• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.22.2005.tde-06052005-110025
Documento
Autor
Nome completo
Annelita Almeida Oliveira Reiners
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2005
Orientador
Banca examinadora
Nogueira, Maria Suely (Presidente)
Furegato, Antonia Regina Ferreira
Jardim, Paulo César Brandão Veiga
Maruyama, Sonia Ayako Tao
Veiga, Eugenia Velludo
Título em português
"Interação profissional de saúde e usuário hipertenso: contribuição para a não-adesão ao regime terapêutico"
Palavras-chave em português
adesão ao regime terapêutico
hipertensão arterial
interação profissional de saúde / usuário
não-adesão ao regime terapêutico
Resumo em português
Os objetivos desta pesquisa foram: compreender a perspectiva do profissional de saúde e do usuário hipertenso sobre a interação que ocorre entre eles no contexto da atenção em unidades públicas de saúde e analisar de que forma essa interação contribui para a não-adesão ao regime terapêutico. A metodologia aplicada para o desenvolvimento do estudo foi a Teoria Fundamentada nos Dados e o referencial teórico utilizado para a análise dos dados e interpretação dos resultados foi o Interacionismo Simbólico, além da literatura existente sobre o assunto. Ao todo, quinze profissionais de saúde e dez usuários fizeram parte da pesquisa. Ao final, foram encontradas seis categorias (duas delas, centrais) e outras subcategorias as quais, depois de um processo elaborado de comparações, relações e integração compuseram a proposição teórica que a autora fez sobre a interação entre o usuário e o profissional de saúde e da qual extraiu elementos para analisar a contribuição que essa interação tem para a não-adesão ao regime terapêutico. A autora concluiu que a interação, por ser pautada no modelo biomédico, centralizada no profissional de saúde, desigual, assimétrica e distanciada, tem elementos que podem estar contribuindo para a não- adesão do usuário ao regime terapêutico. Concluiu também que a principal ação que o profissional de saúde utiliza para promover a adesão do usuário ao regime terapêutico – a conscientização – tem sido ineficaz uma vez que se baseia no modelo tradicional de educação em saúde e no qual o usuário não é considerado como sujeito. Outra conclusão é a de que o usuário, por estar administrando o regime terapêutico à sua maneira, tem feito indicações ao profissional de saúde sobre sua forma de ver, entender e conviver com a hipertensão arterial e o regime terapêutico que nem sempre é congruente com o que o profissional de saúde quer e espera dele. Esta pesquisa aponta para a necessidade do profissional de saúde e outras instâncias políticas de decisão repensarem a interação profissional / usuário nos moldes que tem acontecido atualmente e para a necessidade de mudanças no modo de pensar e agir em relação ao usuário e com ele.
Título em inglês
Health professional and hypertensive health service user interaction: contribution to the non-adherence to the therapeutic regime.
Palavras-chave em inglês
adherence to therapeutic regime
arterial hypertension
Health professional/user interaction
non-adherence to therapeutic regime
Resumo em inglês
The aims of this research were to understand the perspective of the health professional and the hypertensive user about the interaction that occurs between them in the context of the service in health units and to analyze how this interaction contributes to the non-adherence to the therapeutic regime. The methodology applied for the development of the study was the Grounded Theory and the theoretical reference used for the analysis of the data and interpretation of the results was the Symbolic Interacionism, as well as existing literature on the subject. In all, fifteen health professionals and ten users were involved in the research. At the end, six categories were found (two of which were central) and other subcategories which, after an elaborated process of comparisons, relations and integration composed the theoretical proposal that the author made about the interaction between the user and the health professional and from which some elements were extracted in order to analyze the contribution that this interaction makes to the nonadherence to the therapeutic regime. The author concluded that the interaction, being based in the biomedical model, was centered in the health professional, was unequal, asymmetric and distant, and has elements that could be contributing to the user non-adherence to the therapeutic regime. It was also concluded that the main action that the health professional uses to make the user adhere to thetherapeutic regime – making the user aware of it – has been ineffective because it is based on the traditional model of health education in which the user is not considered individually. Another conclusion is that the user since he is managing the therapeutic regime in his own way has made indications to the health professional of his way of seeing, understanding and dealing with the arterial hypertension and the therapeutic regime that is not always congruent with what the health professional wants and expects of him. This research points to the necessity of the health professional and other policy-making forums to rethink the health professional/user interaction in the molds that have happened currently, and for the necessity of change in the way of thinking and of acting in relation to and with the user.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
DO-Reiners_AAO.pdf (578.26 Kbytes)
Data de Publicação
2005-05-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.