• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.17.2006.tde-19122006-145040
Documento
Autor
Nome completo
Liana Barbaresco Gomide
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2006
Orientador
Banca examinadora
Reis, Francisco José Cândido dos (Presidente)
Silva, Cristiane Soncino
Terra Filho, João
Título em português
Repercussões tardias da radioterapia sobre a função pulmonar em pacientes com câncer de mama
Palavras-chave em português
câncer de mama
dispnéia
função pulmonar
radioterapia
Resumo em português
A realização de radioterapia adjuvante no tratamento do câncer de mama está comumente associada com complicações pulmonares em curto prazo, mas é questionável se essas alterações podem estar presentes também ao longo do tempo. Este trabalho teve como objetivo avaliar, em mulheres que foram diagnosticadas com câncer de mama, o comportamento da função pulmonar e a presença de dispnéia 18 meses após o término da radioterapia. Para tanto, foi realizado um estudo caso-controle em um grupo de 40 voluntárias não tabagistas e sem doenças cardiorrespiratórias que foram divididas em: irradiadas e controle. No grupo irradiado foram incluídas pacientes que realizaram tratamento conservador para o câncer de mama e que receberam radioterapia adjuvante. No grupo controle participaram voluntárias saudáveis com características físicas, etárias e antropométricas semelhantes ao grupo irradiado. Os parâmetros da função pulmonar como volumes (inclusive residual), capacidade vital forçada, fluxos expiratórios máximos e capacidade de difusão foram obtidos por meio do espirômetro GS Plus da Collins. O sintoma de dispnéia em pacientes irradiadas foi quantificado pela escala de dispnéia do Conselho Britânico de Pesquisas Médicas (MRC). As pacientes que realizaram radioterapia apresentaram valores de CPT, CV, CVF e VEF1 (em percentual do previsto) significativamente menores (p<0,05) que os valores correspondentes obtidos pelas voluntárias controle. Observamos ainda, uma tendência dos parâmetros da função pulmonar diminuírem à medida que o grau de dispnéia aumentava. As pacientes com dispnéia grau 2, apresentaram valores de CV, CVF e VEF1 (em percentual do previsto) significativamente menores que as pacientes que não relataram dispnéia. A detecção de alterações da função pulmonar em fases tardias de pacientes submetidas à radioterapia reforça a necessidade de seguimento longitudinal prolongado pré e pós-procedimento.
Título em inglês
Long-term pulmonary effects of radiotherapy detected by pulmonary function in breast cancer patients
Palavras-chave em inglês
breast cancer
dyspnea
pulmonary function
radiotherapy
Resumo em inglês
Adjuvant radiotherapy for breast cancer is commonly associated with short-term pulmonary complications. Long-term risks of this regimen are, however, still debated. The aim of this study was to evaluate dyspnea and pulmonary function 18 months after radiotherapy in breast cancer patients. The population studied consisted of 40 nonsmoking subjects free of cardiorespiratory disease separate divided in two groups: irradiated and control. In the irradiated group they were included patient that undergone breast-conserving surgery and adjuvant radiotherapy and in the group control healthy subjects with age, height and weight similar to the irradiated group. Pulmonary function parameters as volumes (including residual volume), forced vital capacity, maximum expiratory flow and lung capacity diffusion were obtained through GS Plus Collins spirometer. Dyspnea in the irradiated patients was quantitated by the Medical Research Council (MRC) dyspnea scale. Patients that undergone radiotherapy had values of TLC, VC, FVC and FEV1 (as percent predicted) that were significantly less (p <0,05) than corresponding values for the control subjects. Lung function parameters trended downward as the dyspnea score increased. Patients with level 2 dyspnea, had values of VC, FVC and FEV1 (as percent predicted) that were significantly less than corresponding values for the level 0 dyspnea patients. Changes in pulmonary function detected a long term after radiotherapy in breast cancer patients intensify the achievement follow-up study before and after long term treatment with radiotherapy.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Dissertacao.pdf (585.51 Kbytes)
Data de Publicação
2007-01-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.