• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.22.2012.tde-15082012-135932
Documento
Autor
Nome completo
Elaine Marcussi
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2012
Orientador
Banca examinadora
Luchesi, Luciana Barizon (Presidente)
Porto, Fernando Rocha
Santo, Silvia Maria do Espirito
Título em português
A visibilidade da criação da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo na impressa escrita (1951)
Palavras-chave em português
Enfermagem
Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto-USP
Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto-USP
História da Enfermagem
Imprensa
Resumo em português
O estudo investiga o efeito simbólico da criação da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (EERP-USP), na imprensa escrita (1951), através da análise e discussão das matérias jornalísticas publicadas em três jornais da cidade, à época: A Cidade, Diário da Manha e a Tarde. Estudo de perspectiva histórica que se aproxima da abordagem da micro-história. O marco temporal desse trabalho refere-se à aprovação da organização e finalidade da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (FMRP-USP), que criou, anexa à mesma, a EERP/USP, através da Lei Estadual nº. 1467, de 26 de dezembro de 1951. O corpus documental constituiu-se das matérias jornalísticas relativas à criação da EERP-USP e/ou Enfermagem/enfermeiro(a) publicadas pelos jornais disponíveis para a pesquisa no Arquivo Público e Histórico da cidade. A coleta compreendeu os meses de dezembro de 1951 e janeiro de 1952. O marco teórico de referência para análise do texto jornalístico trata-se da teoria de mundo social, com utilização da noção de campo jornalístico, do sociólogo Pierre Bourdieu. Os resultados obtidos apontaram para um total de 47 matérias jornalísticas. Entretanto, 34 possuem a FMRP-USP como tema centrale seis (6) matérias se referem diretamente a EERP/USP, Enfermagem ou enfermeira(o). Observa-se que o discurso jornalístico sobre a instalação da FMRP-USP reconfigura o campo científico na cidade. Verificou-se que a EERP-USP, mesmo antes de sua instalação, apropriou-se de certo capital cultural, efeito da visibilidade da FMRP-USP. Nas seis matérias analisadas destaca-se um discurso ambivalente quanto à posição da Enfermagem e/ou EERP-USP em relação à FMRP-USP/Medicina, ora àquela que agrega capital simbólico de força equivalente às demais profissões, ora aquela que é referida como integrante, de um conjunto maior, que seria de domínio médico. Entretanto, destaca-se que este fenômeno ocorreu em virtude da inexistência de agentes sociais no campo simbólico que pudessem exercer forças a favor da EERP-USP, uma vez que, a Profa. Glete de Alcântara, sua principal agente social, iniciou suas atividades em Ribeirão Preto quatro meses após o período de analise do presente estudo.
Título em inglês
The visibility of University of São Paulo at RibeirãoPreto College of Nursing's creation in newspaper - 1951
Palavras-chave em inglês
Faculty of Medicine of Ribeirão Preto
History of Nursing
Nursing
Press
University of São Paulo at RibeirãoPreto College of Nursing
Resumo em inglês
The study investigates the symbolic effect of University of São Paulo at RibeirãoPreto College of Nursing'screationin press (1951), through analysis and discussion of newspaper articles published in three newspapers of the city, at the time: THE CITY (A CIDADE), THE DAILY MORNING (DIÁRIO DA MANHÃ) and THE EVENING (A TARDE).Historical perspective Study that approximates of the micro historyapproach of. The timeframe refers to the approval of the organization and purpose of the University of São Paulo Faculty of Medicine of Ribeirao Preto (FMRP-USP), which created, attached to it, the University of São Paulo at RibeirãoPreto College of Nursing (EERP-USP) by State Law. 1467 of December 26 of 1951. The corpus of documents consisted of newspaper articles about the creation of EERP-USP and/or nursing/nurse published in the newspapers available for research in the Historical Public Archives of the city. The data were collected to the months of December 1951 and January 1952. The theoretical framework of reference for analysis of newspaper text is the social world theory, using the notion of journalistic field, by the sociologist Pierre Bourdieu. The results pointed to a total of 47 newspaper articles. However, 34 have the FMRP-USP as a central theme, and six (6) refers directly to EERP / USP, nursing or nurse. It is observed that media discourse about the installation of the FMRP-USP reconfigures the scientific field in the city. It was found that the EERP-USP, even before its installation, appropriated certain cultural capital, with is effect of the visibility of FMRP-USP. In the six articles analyzed stands anambivalent speech about the position of Nursing and/or EERP-USP regarding FMRP-USP/Medicine, once adds to that symbolic capital strength equivalent to other professions, once that is sometimes referred to as an integrant of a larger field dominated by the medical field. However, it is emphasized that this phenomenon occurred because of a lack of social agents in the symbolic field that could apply forces for EERP-USP, since the Professor. Glete de Alcântara, that is themost important social agent of EERP-USP, started its activities, in RibeirãoPreto, four months after the period analyzed in this study.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
ELAINEMARCUSSI.pdf (26.55 Mbytes)
Data de Publicação
2013-01-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.