• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.22.2019.tde-06122018-133326
Documento
Autor
Nome completo
Elizangela Moreira Careta Galindo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2018
Orientador
Banca examinadora
Carvalho, Ana Maria Pimenta (Presidente)
Elias, Luciana Carla dos Santos
Felipe, Adriana Olímpia Barbosa
Souza, Joseane de
Título em português
Validação da versão adaptada do Inventário de Percepção Parental IPP / Parent Perception Inventory para Crianças brasileiras
Palavras-chave em português
Análise fatorial ; Criança ; Relação pais-filhos ; Testes psicológicos
Resumo em português
A temática da criação dos filhos vem sendo muito pesquisada e diversos trabalhos têm dedicado atenção especial aos estilos e práticas parentais. Desde a década de 1930, psicólogos pesquisadores e clínicos têm se preocupado com questões como: Qual a melhor forma de educar os filhos e quais são as conseqüências que podem ser provocadas no desenvolvimento das crianças educadas por diferentes modelos de pais. Considerando a relevância da relação entre pais e filhos no processo de desenvolvimento, este estudo objetivou-se validar, por meio da análise fatorial confirmatória, a versão adaptada para crianças brasileiras do Parent Perception Inventory - PPI, para mensurar o comportamento dos pais com relação às práticas educativas na percepção dos filhos. Foram realizadas ainda procedimentos para validação convergente, utilizando-se o Questionário de Práticas Parentais-QPP (PASQUALI et al.,2012) e análise da confiabilidade por meio do alfa de Cronbach. Participaram do estudo 600 crianças de 7 a 12 anos, de ambos os sexos, de escolas públicas e privadas da cidade de Ribeirão Preto-SP que responderam duas versões do PPI, uma para o pai e outra para a mãe, cada uma com 18 itens que avaliam nove classes de comportamento positivo e nove classes de comportamento negativo. Por meio do método de Máxima Verossimilhança pôde-se confirmar o modelo de duas dimensões, fatores positivos e negativos, referentes às práticas adotadas, distribuídos respectivamente nos itens impares e pares da escala para as duas versões. Tais componentes apresentaram Alfa de Cronbach entre 0.67 e 0.81 e se correlacionaram positivamente com os domínios da escala QPP - Questionário de Percepção dos Pais, com valores entre 0,463 e 0,638. Conclui-se que o instrumento é valido e pode ser usado em estudos para identificar o comportamento parental do ponto de vista da criança
Título em inglês
Validation of the adapted version of the Parent Perception Inventory - PPI for Brazilian children
Palavras-chave em inglês
Child ; Factor analysis ; Parent-child relationship ; Psychological tests
Resumo em inglês
The theme of raising a child has received attention of many researchers and several papers have devoted particular attention to parental styles and practices. Since the 1930s, psychology researchers, and clinicians have been concerned with issues such as: What is the best way to educate children and what are the consequences that can be caused in their development when educated by different models of parents. Considering the relevance of the relationship between parents and children in the development process, this study aimed to validate, through the confirmatory factorial analysis, a version adapted for Brazilian children of the Parent Perception Inventory-PPI to measure the parent`s behavior in relation to educational practices in the perception of children. We also performed procedures for convergente validation using the Questionário de Percepção do Pais - QPP (PASQUALI et el., 2012) and reliability analysis by Cronbach`s alfa. The study included 600 children aged from 7 to 12 incomplete years, both boys and girls, from public and private schools in the city of Ribeirão Preto-SP, who answered two versions of the PPI, one for the father and one for the mother, each with 18 items which evaluate nine classes of positive behavior and nine classes of negative behavior. By means of the Maximum Likelihood method, the two-dimensional model, positive and negative, could beconfirmed, referring to the adopted practices, distributed respectively in the odd and even items of the scale for the two versions. These components presented Cronbach's alpha between 0.67 and 0.81 and correlated positively with the domains of the scale QPP- Parent Perception Questionare, used to test the convergent validity with values between 0,463 and 0,638. We conclude that the instrument is valid and can be used in studies to identify parental behavior from the child's point of view
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-01-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.