• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.18.2007.tde-20122007-141314
Documento
Autor
Nome completo
Danielle Dornellas Diniz
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2007
Orientador
Banca examinadora
Oliveira Neto, José Dutra de (Presidente)
Cazarini, Edson Walmir
Ribeiro, Evandro Marcos Saidel
Título em português
A interação no ensino a distância sob a ótica dos estilos de aprendizagem
Palavras-chave em português
Ensino a distância
Estilos de aprendizagem
Fórum
Interação
Resumo em português
As pessoas têm diferentes preferências no aprender, que acabam se refletindo nas suas diversas características acadêmicas e profissionais. Há muito tempo se procura uma resposta para a pergunta: "por que nas mesmas condições de ambiente e forma de ensino, dois estudantes de mesmo nível intelectual, possuem níveis de aprendizagem diferentes?". Parte da resposta pode ser encontrada nos estilos de aprendizagem, os diferentes modos pelos quais as pessoas percebem e processam as informações. Entender os diferentes estilos de aprendizagem é um passo importante para favorecer a individualidade, tirar proveito das habilidades e também identificar os modos menos preferidos de aprender. Esse autoconhecimento é fundamental ao tratamos do ensino a distância (EaD), que requer que os próprios alunos se organizem e otimizem seu próprio aprendizado. A partir do momento em que conhecem suas preferências, os estudantes têm a possibilidade de dirigir sua aprendizagem nessa direção. Por outro lado, o professor também tem subsídios para planejar atividades e disponibilizar recursos que atendam a uma variedade maior de alunos, diminuindo assim a taxa de desistência e mantendo a motivação, uma vez que a mesma também está intimamente ligada com o nível de comunicação e interação na sala virtual. Assim, o objetivo deste projeto é mapear os estilos de aprendizagem de estudantes matriculados em um curso de licenciatura em Computação na modalidade EaD e analisar a influência desse construto na interação desses estudantes no fórum. Para a coleta dos estilos de aprendizagem dos 36 alunos foram usados os instrumentos desenvolvidos por Felder e Soloman (1991) e o de Keirsey e Bates (1984), ambos traduzidos para o português. Os resultados identificam uma distribuição dos estilos de aprendizagem bem característica para alunos de um curso de licenciatura em Computação a distância. Além disso, as correlações entre esses estilos de aprendizagem e a interação na sala virtual na ferramenta fórum demonstram que os alunos ativos (FELDER; SOLOMAN, 1991) foram os que possuíram níveis de maior interação e de forma oposta, os racionais (KEIRSEY; BATES, 1984) estavam entre os que menos participaram das discussões. Verificou-se também uma predominância de indivíduos ativos dentre os que responderam aos tópicos de forma objetiva (critério de interação C1), assim como uma tendência de indivíduos dessa dimensão relacionarem mais os assuntos discutidos (critério de interação C2). Dessa forma, os resultados confirmam que o modo como os alunos interagem no fórum tem relação com seus estilos de aprendizagem, os quais podem auxiliar na proposição de atividades que motivem e incrementem a participação na sala virtual.
Palavras-chave em inglês
Forum
Interaction
Learning styles
Long-distance education
Resumo em inglês
People have different preferences in learning, that reflect in their several professional and academic characteristics. Long ago it is looking for an answer to the question: "why, in the same conditions of environment and education form, two students of same intellectual level, have different learning levels?". Part of the reply can be found in the learning styles, the different ways for which people perceive and process the informations. Understanding the different learning styles is an important step to favor the individuality, to make good use of the abilities and also identify the ways less preferred to learn. This self-knowledge is fundamental when we are dealing with the long-distance education, which request that the own students organize themselves and optimize their own learning. From the moment when they know their preferences, the students have the possibility to direct their learning in this direction. On the other hand, the teacher also has subsidies to plan activities and to arrange resources for a bigger variety of students, thus diminishing the desistance rate and keeping the motivation, a time that this one is also deeply connected to the level of communication and interaction in the virtual room. Thus, the objective of this project is to map the learning styles of the students registered in a computer science course in long-distance education, and to analyze the influence in these students' interaction in the forum. For the collection of the learning styles of the 36 students, it had been used the tools developed by Felder and Soloman (1991) and the Keirsey and Bates' (1984), both translated into portuguese. The results identify a distribution of the learning styles well characterized for students of a long-distance bachelor course in Computer Science. Moreover, the connections between these learning styles and the interaction in the virtual room in the forum tool show that the active students (FELDER; SOLOMAN, 1991) were who had the levels of bigger interaction and, in contrast, the thinkers students (KEIRSEY; BATES, 1984) were among the ones that had less participated in the debates. It was also verified a predominance of active individuals between who had answered to the topics objectively (interaction criterion C1), as well as a trend of individuals of this dimension relate more the argued subjects (interaction criterion C2). This way, the results confirm that the way as the students interact in the forum has a relation with their learning styles, which can assist in the proposal activities that motivate and develop the participation in the tools of the virtual classroom.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-01-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.