• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Suzana Xavier Ribeiro
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2017
Orientador
Banca examinadora
Nagano, Marcelo Seido (Presidente)
Escrivão Filho, Edmundo
Santos, Fernando César Almada
Torkomian, Ana Lúcia Vitale
Ubeda, Cristina Lourenço
Título em português
Contribuições ao estudo da gestão do conhecimento e da colaboração universidade-empresa-governo: proposição conceitual e estudo de casos em Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia no Brasil
Palavras-chave em português
Colaboração universidade-empresa-governo
Gestão do conhecimento
Tripla hélice
Resumo em português
O propósito desta tese é investigar como a gestão do conhecimento e a colaboração universidade-empresa-governo incluindo as três hélices se relacionam influenciando o desempenho das organizações. Como principal contribuição, pretende-se propor um modelo analítico que relaciona as teorias da Gestão do Conhecimento e da Tripla Hélice, modelo mais referenciado para aprofundar esse tipo de cooperação, e as dimensões propostas (que são a estrutural, a relacional, a cognitiva e o contexto), considerando as particularidades do contexto brasileiro. No ambiente competitivo contemporâneo, a capacidade de as organizações criarem e utilizarem o conhecimento torna-se cada vez mais fundamental para a busca da vantagem competitiva sustentável, o que leva inclusive à busca de novas formas de arranjos interorganizacionais. A escolha do tema se justifica pela escassez de pesquisas empíricas que relacionem os tópicos de gestão do conhecimento e de colaboração universidade-empresa-governo de forma integrada com foco no contexto brasileiro. Os representantes desse tipo de colaboração selecionados para compor o estudo são Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia (INCTs). Como técnica qualitativa de análise de dados foi utilizada a análise de conteúdo categorial. Os principais resultados mostram que a estrutura organizacional (estrutural) influencia tanto o relacionamento entre os integrantes (relacional) quanto o fluxo de conhecimento (cognitiva), bem como os elementos relacionais (cultura colaborativa, confiança e liderança) facilitam o compartilhamento de conhecimento. Além disso, o contexto afeta essas três outras dimensões. Como principais barreiras no processo de transferência de conhecimento são identificadas as diferenças culturais, a burocracia e a realidade socioeconômica, e como facilitadores a presença de parques tecnológicos e incubadoras, a proximidade geográfica entre universidade e empresa e os incentivos governamentais.
Título em inglês
A conceptual proposition and case studies conducted at Brazilian National Institutes of Science and Technology for the analysis of knowledge management and university-industry-government collaboration
Palavras-chave em inglês
Knowledge management
Triple helix
University-industry-government collaboration
Resumo em inglês
This thesis focuses on an investigation into the way knowledge management and university-industry-government collaboration influence the performance of organizations. As the main contribution, an analytical model that relates the theories of Knowledge Management and the Triple Helix, the most referenced model for such cooperation, and the structural, relational, cognitive dimensions, as well as the context is proposed. The model takes into consideration the particularities of the Brazilian context. In todays competitive environment, the ability of organizations to create and use their knowledge has become fundamental for their pursuit of sustainable competitive advantages and new forms of organizational arrangements. The choice of the topic is justified by the scarcity of studies on the identification and analyses of the main aspects of this form of collaboration in an integrated way and focused on the Brazilian context. A categorical content analysis was used as a qualitative technique applied for a multiple case study of National Institutes of Science and Technology (INCTs). The results show both context and organizational structure (structural dimension) influence the relationship between members (relational dimension) and flow of knowledge (cognitive dimension) and the relational elements (collaborative culture, trust and leadership) facilitate knowledge sharing. Cultural differences, bureaucracy and socioeconomic reality were identified as the main barriers in the process of knowledge transfer, whereas facilitators included presence of science parks and incubators, geographical proximity between university and business and government incentives.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-10-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.