• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.22.2014.tde-19022015-190521
Documento
Autor
Nome completo
Loraine Vivian Gaino
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2014
Orientador
Banca examinadora
Souza, Jacqueline de (Presidente)
Serapioni, Mauro
Vedana, Kelly Graziani Giacchero
Título em português
Saúde mental na rede de atenção à saúde em um município do interior de São Paulo
Palavras-chave em português
Atenção primária a saúde
Centros comunitários de saúde mental
Saúde
Saúde mental
Resumo em português
Esse estudo teve como objetivo analisar o atendimento das demandas de saúde mental na rede de atenção à saúde no município de Cordeirópolis, interior de São Paulo. Tal análise compreendeu a descrição da estrutura desta rede e a percepção dos profissionais sobre a identificação e cuidado das demandas de saúde mental. Para tanto, realizou-se uma pesquisa qualitativa, transversal do tipo descritivo-exploratória. Foram utilizados dados primários e secundários. Os dados foram coletados entre junho de 2013 e maio de 2014 através de análise documental e entrevistas semiestruturadas. Os dados secundários foram obtidos a partir de registros do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (DATASUS), dos documentos que embasam o funcionamento dos serviços estudados (planilhas com dados dos acolhimentos no ano de 2012, o projeto de implantação do Centro de Atenção Psicossocial - CAPS e o Plano de Funcionamento do serviço) além do Plano Municipal de Saúde "2010- 2013". Já os dados primários foram obtidos através de entrevistas com 20 profissionais de saúde de nível médio e superior que atuavam nos serviços estudados a saber, CAPS, Ambulatório de Saúde Mental, Pronto-Socorro e Estratégias de Saúde da Família. O referencial teórico adotado para análise foram os pressupostos de Bárbara Starfield em relação à organização dos sistemas de saúde sob a lógica da Atenção Primária a Saúde. Assim os dados foram analisados utilizando a análise documental e análise de conteúdo. Os resultados apontaram que a rede de atenção psicossocial do município estava estruturada com importantes pontos de atenção (CAPS, o Ambulatório de Saúde Mental, as Estratégias de Saúde da Família e Pronto-Socorro) e equipes com número e diversificação considerável de profissionais. Em relação à percepção dos participantes sobre a saúde mental, identificou-se uma justaposição de visões que ora corroboram o paradigma biomédico, ora o conceito ampliado de saúde. Esta diversidade de concepções ilustra o fato que saúde e saúde mental se entrecruzam e confundem-se dentro da história da humanidade, tendo sido tratadas como distintas apenas com o nascimento da psiquiatria, quando essa especialidade toma para si o objeto "psíquico", salientando a divisão mente-corpo. Essa diferença de concepções, pode também explicar as ações ora focadas na remissão de sintomas, tratamento medicamentoso e encaminhamento para internação, ora com vistas para aspectos psicossociais, como por exemplo, escuta, acompanhamento psicólogico, criação de vínculo, oficinas de geração de renda, passeios, dentre outras. Dessa forma, o presente estudo permitiu demarcar uma série de potencialidades da rede de saúde do município em questão no atendimento a demanda de saúde mental, no entanto foram também destacadas algumas recomendações importantes para sua melhoria
Título em inglês
Mental health in the health care network of an inner city of São Paulo
Palavras-chave em inglês
Community mental health centers
Health
Mental health
Primary health care
Resumo em inglês
This study aimed to analyze the treatment for mental health demands in the health care network in Cordeirópolis, São Paulo. This analysis included the description of the network's structure and the perception of the professionals about the identification and care of the mental health's demands. For this, we used a cross-sectional, qualitative and descriptive- exploratory survey. We used primary and secondary data. Data were collected between June 2013 and May 2014 through semi-structured interviews and documentary analysis. The theoretical framework adopted for analysis were the assumptions of Barbara Starfield in relation to the organization of health systems under the logic of Primary Health Care. Secondary data were obtained from the Unified Health System database (Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde - DATASUS), data of the respective services and the Municipal Health Plan "2010-2013". For document analysis, we selected the documents that support the service operation: spreadsheets with data screening of 2012, the implementation project of the Community Health Center (Centro de Atenção Psicossocial - CAPS) and this Service Operation Plan. For the primary data, we selected 20 health professionals at middle and senior levels who worked in the these services: CAPS, Outpatient Mental Health Clinic, First Aid Station and Family Health Program. Thus the data were analyzed using document analysis and content analysis. The results showed that the psychosocial care's network of the council was structured with important services (CAPS, the Outpacient Mental Health Clinic, Family Health Program and First Aid Station) and teams with considerable diversity and number of professionals. Regarding the participants' perceptions about mental health, we identified a juxtaposition of views that either corroborates the biomedical paradigm and the wider concept of health at other times. The diversity of views presented by participants illustrates the fact that health and mental health are intertwined and confused in the history of mankind and have been treated as distinct, only with the birth of psychiatry, when this specialty takes on the 'psychic' object, emphasizing the mind-body division. This difference of views, can also explain the actions focused on remission of symptoms, drug treatment and referral for hospitalization, sometimes overlooking psychosocial aspects, such as listening, psychological counseling, bond's creation, CAPS's patients in workshops for income, tours, among others. Thus, the present study allows demarcate a series of network capabilities of the studied municipal health service in the demand for mental health, however were also highlighted some important recommendations for improvement
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-03-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.