foram observados 258 banhos de aspersão (42,6% grau I, 42,6% grau II e 14,8% grau III); 98 de aspersão com auxílio de cadeira de banho (12,5% grau I, 26,5% grau II, 54,1% grau III e 7,1% grau IV) e 46 banhos no leito (4,3% grau I, 37% grau III e 58,7% grau IV). O IP superou 70% apenas no banho de aspersão com auxílio de cadeira de banho em pacientes classificados no grau IV e no banho no leito no grau I. Os itens mais comprometidos estão relacionados à orientação/comunicação/interação com o paciente, higiene oral, desinfecção concorrente do leito, inspeção das condições da pele e valorização das queixas do paciente. Os resultados obtidos nos scores medianos de acertos nas três tipologias de banho, nos quatro graus de dependência também evidenciaram baixa qualidade, uma vez que somente no banho de aspersão com auxílio de cadeira de banho, grau IV e banho no leito grau I, 50% dos procedimentos alcançaram scores de até 80% e 76,5% de acertos, respectivamente. No procedimento curativo dos 168 observados, 33,9% foram em pacientes de grau I, 38,7% de grau II, 19,6% de grau III e 7,8% de grau IV. Em todos os graus de dependência, alcançou-se o índice de positividade total recomendado (? 70%). Entretanto, itens como preparo adequado do ambiente, conferência do prazo de validade dos materiais, respeito aos princípios de assepsia e manutenção da seqüência lógica do procedimento mostram baixa positividade. Os scores medianos de acertos foram superiores a 70% em todos os graus de dependência, indicando que o procedimento atende um padrão de qualidade. Tanto nos banhos como nos curativos não foram observadas diferenças no tempo despendido entre os diferentes graus de dependência.
Título em inglês
Evaluation of nursing procedures quality - bathing and wound dressing - according to care dependency level of hospitalized patients of an University Hospital
Palavras-chave em inglês
bathing
health care quality evaluation
nursing
procedures
wound dressing
Resumo em inglês
The quality of services offered by a health institution depends greatly on worker?s technical competence and interaction and communication abilities towards the client. Technical interventions performed by the nursing team require permanent evaluations of the risks involved. This observational and sectional study analyzed quality and time of execution of bathing and wound dressing procedures performed by the nursing team on hospitalized patients in a medical-surgical unit of a University Hospital in the State of Paraná, based on care dependency degrees of these clients. Target population was constituted by the following procedures: bathing, in three typologies (shower bath, shower bath with aid of a wheel chair and bed bath) and changing wound dressings on patients classified according to the nursing care dependency degree (I,II,III and IV). Convenience sampling was employed for both procedures. Data was collected through direct observation while using a check list instrument for documentation (verifying list). Procedure quality was analyzed based on the Positive Index (IP) for each item on the instrument and on the correct procedures score; execution time was evaluated in minutes. Quality of procedure execution was considered satisfactory when the IP median and the median correct procedure score was ? 70%. In this study 258 aspersion baths (42,6% degree I, 42,6& degree II and 14,8% degree III); 98 shower baths aided by wheel chair (12,5% degree I, 26,5% degree II, 54,1% degree III and 7,1% degree IV) and 46 bed baths (4,3% degree I, 37% degree III and 58,7% degree IV). The IP surpassed 70% only in the shower bath with aid of a wheel chair on patients classified as degree IV and on bed bath, degree I. The most frequently compromised items were related to orientation/communication/interaction with the patient, oral hygiene, bed disinfection, skin condition inspection and valuing patient complaints. Results obtained on the median of the correct procedures scores on the three bathing typologies, on the four dependency degrees also highlight low quality, because only in the shower bath with aid of a wheel chair, degree IV, and bed bath, degree I, 50% of the procedures reached 80% and 76,5% correct procedure scores, respectively. In the observed wound dressing procedures of the 168 patients, 33,9% were patients of degree I, 38,7% of degree II, 19,6% of degree III and 7,8% of degree IV. In all dependency degrees the recommended positivity index was reached (? 70%). Items such as adequate environment preparation, validity time frame checking, respect to aseptic principles and maintenance of procedure?s logical sequence, however, show low positivity. Medium scores were also superior to 70% in all dependency levels, indicating that the procedure meets a quality standard. It was not observed difference on time frame spent in the different dependency degrees in bathing and wound dressing procedures.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
EAPM_NONINO.pdf (716.90 Kbytes)
Data de Publicação
2007-01-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.