• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.17.2018.tde-23032018-123014
Documento
Autor
Nome completo
Aline de Araújo Naves
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2017
Orientador
Banca examinadora
Muglia, Valdair Francisco (Presidente)
Júnior, Jorge Elias
Reis, Rodolfo Borges dos
Souza, Luís Ronan Marquez Ferreira de
Título em português
Valor adicional da sequência de difusão na acurácia diagnóstica da ressonância magnética no estadiamento linfonodal de pacientes com neoplasia de próstata
Palavras-chave em português
Imagem de difusão por ressonância magnética
Imagem por ressonância magnética
Metástase linfática
Neoplasias da próstata
Resumo em português
INTRODUÇÃO: O adenocarcinoma de próstata (CaP) é a segunda neoplasia maligna de órgãos sólidos mais frequente em homens no mundo. As metástases linfonodais alteram o estadiamento e o prognóstico dos pacientes. O objetivo deste trabalho é avaliar a acurácia diagnóstica da Ressonância Magnética de próstata (RMP) na detecção de metástases linfonodais pélvicas e avaliar a acurácia dos critérios morfológicos, da imagem ponderada em difusão (DWI) e coeficiente de difusão aparente (ADC). MATERIAIS E MÉTODOS: No período de 1 de janeiro de 2015 a dezembro de 2016 foram avaliados, por dois observadores, 60 exames de RMP de pacientes que realizaram prostatectomia radical e linfadenectomia pélvica. Em momentos diferentes foi realizada análise morfológica (sequência ponderadas T2) e da DWI, com a medida do ADC e comparado o desempenho de ambas. RESULTADOS: Na análise por paciente da sequência T2 e DWI, a RMP apresentou uma sensibilidade variando de 45,5% a 63,6% e especificidade de 87,0% a 97,6%, sem diferença estatisticamente significativa. Já na análise por lesão os valores da sensibilidade variaram de 15,4% a 53,8% e a especificidade de 86,3% a 90,6%. Apenas para o observador 1 (menos experiente) a DWI aumentou a detecção de linfonodos. Não foi verificada diferença estatisticamente significativa entre as dimensões dos linfonodos positivos e negativos ou do ADC. CONCLUSÃO: A DWI não aumentou a acurácia diagnóstica da RMP no estadiamento linfonodal de pacientes com CaP. O critérios isolados de tamanho e o valor do ADC não apresentaram boa acurácia devido a sobreposição entre os valores dos linfonodos normais e patológico.
Título em inglês
Incremental value of diffusion-weighted imaging in diagnostic accuracy on lymph node staging of prostate cancer by Magnetic Resonance Imaging
Palavras-chave em inglês
Diffusion
Lymphatic metastasis
Magnetic resonance imaging
Prostate cancer
Resumo em inglês
INTRODUCTION: Prostate cancer (PC) is the second most common malignancy in men worldwide. Lymph node metastases change the staging and prognosis of these patients. The objective of this study was to evaluate the adittional value of Diffusionweighted magnetic resonance imaging (DWI-MRI) using mean apparent diffusion coefficient (ADC) to lymph node staging of patients with PC. MATERIALS AND METHODS: Between January 2015 and December 2016, two observers evaluated 60 consecutive MRI exams of patients who underwent radical prostatectomy and pelvic lymphadenectomy. At different times, morphological analysis (T2 sequences) and DWI were performed with the ADC measurement and compared the performance of both. RESULTS: In per patient analysis of T2 and DWI images, MRI showed a sensitivity ranging from 45.5% to 63.6% and specificity from 87.0% to 97.6%, with no statistically significant difference. In per lesion analysis, sensitivity ranged from 15.4% to 53.8% and specificity from 86.3% to 90.6%. Only for observer 1 (less experienced) DWI increased lymph node detection. There was no statistically significant difference between dimensions of the positive and negative lymph nodes as well as ADC measurement. CONCLUSION: DWI did not increase the diagnostic accuracy of MRI in the lymph node staging of patients in PC. Mean ADC and lymph node size, alone or in combination, did not showed good accuracy due to the overlap between normal and pathological lymph node findings.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-07-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.