• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.22.2005.tde-25072005-090632
Documento
Autor
Nome completo
Divane de Vargas
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2005
Orientador
Banca examinadora
Luis, Margarita Antonia Villar (Presidente)
Carvalho, Ana Maria Pimenta
Figueiredo, Marco Antonio de Castro
Loureiro, Sonia Regina
Pillon, Sandra Cristina
Título em português
"A construção de uma escala de atitudes frente ao álcool, ao alcoolismo e ao alcoolista: um estudo psicométrico"
Palavras-chave em português
alcoolismo
atitude
psicometria
testes psicológicos
Resumo em português
Desenvolveu-se uma escala para medir atitudes de enfermeiros frente ao álcool, ao alcoolismo e ao alcoolista (EAFAAA). Trata-se de uma escala do tipo likert que teve como fundamentação teórica os pressupostos de Pasqualli (1999). Para a elaboração dos itens da escala numa etapa inicial, realizou-se entrevista semi-estruturada com 30 enfermeiros, e da análise destas entrevistas foi extraído um total de 225 itens. O total dos itens foi submetido a análise de seis juízes especialistas no assunto. Após a análise somente 165 permaneceram. A escala composta por 165 itens foi submetida a um estudo-piloto com o objetivo de verificar as características estatísticas da mesma, para isso o instrumento foi testado numa população de 144 estudantes de enfermagem do último ano, de duas faculdades privadas. De posse dos instrumentos respondidos pelos 144 sujeitos, criou-se um banco de dados no programa SPSS (Satatistical Package for the Social Sciences v.8 for Windows), através do qual procedeu-se à análise estatística do instrumento. A análise fatorial originou uma escala composta por 96 itens divididos em cinco fatores: Fator 1: O Alcoolista, o trabalhar e o relacionar-se com o mesmo; Fator 2: Etiologia; Fator 3: Doença; Fator 4: Repercussões decorrentes do uso/abuso do álcool e Fator 5: A Bebida alcoólica. A consistência interna foi de 0,9068 (alfa). As correlações item-escore total variaram entre 0,35 e 0,65 com média de 0,50. Os dados de confiabilidade acima citados permitem concluir que se obteve um instrumento adequado para a finalidade e que pode ser útil para o conhecimento das atitudes de enfermeiros frente às questões referentes ao álcool, ao alcoolismo e ao alcoolista. Uma vez confirmada a confiabilidade da EAFAAA, a mesma foi testado numa população de 148 enfermeiros. A análise dos dados revelou que tanto enfermeiros quanto estudantes de enfermagem aceitam o alcoolismo enquanto doença, demonstrando atitudes positivas frente à mesma, porém encontrou-se uma parcela significativa de sujeitos com atitudes moralistas e condenatórias no que se refere a pessoa do alcoolista, concebendo-o inclusive como culpado por seus problemas de saúde. Sugere-se que outros estudos envolvendo a escala construída sejam realizados, no sentido de aprimorar sua qualidade estatística. Aponta-se ainda a necessidade de maior atenção à temática nos currículos de enfermagem, bem como a necessidade de novos métodos para a mudança de atitudes profissionais frente ao álcool, ao alcoolismo e ao alcoolista.
Título em inglês
The Construction of a Scale of Attitudes towards Alcohol, alcoholism and the Alcoholic: a psychometric study.
Palavras-chave em inglês
alcoholism
attitudes
psychological test
psycometria
Resumo em inglês
A scale of nurses’ attitudes towards alcohol, alcoholism and the alcoholic (EAFAAA) was developed. It is a Likert type scale based on Pasqualli’s (1999) theoretical framework. In order to elaborate the scale items, the author used a semi-structured interview with 30 nurses and these interviews’ analysis resulted in a total of 225 items. The items were evaluated by six peer reviewers specialized on the subject. After the analysis, 165 items were maintained. The scale with the 165 items was submitted to a pilot study with the purpose to verify some statistical characteristics. Thus, the instrument was tested in a population of 144 nursing students from two private Universities enrolled in the last year of their program. With the 144 instruments responded, the author created a data bank using SPSS (Statistical Package for the Social Sciences v.8 for Windows), and began the statistical analysis. The factorial analysis originated a scale with 96 items divided in five factors: Factor 1: The Alcoholic, the work and the relationship between them; Factor 2: Etiology; Factor 3: Disease; Factor 4: Repercussions of alcohol use and abuse and Factor 5: The Alcohol. The internal consistency was of 0.9068 (alpha). The item-score correlations varied from 0.35 and 0.65 with an average of 0.50. Data regarding reliability enabled the conclusion that the instrument is adequate to its aim and can be useful to learn more about nurses’ attitudes towards alcohol, alcoholism and the alcoholic. After the reliability confirmation, the scale was tested in a population of 148 nurses. Data analysis showed that nurses and nursing students accept alcoholism as a disease, demonstrating positive attitudes towards it. However, there was a significant number of subjects with moral and condemning attitudes regarding the alcoholic, considering them guilty in respect to their health problems. The author suggests the development of other studies involving the constructed scale with the aim of improving its statistical quality. He also points out the need for greater attention to the theme in the curriculum of the nursing undergraduate programs as well as the need for new methods to change the professional attitudes towards alcohol, the alcoholism and the alcoholic.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Vargas_D.pdf (9.22 Mbytes)
Data de Publicação
2005-08-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.