• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Celia Aparecida Stellutti Pachioni
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2006
Orientador
Banca examinadora
Mazzer, Nilton (Presidente)
Fernandes, Carlos Henrique
Grossi, Debora Bevilacqua
Iyomasa, Mamie Mizusaki
Negrão Filho, Ruben de Faria
Título em português
Lesão por esmagamento do nervo isquiático de ratos: estudo da vascularização
Palavras-chave em português
esmagamento
nervo isquiático
rato
vascularização
Resumo em português
Este trabalho teve como objetivo estudar as alterações microvasculares intraneurais agudas em nervo isquiático de rato submetido à esmagamento por diferentes cargas. Foram utilizados sessenta ratos machos da linhagem Wistar, distribuídos em dois grupos experimentais de acordo com o protocolo de injeção de vasos e subdivididos de acordo com a carga de esmagamento. Os nervos isquiáticos direitos de cada grupo experimental foram isolados e submetidos ao esmagamento com diferentes cargas (0,5 Kg, 1 Kg, 5 Kg, 10 kg e 15 kg) por 10 minutos e os nervos isquiáticos esquerdos foram utilizados como controle. Após o esmagamento, 30 animais foram submetidos ao Protocolo I, que constou de: cateterização da aorta abdominal, perfusão manual da solução composta de tinta da China e gelatina 5% em formol 10%, dissecação e retirada dos nervos direitos e esquerdos, desidratação e diafanização para análise longitudinal dos vasos intraneurais. Os outros trinta animais foram submetidos ao Protocolo II, que constou de: cateterização da aorta abdominal e perfundidos com solução composta de tinta da China e gelatina 5% em soro fisiológico e, após, mantidos em freezer -20°C por uma hora. Em seguida os nervos foram dissecados e retirados em toda a sua extensão, cortados em 3 fragmentos, congelados em isopentano em gelo seco e armazenados em freezer -70°C, seccionados em cortes transversais semi-seriados em criostato para análise e contagem dos vasos intraneurais. Os resultados mostraram regiões de hematoma endoneural e epineural nas diferentes cargas utilizadas indicando que as forças de esmagamento foram suficientes para lesar os vasos intraneurais do nervo isquiático, especialmente com cargas elevadas. A análise morfométrica mostrou um comportamento diferente nas três regiões estudadas, constatando menor número de vasos na região do esmagamento e não nas regiões acima e abaixo da mesma. Estes resultados sugerem lesão localizada dos vasos intraneurais que foi proporcional à carga de esmagamento, causando hematoma endoneural e epineural, o que criará um microambiente desfavorável para a regeneração das fibras nervosas que também foram lesadas nesse modelo.
Título em inglês
Crush injury of the rat sciatic nerve: vascularization study.
Palavras-chave em inglês
crush injury
rat
sciatic nerve
vascularization
Resumo em inglês
The objective of this work was to study the acute intraneurial microvascular changes in the rat sciatic nerve submitted to a crush injury by different loads. Sixty Wistar male rats were used and distributed into two experimental groups according to vessel injection protocol and subdivided according to the crush load. The right sciatic nerves of each experimental group were isolated and submitted to crush by different loads (0,5 Kg, 1 Kg, 5 Kg, 10 kg and 15 kg) for ten minutes. The left sciatic nerves were used as controls. After the crush, thirty animals were submitted to Protocol I, which consisted of: abdominal aorta catheterization, manual perfusion withf a solution composed of China ink and gelatin 5% in formaldehyde 10%. After that the right and left nerves were collected, fixed in formaldehyde10%, dehydrated and diaphanized for longitudinal analysis of the intraneurial vessels. The other thirty animals were submitted to Protocol II, which consisted of: abdominal aorta catheterization, as described above and perfused with a solution of China ink and gelatin 5% in physiologic saline and then placed in a freezer at -20°C for one hour. After that the nerves were dissected and removed in their entire length, cut into three fragments, frozen in isopentane and dry ice and placed in a freezer at -70°C, cut in semi-serial histological transverse sections for analysis and intraneurial vessel quantification.The results showed endoneurial and epineurial haematoma areas in the different groups, indicating that the crush forces were enough to damage the intraneurial vessels, specially with high loads. The morphometrical analysis showed a different profile in the three fragments, with smaller number of vessels in the crush region then above and below, suggesting that the damage to intraneurial vessels was proportional to the crush load, causing endoneurial and epineurial haematoma, which creates an unfavorable microenvironment for the regeneration of the nerve fibers that were also damaged in that model.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
TESECELIAPACHIONI.pdf (3.23 Mbytes)
siginifica que o arquivo pode ser somente acessado dentro da Universidade de São Paulo.
Data de Publicação
2007-03-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.