• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.17.2018.tde-02042018-120604
Documento
Autor
Nome completo
Bruno Ferreira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2018
Orientador
Banca examinadora
Regalo, Simone Cecilio Hallak (Presidente)
Santiago, Paulo Roberto Pereira
Caldeira, Eduardo José
Goiato, Marcelo Coelho
Moraes, Renato de
Título em português
Alterações morfológicas e funcionais no sistema estomatognático decorrentes da ataxia espinocerebelar - análise eletromiográfica, eficiência mastigatória, espessura muscular e força de mordida molar máxima
Palavras-chave em português
Ataxia espinocerebelar; Eletromiografia; Espessura muscular; Força de mordida; Músculo masseter; Músculo temporal
Resumo em português
A ataxia espinocerebelar é um transtorno neurológico que se manifesta em vias motoras com perda de coordenação dos movimentos, nistagma, distúrbios no controle postural, da marcha, e disfagia. Este estudo teve como objetivo analisar a atividade eletromiográfica, eficiência mastigatória, espessura dos músculos temporal e masseter e força de mordida molar máxima de indivíduos com ataxia e indivíduos que não apresentavam comprometimentos neurológicos. Foram selecionados 28 indivíduos com idade média de 45± 3 anos, de ambos os gêneros, distribuídos em dois grupos pareados: com ataxia (n=14; GA) e sem a doença, controle (n=14; GC). Os músculos temporais e masseteres bilateralmente foram avaliados com as seguintes ferramentas: eletromiografia de superfície nas condições clínicas que exigiram controle postural da mandíbula e mastigação; ultrassonografia, nas condições de repouso e máxima intercuspidação habitual e avaliação da força de mordida molar máxima (direita e esquerda). Os resultados da eletromiografia normalizada, ultrassonografia e força de mordida molar máxima, foram analisados por meio do teste t para amostras independentes considerando valor p<=0,05. Os resultados evidenciaram maior atividade eletromiográfica dos músculos temporais e masseteres em todas as condições posturais da mandíbula para o grupo GA, com diferença significante para o músculo temporal direito (p=0,01) e temporal esquerdo (p=0,05) em protrusão; lateralidade direita (p=0,02) e lateralidade esquerda (p=0,01). Na mastigação, o grupo GA apresentou menor eficiência dos ciclos mastigatórios, com diferença significante para todos os músculos avaliados (p=0,00). Na espessura muscular observou-se maior espessura nos músculos temporais e masseteres para o grupo GA em todas as condições clínicas, exceto para o músculo masseter direito em repouso que apresentou valores semelhantes ao GC, não havendo diferença estatística significante. Quanto à força de mordida molar máxima, o GA apresentou menor média em ambos os lados com diferença estatística significante (p<=0,05). Este estudo sugere que o sistema estomatognático de indivíduos com ataxia apresentam alterações morfológicas e funcionais, principalmente na atividade eletromiográfica, eficiência mastigatória e força de mordida molar máxima.
Título em inglês
Morphological and functional changes in the stomatognathic system due to spinocerebellar ataxia - electromyographic analysis, masticatory efficiency, muscle thickness and maximum molar bite force
Palavras-chave em inglês
Bite force; Electromyography; Masseter muscle; Muscle thickness; Spinocerebellar ataxia; Temporal muscle
Resumo em inglês
Spinocerebellar ataxia is a neurological disorder manifested in motor functions with loss of coordination of movements, nystagmus, disorders in postural control, gait and dysphagia. This study aimed to analyze the electromyographic activity, masticatory efficiency, temporal and masseter muscle thickness and maximal molar bite force of individuals with ataxia and individuals who did not present neurological impairments. We selected 28 individuals with the average age of 45± 3 years, of both genders, distributed in two matched groups: with ataxia (n=14; AG) and without the disease, control (n=14; CG). The temporal muscles and masseters were evaluated bilaterally with the following tools: surface electromyography in clinical conditions that required postural control of the mandible and mastication; ultrasonography, in the conditions of rest and maximum habitual intercuspation and evaluation of the maximum molar bite force (right and left). The results of normalized electromyography, ultrasonography and maximum molar bite force were analyzed statistically by t-test for independent samples considering value p<=0.05. The results showed a higher electromyographic activity of the temporal muscles and masseters in all postural conditions of the mandible for the AG group, with a significant difference for the right temporal (p=0.01) and left temporal muscle (p=0.05) on protrusion; right laterality (p=0.02) and left laterality (p=0.01). In chewing, the AG group presented lower efficiency of the masticatory cycles, with a significant difference for all muscles evaluated (p=0.00). Regarding muscle thickness, a greater thickness was observed in the temporal and masseter muscles for the AG group in all clinical conditions, except for the right masseter muscle at rest, which presented values similar to the CG, with no statistically significant difference. Regarding the maximum molar bite force, AG presented lower average on both sides with a significant statistical difference (p<=0.05). This study suggests that the stomatognathic system of individuals with ataxia presents morphological and functional alterations, mainly in the electromyographic activity, masticatory efficiency and maximum molar bite force.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-05-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.