• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Luiz Gabriel Quinzani Lucas
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2017
Orientador
Banca examinadora
Pillon, Sandra Cristina (Presidente)
Junqueira, Marcélle Aparecida de Barros
Martins, Mayra Costa
Ventura, Carla Aparecida Arena
Título em português
Caracterização de usuários de substâncias psicoativas e motivos para a internação compulsória
Palavras-chave em português
Abuso de substâncias psicoativas
Internação involuntária
Saúde mental
Resumo em português
O estudo teve por objetivo avaliar as características de usuários de substâncias psicoativas internados por ordem judicial. Trata-se de um estudo transversal retrospectivo, baseado em dados secundários, realizado na Defensoria Pública do Estado de São Paulo, unidade Araraquara. A amostra foi composta por 217 processos judiciais de indivíduos internados por mandato judicial em função do uso de substâncias psicoativas. Utilizou-se um questionário estruturado, contendo perguntas fechadas, obtidas no formulário de informações da internação compulsória na Defensoria Pública. As informações referem-se a informações sociodemográficas, substância psicoativa utilizada, à internação e sobre o tratamento, bem como aspectos concernentes a própria internação. A amostra caracterizou-se predominantemente por indivíduos do sexo masculino, com faixa etária de 21 a 40 anos, solteiros e desempregados. Em relação ao uso de substâncias psicoativas, 78 (35,9%) usavam álcool e/ou maconha e 139 (64%) faziam uso de cocaína (inalada ou fumada). A amostra diferenciou-se em relação à faixa etária, estado civil e ocupação. Usuários de álcool e/ou maconha se caracterizaram por serem adultos, separados/divorciados e exercerem trabalho informal. Os usuários de cocaína/crack são jovens, solteiros e desempregados. Observa-se associações estatisticamente significativas entre uso de droga, solicitante da internação e a presença de agressividade. A presença de situações de agressividade foi predominante entre usuários de cocaína/crack, quando comparado aos usuários de álcool/ maconha. Os resultados podem auxiliar no entendimento do perfil do usuário de substâncias psicoativas internado compulsoriamente, trazendo luz a questões que relacionam-se ao processo de internação e ao fenômeno do uso de drogas, bem como podem levantar discussões sobre estratégias de cuidado atualmente oferecidas aos usuários de substâncias psicoativas em processo de judicialização
Título em inglês
PSYCHOACTIVE SUBSTANCES USERS' DESCRIPTION FOR COMPULSORY TREATMENT
Palavras-chave em inglês
Commitment of mentally Ill
Mental health
Substance-related disorders
Resumo em inglês
The study has as objective evaluate psychoactive substances users' characteristics hospitalised by court order. This is a cross-sectional retrospective study, based on secondary data, held in the Public Defender's Office of the State of São Paulo, Araraquara's unit. A sample composed by 217 court lawsuits of hospitalized individuals by court orders due to abuse of psychoactive substances. A structured questionnaire was used, containing closed questions, obtained from the data of compulsory hospitalization in the Public Defender's Office. The data refers to sociodemographic information, drug used, hospitalization and treatment. The sample was predominantly male, aged between 21 and 40 years old, single and unemployed. Regarding the use of psychoactive substances, 78 (35.9%) used alcohol and / or marijuana and 139 (64%) used cocaine (inhaled or smoked). The sample was differentiated in relation to age, marital status and occupation. Alcohol and / or marijuana users were characterized as adults, separated / divorced, and engaged in informal work. Cocaine / crack users are young, single and unemployed. Statistically significant associations between drug use, hospitalization requestor and the presence of aggressiveness are observed. The presence of aggressive situations was predominant among cocaine / crack users when compared to alcohol / marijuana users. The results can help to understand the profile of compulsory hospitalized drug user's, bringing light to issues that relate to the hospitalization process and the phenomenon of drug use, as well as to raise discussions about care strategies currently offered to users of psychoactive substances in court orders
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-01-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.