• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.18.2015.tde-21122015-105438
Documento
Autor
Nome completo
Juliano Silveira Baena
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2015
Orientador
Banca examinadora
Dias, Antonio Alves (Presidente)
Calil Junior, Carlito
Molina, Julio Cesar
Título em português
Comparação dos critérios de dimensionamento de ligações por pinos metálicos (parafusos) em estruturas de madeira
Palavras-chave em português
Estruturas de madeira
Ligações
Pinos metálicos
Resumo em português
Um dos tipos de ligação mais comum em estruturas de madeira é aquele feito por meio de parafusos solicitados transversalmente (pino metálico). A revisão da ABNT NBR:7190 de 1997, que introduziu os conceitos do Método dos Estados Limites, apresentou alteração nos critérios de dimensionamento dessas ligações, levando a resultados diferentes em relação à norma anterior, de 1982, de acordo com o meio técnico-científico. Nesse contexto, o objetivo deste trabalho foi realizar uma comparação dos critérios de dimensionamento das normas ABNT NBR:7190, versões 1997 e 1982, com as normas EUROCODE 5: 2004, LRFD: 1996, AS: 1994, que possuem grande tradição na utilização de estruturas de madeira. Após a realização da comparação teórica entre os critérios, foi realizada experimentação em modelos de ligação, para a situação com maior divergência. Para pequenas relações entre a espessura da peça de madeira e o diâmetro do pino, os resultados obtidos na comparação teórica indicaram que os valores de resistência calculados pela ABNT NBR7190: 1997 são inferiores aos calculados pelas outras normas, enquanto que, para valores elevados dessa relação e com madeira de maior resistência, os valores obtidos pela norma brasileira podem ser superiores.
Título em inglês
Comparison of design criteria for laterally loaded metal dowel-type (bolts) fasteners in timber structures
Palavras-chave em inglês
Bolts
Connections
Timber structures
Resumo em inglês
Bolts laterally loaded (metal dowel-type) are the most commonly used connectors in timber structures. The review of the NBR: 7190 1997 standard that introduced the concepts of the states limit method showed changes in design criteria of bolts, reaching different results compared to the previous standard, 1982, according to the scientific technician staff. In this context, the aim of this study was to compare the design criteria of NBR standards: 7190, versions 1997 and 1982, and standards of other countries with great tradition in the use of timber structures. After the theoretical comparison of the criteria, an experimental evaluation in connections was done considering the case with greater divergence. For small relationships between the thickness of the timber member and the bolt diameter, theoretical results indicated that the strength values calculated by ABNT NBR7190: 1997 are lower than those calculated by other standards, while for high values of this relationship and wood of higher strength classes, the values obtained by Brazilian standards may be higher.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-12-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.