• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Francisco Rafael Guzman Facundo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2007
Orientador
Banca examinadora
Pedrão, Luiz Jorge (Presidente)
Furtado, Erikson Felipe
Laprega, Milton Roberto
Luis, Margarita Antonia Villar
Miasso, Adriana Inocenti
Título em português
Fatores de risco e o significado do consumo de drogas em adolescentes e jovens marginais de bandos juvenis
Palavras-chave em português
adolescentes e jovens marginais
consumo de drogas
fatores de risco
significado do consumo de drogas
Resumo em português
O abuso no consumo de drogas constitui problema social e de saúde pública na maioria dos países pelas múltiplas conseqüências negativas que provocam sobre o desenvolvimento emocional e físico das pessoas. Grupos reconhecidos como de maior risco para consumir drogas são os grupos marginais e, dentro destes, estão os adolescentes e jovens pertencentes aos bandos juvenis. Os objetivos do presente estudo foram: analisar o efeito dos fatores de risco pessoais (idade, sexo, problemas de saúde mental, baixo nível educacional, ter trabalho remunerado, anos de escolaridade) e interpessoais (relação com amigos sob condutas desajustadas e relação inapropriada com pais) sobre o consumo de drogas lícitas (álcool e tabaco) e ilícitas (maconha, cocaína e inalantes) e, num segundo momento, desenvolver modelo teórico representativo dos significados do consumo de droga em adolescentes e jovens marginais de bandos juvenis. Para tal efeito, realizou-se estudo com metodologia quanti-qualitativa, onde se consideraram 175 sujeitos para o primeiro objetivo. Estimou-se a amostra para uma regressão linear múltipla com sete variáveis, com potência de 0,90, nível de significância de 0,05, para variância estimada de 20% e, para o segundo objetivo, utilizou-se o referencial metodológico da Teoria Fundamentada nos Dados à luz do Interacionismo Simbólico, com amostra de 16 sujeitos. Os resultados dos modelos de regressão logística mostraram efeito significativo dos fatores pessoais sobre o consumo de álcool (x2=30,19; p<0,05), maconha (x2=47,78; p<0,001), cocaína (x2=55,54; p<0,001) e inalantes (x2= 41,79; p<0,001), os fatores de risco pessoais que mostraram maior contribuição nos modelos foram: o sexo (ser homem), idade, problemas de saúde mental e baixo nível educacional; e, os fatores interpessoais: relações com amigos sob condutas desajustadas e relação inapropriada com pais, mostraram um efeito positivo sobre o consumo de álcool (x2=11,96; p=0,003), maconha (x2= 22,56; p<0,001), cocaína (x2=12,44; p=0,002) e inalantes (x2= 14,80; p<0,001). Os fatores de risco pessoais e interpessoais não mostraram efeitos significativos para o consumo de tabaco. Depois de transcrever as entrevistas dos 16 sujeitos, codificou-se em três etapas: codificação aberta, axial e seletiva. Da análise comparativa dos dados resultou a categoria central A GLÓRIA DO PRAZER SOBRE AS CONSEQÜÊNCIAS em relação ao significado do consumo de drogas, e representa as vantagens dos efeitos prazerosos, emocionais, de bemestar, relaxamento, desinibição e, conseqüentemente, risos, denotando sentimentos de felicidade sobre as possíveis conseqüências do consumo de drogas. Esses resultados possibilitaram a reflexão de que, em um futuro próximo, há a necessidade de elaboração de programas adequados direcionados à prevenção nesse grupo de jovens marginais.
Título em inglês
Risk factors and the meaning of drugs consumption in marginal adolescents and young people from youth gangs
Palavras-chave em inglês
drugs consumption
marginal adolescents and young people
meaning of drugs consumption
risk factors
Resumo em inglês
Abuse in drugs consumption constitutes a social and public health problem in most countries, due to the multiple negative consequences they provoke for people's emotional and physical development. Acknowledged risk groups for drugs consumption are marginal groups, which include adolescents and young people from youth gangs. This study aimed to: analyze the effect of personal (age, gender, mental health problems, low education level, having a paid job, years of education) and interpersonal risk factors (relation with friends with badly adapted conducts and inappropriate relation with parents) on the consumption of legal (alcohol and tobacco) and illegal drugs (marihuana, cocaine and inhalants) and, next, to develop a theoretical model that represents the meanings of drugs consumption in marginal adolescents and young people from youth gangs. Thus, a study was carried out with a quantitative-qualitative methodology. For the first objective, 175 subjects were considered. The sample was estimated for a multiple linear regression with seven variables, with a .90 power and a .05 significance level, for an estimated variance of 20%. For the second objective, the methodological framework of Grounded Theory was used in the light of Symbolic Interactionism, using a sixteen-subject sample. The results of the logistic regression models showed that personal factors exert a significant effect on alcohol consumption (x2=30.19; p<.05), marihuana (x2=47.78; p<.001), cocaine (x2= 55.54; p<.001) and inhalants (x2=41.79; p<.001). The personal risk factors that demonstrated a larger contribution in the models were: gender (being a man), age, mental health problems and low education level; and the interpersonal factors relations with friends with badly adapted conducts and inappropriate relation with parents revealed a positive effect on the consumption of alcohol (x2 =20.65 p<.05), marihuana (x2=22.56; p<.001), cocaine (x2=18.5 p<.05) and inhalants (x2=14.80; p<.001). The personal and interpersonal risk factors did not show significant effects for tobacco consumption. After transcribing the interviews of the 16 subjects, they were coded in three steps: open, axial and selective coding. Comparative data analysis resulted in the central category THE GLORY OF PLEASURE OVER THE CONSEQUENCES with respect to the meaning of drugs consumption, which represents the advantages of the pleasant emotional effects of well-being, relaxation, disinhibition, and, consequently, provoked laughing, indicating feelings of happiness about the possible consequences of drugs consumption. These results allowed for the reflection that, in the near future, there is a need to elaborate adequate prevention programs in this group of marginal young people.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2007-10-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.