• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.17.2018.tde-25042018-142651
Documento
Autor
Nome completo
Nayara Soares da Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2018
Orientador
Banca examinadora
Regalo, Simone Cecilio Hallak (Presidente)
Caldeira, Eduardo José
Grossi, Debora Bevilaqua
Prado, Karina Fittipaldi Bombonato
Título em português
Efeito da Doença de Parkinson na eficiência dos ciclos mastigatórios
Palavras-chave em português
Doença de Parkinson; Eficiência mastigatória; Eletromiografia; Músculo esternocleidomastoideo; Músculo masseter; Músculo temporal
Resumo em português
Doença de Parkinson é classificada como uma doença crônica degenerativa e progressiva, prevalecendo em indivíduos de 50 a 70 anos de idade, sendo mais comum no gênero masculino. Apresenta como principais sinais e sintomas o tremor ao repouso, bradicinesia, rigidez muscular e instabilidade postural, comprometendo a cadeia musculoesquelética. Esta pesquisa avaliou a eficiência dos ciclos mastigatórios por meio do envoltório linear do sinal eletromiográfico do músculo masseter, temporal e esternocleidomastoideo em indivíduos com doença de Parkinson. Foram selecionados 24 participantes na faixa etária entre 50 e 70 anos que foram distribuídos em dois grupos: com Doença de Parkinson (média ± DP 66,16 ± 3,37 anos, n=12) e sem Doença de Parkinson (média ± DP 65,83 ± 3,01 anos, n=12). O eletromiógrafo MyoSystem-I P84 foi utilizado para avaliar a eficiência dos ciclos mastigatórios na mastigação habitual e não habitual. Os dados foram tabulados e submetidos à análise estatística (teste t de student, p <= 0.05). Os resultados demonstraram que o grupo com a Doença de Parkinson apresentou aumento da atividade eletromiográfica durante os ciclos mastigatórios na mastigação não habitual com Parafilm M® sendo significativo para o músculo temporal direito (p = 0,01). Para a mastigação habitual de alimentos consistentes e macios houve uma maior ativação dos músculos mastigatórios e cervical para o grupo com a doença quando comparado ao grupo controle, sendo significativo para a mastigação habitual com amendoins o músculo temporal direito (p = 0,02), temporal esquerdo (p = 0,03), masseter direito (p = 0,01) e músculo esternocleidomastoideo direito (p = 0,001) e para a mastigação habitual com uvas passas o músculo temporal direito (p = 0,001), temporal esquerdo (p = 0,001), masseter direito (p = 0,001), masseter esquerdo (p = 0,03), esternocleidomastoideo direito (p = 0,001). Baseados nos resultados deste estudo pode-se concluir que em indivíduos com a Doença de Parkinson demonstrou menor eficiência na mastigação não habitual e habitual com alimentos consistentes e alimentos macios quando comparado ao grupo controle.
Título em inglês
Effect of Parkinson's disease on the efficiency of masticatory cycles
Palavras-chave em inglês
Electromyography; Masseter muscle; Temporal muscle; Masticatory efficiency; Parkinson's disease; Sternocleidomastoid muscle
Resumo em inglês
Parkinson's disease is classified as a chronic degenerative and progressive disease, prevalent in individuals from 50 to 70 years of age, being more common in the male gender. It presents as main signs and symptoms the tremor at rest, bradykinesia, muscular rigidity and postural instability, compromising the musculoskeletal chain. This research evaluated the efficiency of masticatory cycles by means of the linear envelope of the electromyographic signal of the masseter, temporal and sternocleidomastoid muscle in individuals with Parkinson's disease. Twenty-four participants in the age group between 50 and 70 years old were divided into two groups: Parkinson's disease (mean ± SD 66.16 ± 3.37 years, n = 12) and without Parkinson's disease (mean ± SD 65.83 ± 3.01 years, n=12). The MyoSystem-I P84 electromyograph was used to evaluate the masticatory cycling efficiency in habitual and non-habitual mastication. Data were tabulated and submitted to statistical analysis (student t test, p <= 0.05). The results showed that the group with Parkinson's Disease showed an increase in electromyographic activity during the masticatory cycles during non-habitual mastication with Parafilm M® being significant for the right temporal muscle (p = 0.01). For the usual mastication of consistent and soft foods, there was a greater activation of the masticatory and cervical muscles for the group with the disease when compared to the control group, being significant for the usual chewing with peanuts the right temporal muscle (p = 0.02), (p = 0.01) and right sternocleidomastoid muscle (p = 0.001) and for the habitual mastication with raisins the right temporal (p = 0.001), left temporal = 0.001), right masseter (p = 0.001), left masseter (p = 0.03), right sternocleidomastoid (p = 0.001). Based on the results of this study, it can be concluded that in individuals with Parkinson's disease, the efficiency of chewing is unusual and usual with consistent foods and soft foods when compared to the control group.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-05-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.