• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.18.2006.tde-12122006-215334
Documento
Autor
Nome completo
Ana Paula Furlan
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2006
Orientador
Banca examinadora
Fabbri, Glauco Tulio Pessa (Presidente)
Ceratti, Jorge Augusto Pereira
Leite, Leni Figueiredo Mathias
Motta, Laura Maria Goretti da
Soria, Manoel Henrique Alba
Título em português
Considerações acerca da adesão e da suscetibilidade à umidade de misturas asfálticas densas à luz de algumas propriedades mecânicas
Palavras-chave em português
Adesão
Coesão
Misturas asfálticas
Propriedades mecânicas
Suscetibilidade à umidade
Resumo em português
Este estudo apresenta uma contribuição à compreensão do fenômeno da adesão e da sua perda que as misturas asfálticas apresentam em conseqüência da ação da água. Para tanto, foram testados diversos tipos de misturas asfálticas à luz dos processos preconizados pela ASTM e pela AASHTO para avaliação de suscetibilidade à umidade. Foram executados vários experimentos fatoriais, que consideraram as principais variáveis influentes no fenômeno da adesão, tais como: tipo de agregado (basalto, gabro e granito), tipo de asfalto (CAP 20 e CAP 40), processo de produção de misturas (Marshall, ASTM e AASHTO), volume de vazios (4 e 7%), teor de asfalto (3) e uso ou não de cal. As propriedades monitoradas foram a resistência à tração e o módulo de resiliência. Entre outras constatações, verificou-se nesta pesquisa que a cal melhorou a adesividade das misturas na maioria dos casos; o procedimento da AASHTO mostrou-se mais efetivo na detecção de suscetibilidade à ação de água nas misturas; ensaios de módulo de resiliência indicaram variações nas características mecânicas dos corpos-de-prova que os ensaios de resistência à tração não conseguiram detectar; as misturas com asfalto tipo CAP 20 apresentaram menos suscetibilidade à umidade que as com CAP 40; o aumento no volume de vazios das misturas redundou em maior perda de adesividade e maiores teores de asfalto levaram as misturas a menores sensibilidades à água. Dentre todas as misturas estudadas, as com granito foram as que exibiram maior sensibilidade aos efeitos da água, independentemente do tipo e do teor de asfalto utilizados.
Título em inglês
Considerations on adhesion and moisture susceptibility of asphalt mixtures by mean of mechanical properties
Palavras-chave em inglês
Adhesion
Asphalt mixtures
Cohesion
Mechanical properties
Moisture susceptibility
Resumo em inglês
This study presents a contribution to the understanding of the adhesion phenomenon and its loss when water acts in asphalt mixtures. Several kinds of asphalt mixtures were evaluated by means of ASTM and AASHTO moisture susceptibility tests. Experiments based on factorial design were performed considering some of the main factors that act on adhesion phenomenon, such as: aggregate (basalt, gabbro and granite), asphalt (CAP 20 and CAP 40), laboratorial mixture production procedure (Marshall, ASTM and ASHTO), air voids content (4 and 7%), asphalt content (3 levels) and the presence of lime. Mechanical properties of asphalt mixtures were evaluated by resilient modulus and tensile strength. The main conclusions are: lime improved adhesiveness of asphalt mixtures for all studied cases; AASHTO’s procedure was more effective to diagnostic the moisture susceptibility; resilient modulus test indicated changes in mechanical characteristics of specimens that the tensile strength did not detect; mixtures with CAP 20 exhibited less moisture susceptibility than mixtures with CAP 40; mixtures with high air voids presented higher loss of adhesiveness; mixtures with higher asphalt content tended to exhibit lower adhesiveness losses. In almost all cases, the asphalt mixtures with granite aggregate exhibited more water susceptibility, despite asphalt’s kind and content.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
AFurlan.pdf (4.58 Mbytes)
Data de Publicação
2007-01-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.