• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.18.2018.tde-28082018-110456
Documento
Autor
Nome completo
Fabiana Yukiko Moritani
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2018
Orientador
Banca examinadora
Calil Junior, Carlito (Presidente)
Ballarin, Adriano Wagner
Rodrigues, Sergio Augusto
Título em português
Proposta de classes de resistência para peças estruturais de madeira: Eucalyptus urograndis, Pinus taeda e Schizolobium amazonicum (Paricá)
Palavras-chave em português
Caracterização de peças estruturais de madeira
Classes de resistência
Classificação
Madeira estrutural
Resumo em português
A madeira de floresta plantada se destaca no setor florestal e da construção civil, diante das restrições para o uso em larga escala das espécies tropicais. Devido ao rápido crescimento e as características inerentes às árvores, as propriedades mecânicas de espécies de floresta plantada são influenciadas pelas características de secagem e de crescimento. A norma brasileira ABNT NBR 7190: 1997 está em fase de revisão e, dentre os itens discutidos pela comissão científica estão os métodos de classificação visual e mecânica e a caracterização de resistência para peças em dimensões estruturais. O trabalho teve como objetivo propor classes de resistência de três espécies de madeira de floresta plantada (Eucalyptus urograndis, Pinus taeda e Schizolobium amazonicum (Paricá)) para uso estrutural. Foram realizados os ensaios de classificação visual e mecânica para peças estruturais e os ensaios de caracterização de resistência para que fosse possível estimar as propriedades mecânicas por meio da classe de resistência atribuída na classificação visual e mecânica. Os resultados foram testados estatisticamente para avaliar as propriedades mecânicas das classes de resistência de cada espécie e compará-las com as normas estrangeira e internacional. Com base nos resultados obtidos e nas análises estatísticas realizadas, foram propostas três classes de resistência para o Eucalyptus urograndis, duas classes de resistência para o Schizolobium amazonicum (Paricá) e para o Pinus taeda.
Título em inglês
Proposal for strength classes for structural timber: Eucalyptus urograndis, Pinus taeda e Schizolobium amazonicum (Paricá)
Palavras-chave em inglês
Grading
Strength classes
Strength graded timber
Structural timber
Resumo em inglês
Timber from reforestation species are been used for civil construction, considering the restrictions on the large-scale use of tropical species. The mechanical properties of reforestation species are influenced by the drying and growth characteristics, due to the fast growth and the inherent characteristics of the trees. The Brazilian standard ABNT NBR 7190: 1997 is under review and among the items is being discussed by the scientific committee are the methods of visual and mechanical grading and the full-size testing for structural elements. The aim of this work was to propose strength classes of three timber species from reforestation species (Eucalyptus urograndis, Pinus taeda and Schizolobium amazonicum - Paricá) for structural use. Grading tests based on the visual and mechanical characteristics were performed and compared with the strength and stiffness properties making possible to estimate the mechanical properties by of the strength classes assigned in the visual and mechanical grading. The results were statistically tested to evaluate the mechanical properties for the strength classes of each species and to compare them with the foreign and international standards. According to the results obtained and the statistical analysis three strength classes were proposed for Eucalyptus urograndis, two strength classes for Schizolobium amazonicum (Paricá) and Pinus taeda.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-08-31
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.